Pular para o conteúdo
Você está em: Página Inicial > Política > Delegado Rodrigo Bartolomei acusa Lula de mandar PCC o matar #boato

Delegado Rodrigo Bartolomei acusa Lula de mandar PCC o matar #boato

Delegado Rodrigo Bartolomei acusa Lula de mandar PCC o matar, diz boato (Foto: Reprodução/Facebook)

Boato – Após sofrer atentado, delegado Rodrigo Bartolomei acusa Lula de encomendar sua morte junto ao grupo PCC

Nos últimos dias, algumas acusações sem provas sobre o presidente Luiz Inácio Lula da Silva começaram a surgir nas redes sociais. O assunto? Uma suposta ligação de Lula com o grupo Primeiro Comando da Capital (PCC).

Mas essas histórias não são novas. Durante a campanha presidencial de 2022, esse roteiro circulou com bastante frequência na internet. Em suma, os textos tentavam associar o presidente Lula com grupos criminosos, como o PCC e o Comando Vermelho.

E se você acha que as histórias pararam por aí, está enganado. De acordo com uma publicação que está sendo compartilhada nas redes sociais, o delegado Rodrigo Bartolomei teria acusado Lula de mandar o PCC matá-lo. Segundo a história, o presidente Lula estaria usando o PCC para lavar dinheiro por meio de empresas fantasmas. Confira:

Vídeo: é falso que imagens mostram Lulinha agredindo a esposa

Versão 1: “O delegado  Rodrigo Bartolomei após ser vítima da organização criminosa PCC, onde teria acusado o ex-presidiário Lula de ser o mandante da tentativa de assassinato. Para delegado, que já mandou prender Luiz Inácio, além de ser o responsável por descobrir a ligação de Lula com o PCC em São Paulo, o delegado pediu pelo indiciamento do petista por formação de quadrilha, suborno e mais de R$100 milhões em propinas. Além de lavar dinheiro para a organização criminosa do qual o processo foi arquivado pelo ministro Alexandre de Moraes, o mesmo ministro que mandou arquivar o pedido da Polícia Federal de São Paulo para investigar a ligação de Lula com o PCC”. Versão 2: “DELEGADO RODRIGO BARTOLOMEI ACUSA O EX-PRESIDIÁRIO DE MANDAR MATA-LO ATRAVÉS DO PCC. ASSISTAM:”. Versão 3: “Delegado acusa Lula de tentar mata-lo após ter mandado prender o ladrão”.

Versão 4: ‘Lula mandou me matar’ diz Delegado que PRENDEU o ladrão Versão 5: Exigir um mandado de prisão, a justiça brasileira em abril determinou a devolução de mais de 200 milhões para uma liderança criminosa que foi solto pelo Supremo após o montante milionário ser apreendido do tráfico em operações dos Estados Unidos FBI e a Polícia Federal. O montante apreendido seria também para pagar aos juízes após o Ministro Alexandre de Moraes ter recebido para favorecer o ex-presidiário corrupto. A PF se tornou capacho de bandidos que estão usando e abusando para cometer ilicitudes, do tipo destruir evidências que podem colocar muitos magistrados numa penitenciária.

Após surgirem denúncias contra os membros do Poder Judiciário brasileiro, chamou atenção até mesmo da maior agência de investigação do mundo, o FBI. O crescente número de criminosos internacionais se escondendo no Brasil devido às leis fracas, juízes e políticos corruptos, é um fato que alarmou autoridades internacionais. Até mesmo um ditador sanguinário pisou no Brasil a convite de Luiz Inácio, pelo qual o FBI ofereceu 15 milhões de dólares para quem capturasse e entregasse aos Estados Unidos Nicolás Maduro.

O FBI deflagrou uma das maiores operações da história, que mandou para a cadeia juízes que se aliaram ao crime e foram condenados por receber propinas de cartéis. Em 2022, a agência norte-americana e a Polícia Federal do Brasil firmaram uma parceria para investigar o envolvimento de grandes cartéis com autoridades brasileiras. No entanto, infelizmente, a chegada desse governo corrupto expulsou do país os agentes do FBI. Foi revelado que os ministros do STF estariam envolvidos com o crime internacional.

O delegado da PF de São Paulo, Rodrigo Bartolomei, que foi responsável por descobrir um esquema de corrupção envolvendo o ex-detento Luiz Inácio, enviou um pedido de prisão ao PGR Augusto Haras, alegando que Lula havia pago mais de 50 milhões para evitar a prisão. O Tribunal de Justiça de São Paulo havia negado a quebra do sigilo telefônico do petista, onde Lula apareceu em áudio negociando propina. Bartolomei anteriormente pediu um mandado de busca e apreensão em uma residência em São Paulo, na qual o delegado alega que o proprietário seria Luiz Inácio. Os imóveis de luxo do petista seriam o livro de propinas.

A investigação, conduzida pelo delegado, sofreu forte interferência após Lula entrar no Supremo para afastar Bartolomei da Superintendência da PF. Mesmo após a equipe do delegado descobrir mais um escandaloso esquema de corrupção envolvendo Luiz Inácio, ele foi até o FBI, já que há relatórios da agência norte-americana citando o ex-detento como um dos beneficiários de um grande cartel mexicano que estaria expandindo suas operações para o Brasil.

No início deste ano, em janeiro, o delegado foi até os Estados Unidos, na sede do FBI, pedir ao diretor-geral chefe da agência relatórios nos quais o ministro da Suprema Corte foi flagrado recebendo propina. O FBI tem monitorado várias autoridades suspeitas de envolvimento com cartéis internacionais, já que suspeitam de um grande esquema de corrupção, talvez até o maior da história.

Uma operação conjunta entre a Polícia Federal e o FBI, realizada em setembro do ano passado, prendeu os chefes de cartéis, onde foram flagrados em negociações de propinas que deveriam ser pagas a políticos e membros do Poder Judiciário. De acordo com o FBI, os cartéis estão se expandindo no Brasil devido à facilitação do Poder Judiciário, no qual o chefe da agência norte-americana declarou ser o mais corrupto entre todos os países.

Para o delegado Rodrigo Bartolomei, o Ministro do Supremo Alexandre de Moraes deveria estar na cadeia. O atual superintendente da PF de São Paulo corroborou a notícia-crime do delegado da PF contra Alexandre de Moraes por abuso de poder e assinou um manifesto a favor de que seja instaurado o processo contra o ministro no Ministério Público. Bartolomei citou que havia sido alvo de intimidação pelo ministro por ter dado segmento a uma investigação que envolve políticos ligados a ele.

O delegado, que já havia dito que existem elementos para autorizar uma nova prisão de Lula após surgirem novos elementos comprovando as práticas criminosas, pode colocar novamente Rodrigo Bartolomei na cadeia. Ele pediu para que fosse conduzido a prestar depoimento em razão do áudio em que Lula dizia que deveriam ter matado o seu ex-ministro e melhor amigo, Antônio Palocci. Bartolomei sofreu forte retaliação do Poder Judiciário quando Alexandre de Moraes pediu que fosse colocado sigilo na justiça e retirado das mãos do delegado Bartolomei a condução que pedia pelo indiciamento do ex-presidiário. Por isso, o chefe da PF pediu aos agentes federais o cumprimento de busca e apreensão de documentos após o vazamento do áudio. Pediu um mandado para o juiz de primeira instância para realizar a prisão de Lula. O delegado Bartolomei informou após isso que Lula tem padrinhos poderosos dentro da Suprema Corte e que estariam ajudando o petista a escapar da cadeia ao conseguir se blindar graças ao mandado de segurança assinado pelo Ministro do Supremo Tribunal Federal. Os ministros estariam interferindo na condução de Lula, pois o delegado havia pedido que o petista fosse coercitivamente conduzido pela Polícia Federal. Um juiz de primeira instância assinou um mandado, a pedido do Delegado Bartolomei, para que Lula fosse conduzido até a Superintendência da PF em São Paulo.

Delegado Rodrigo Bartolomei acusa Lula de mandar PCC o matar?

A informação caiu como uma bomba nas redes sociais, em especial no YouTube e no Twitter, e agitou, novamente, teorias da conspiração. Apesar disso, a história não é verdadeira. A explicação fica por conta da falta de provas e pela origem da informação.

O texto apresenta caráter vago, é extremamente sensacionalista e não apresenta fontes confiáveis. Se isso não bastasse, não existem notícias sobre o assunto em veículos de comunicação confiáveis. E como já sabemos, essas são características recorrentes em fake news na internet.

Além disso, não é de hoje que histórias falsas sobre “coisas bombásticas” aparecem no YouTube. A equipe do Boatos.org já desmentiu inúmeras delas, como a que dizia que Mourão teria sido demitido após prova de traição contra Bolsonaro ser revelada. Também a que indicava que Alexandre de Moraes teria chorado ao ser preso após ordem de delegado da PF e, por fim, a que apontava que Bolsonaro teria descoberto um plano bilionário de João Doria e da China.

Ao procurar pelo assunto em questão, descobrimos que ele surgiu em uma página já bastante conhecida por espalhar fake news pelo YouTube. E infelizmente, até hoje nunca foi punida ou sofreu consequências por isso.

Ao acessar o canal, é possível ver uma lista de histórias falsas que foram espalhadas pela internet, como o texto que apontava que o FBI teria prendido o ministro Alexandre de Moraes, também a história de que uma deputada teria mandado prender o ministro Alexandre de Moraes e o procurador-geral da República Augusto Aras teria autorizado a prisão.

Como já explicamos em todas essas histórias, os vídeos não apresentam provas, surgiram do “nada” e foram publicados, inicialmente, em um canal que só publica fake news, que segue enganando os internautas, faturando com histórias falsas e ainda não sofreu nenhum tipo de punição.

Em resumo: a história que diz que o delegado Rodrigo Bartolomei teria acusado Lula de mandar o PCC matá-lo é falsa! A história surgiu em um canal do YouTube que é bastante conhecido por compartilhar fake news (e até hoje não ser punido). Além disso, o vídeo não apresenta provas, apenas o famoso “disse me disse”. Ou seja, toda essa história não passa de boato.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 9275-5610

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/41sX0QS
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3yPELWj
 – Siga-nos no Kwai https://bit.ly/3cUbEso