WhatsApp de “gente da oposição” com “confissões de vários crimes” é grampeado #boato

Boato – A CIA grampeou o WhatsApp da oposição e descobriu a confissão de vários crimes como fraude nas urnas, envolvimento na facada e compra de deputados para não aprovar voto impresso.

No jogo entre quem inventa e quem desmente fake news, um dos principais predicados é a paciência. Isso porque não são raros os casos em que, após serem desmascarados em relação a algum assunto, boateiros decidem “dobrar” (ou multiplicar) a aposta e insistem na mentira. Hoje, vamos falar de uma dessas “multiplicações”.

Após o Boatos.org desmentir que José Dirceu está chantageando o ministro do STF Luís Roberto Barroso, que deputados estão sendo comprados para não aprovarem o voto impresso e até que um perfil fake autointitulado Imperador Dom Pedro fez denúncias reais, um texto circula na internet como uma compilação dessas balelas.

Uma lista atribuída à mensagens do WhatsApp de “gente da oposição” e a um “grampo da CIA” tem circulado como se fossem “confissões de vários crimes”. No rol citado, estão que as urnas foram fraudadas, que Jean Wyllys ajudou no atentado de Adelio Bispo contra Bolsonaro em 2018, que houve propina a deputados e que é verdade a chantagem a Barroso.

No final, é dito que “Bolsonaro tem tudo nas mãos” e que pode, na hora em que quiser, colocar o Exército na rua e há o pedido de compartilhamento junto com a constatação de que a pessoa que publicou vai ser “bloqueada” na rede social. Leia a mensagem que circula online:

CONFISSÕES DE VÁRIOS CRIMES – TUDO GRAVADO = Deve ter sido a CIA quem grampeou o WattsApp de “gente da oposição”… Recebi 15 mensagens no Zap, consegui botar no FB em blocos de 3. 

Em resumo: 1) Confessam que as urnas serão fraudadas, ou todos serão expulsos do Brasil; 2) Jean Willis foi o deputado que forjou visita de Adelio Bispo à Câmara dos Deputados no dia do atentado à Bolsonaro; 3) Falam em novo atentado para matar Bolsonaro; 4) Os pilantras do MBL recebem propina; o dinheiro já foi entregue para os “meninos” do MBL. 5) Confirmam que “Daniel” é o Zé Dirceu; e dizem que Bolsonaro só vai soltar o vídeo mais tarde “porque ele é muito esperto”; 6) Confessam que vem dinheiro da China para “comprar” deputados que estejam a favor do voto impresso.

Quem grampeou sabe de quem é a conta do WhatsApp; portanto, não há mistério. Bolsonaro tem TUDO nas mãos. Quando quiser, o Presidente pode mandar o Exército botar todo mundo na cadeia; pois: a) Confissão de propina da China; b) Plano para matar Bolsonaro; e c) Compra de “votos contra o voto impresso” são crimes que ferem à Constituição com previsão de morte (crime de lesa-pátria). Sem contar que confessam abertamente que dependem da fraude nas urnas para derrubar Bolsonaro. Bolsonaro tem tudo nas mãos. Só falta tomar as providências.

Com tais confissões, não há como o STF impor eleição sem voto impresso. Procurem os “prints” das mensagens – publiquei todas nesta plataforma, que, com certeza vai me bloquear por mais 30 dias. – PATRIOTAS: É necessário compartilhar ao máximo para outros Grupos.

CIA grampeou WhatsApp de “gente da oposição” com “confissões de vários crimes”?

Eita povo que gosta de mentir. O texto que está circulando é curto, mas são tantas notícias falsas que a gente vai ter que fazer uma lista sobre todas as balelas descritas na mensagem que circula online.

Fake #1 – WhatsApp de gente da oposição foi grampeado

Não é verdade que mensagens do WhatsApp de “pessoas da oposição” foram grampeadas. Não há qualquer prova disso e os “prints” que estão circulando por aí não passam de mensagens falsas que estão sendo compartilhadas, sem prova alguma, por uma conta fake que já publicou outras desinformações (mais detalhes aqui).

Fake #2 – A CIA descobriu tudo e passou nas mãos de Bolsonaro

Mais uma mentira do naipe “Trump perdeu a eleição de propósito para fazer uma grande revelação”. Com todo respeito, mas tem que ser muito “pouco inteligente” para apontar que a CIA entregou um pen drive para Bolsonaro se beneficiar politicamente. Também desmentimos esse fake (mais detalhes aqui).

Fake #3 – As urnas foram ou vão ser fraudadas no Brasil

Mais uma mentira que só está servindo para tentar justificar uma eventual (e cada vez mais possível) derrota de Bolsonaro em 2022. Apesar de todo o alarde sobre fraude em eleições (algumas divulgadas pelo próprio presidente da República), até hoje não há qualquer prova de eleições que foram fraudadas. Ao contrário, o Boatos.org até já desmentiu alguns boatos do tipo (aqui, aqui e aqui).

Fake #4 – Jean Wyllys teve participação no atentado contra Bolsonaro

Esse tipo de boato já circulou muito na internet e já rendeu até indenizações para Jean Wyllys. Não há qualquer prova de que Jean Wyllys tenha qualquer participação no caso da facada contra o presidente e que ele “ajudou” Adelio Bispo. Sobre um “novo atentado”: uma vez que as mensagens grampeadas são montagens, logo não há novo atentado.

Fake #5 – Deputados estão recebendo propina para não aprovar voto impresso

Mais um delírio. Desmentimos em duas oportunidades o tal fake. Novamente, trata-se de uma informação de uma fonte não confiável, com provas forjadas e sem lógica. Para mais detalhes, clique e leia os desmentidos aqui e aqui.

Fake #6 – Bolsonaro pode “colocar o Exército” nas ruas

Não, Bolsonaro não pode colocar o Exército nas ruas. Além de toda a tese se basear em informações falsas (conforme apontamos nos tópicos anteriores), qualquer tipo de golpe é institucional. Neste caso, quem estaria cometendo um crime seria o presidente da República.

Resumindo: a história que circula online e aponta que a CIA grampeou o WhatsApp de “gente da oposição”, descobriu vários crimes e entregou tudo para Bolsonaro é falsa. Trata-se de uma compilação de quase todos os fakes que desmentimos na última semana por aqui.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 99458-8494.

Ps2: Confira a nossa nova seção “Oportunidades” clicando aqui. Na página, você pode acesso a promoções, descontos e sites que dão brindes.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/3vN6CET
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3w3sv3d
 – Siga-nos no Kwai https://bit.ly/3cUbEso

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet