Bill Gates diz que vendedor de jornais de Nova York é o homem mais rico do mundo #boato

Boato – Bill Gates afirma que para uma pessoa ser rica de verdade ela deve ter um coração rico e não muito dinheiro. Por isso, ele disse que vendedor de jornais de Nova York é mais rico do que ele. 

Que Bill Gates é um dos homens mais ricos do mundo, isso todo mundo já sabe. O magnata, que é um dos fundadores da Microsoft, tem sua fortuna avaliada em mais de US$100 bilhões. Mas se engana quem pensa que toda a fortuna é destinada a uma vida confortável. Bill Gates e sua esposa, Melinda, também destinam parte dos lucros à filantropia. É dos dois a iniciativa onde bilionários se comprometem a doar, pelo menos, a metade de suas fortunas, em vida ou morte, à caridade.

Por outro lado, de acordo com uma história que está circulando nas redes sociais, Bill Gates não se acharia o homem mais rico do mundo. Segundo as publicações, Bill Gates teria elegido um vendedor de jornais de Nova York, que teria lhe dado dois jornais de graça, como o homem mais rico do mundo. Isso porque, de acordo com a história, Gates teria afirmado que para ser rico de verdade, a pessoa deve ter o coração rico e não muito dinheiro. Confira:

Alguém perguntou ao homem mais rico do mundo, Bill Gates: ” há alguém mais rico do que você no mundo?” Bill Gates respondeu: “Sim, há uma pessoa que é mais rica do que eu”. Depois contou uma história. Foi durante o tempo em que eu não era rico nem famoso. Eu estava no aeroporto de Nova York quando vi um vendedor de jornais. Eu queria comprar um jornal, e ao tê-lo nas minhas mãos descobri que não tinha moedas suficientes. Então, deixei de lado a ideia de comprar e devolvi o jornal ao vendedor. Eu disse-lhe que não tinha a moedas. O vendedor disse: “eu estou te dando isso de graça”. Diante da sua insistência, levei o jornal.

Casualmente, depois de 2 a 3 MESES, aterrizei no mesmo aeroporto e novamente me faltavam moedas para comprar um jornal. O vendedor ofereceu-me o jornal de graça novamente. Eu recusei e disse-lhe que não podia aceitá-lo porque nessa ocasião também não tinha nenhum tostão. Ele disse: “você pode levá-lo, estou compartilhando isso dos meus ganhos, não estarei perdendo”. peguei o jornal.

Depois de 19 anos eu me tornei famoso e conhecido pelas pessoas. De repente, lembrei-me desse vendedor. Comecei a procurá-lo e depois de aproximadamente 1 mês e meio de busca eu encontrei. Eu perguntei a ele: ” você me conhece?” Ele disse: “Sim, você é Bill Gates”. Perguntei-lhe de novo: ” Lembra-te uma vez que me deste o jornal grátis?” O vendedor disse: “Sim, eu lembro-me, te dei duas vezes”. Eu disse-lhe :” eu quero pagar a ajuda que você me deu essas duas vezes. O que você quiser na sua vida, diga-me, eu dou “. O vendedor disse: ” Senhor Bill Gates, acredite que ao fazer isso não poderá igualar a minha ajuda?” Eu perguntei por quê?” Ele disse: ” Eu te ajudei quando eu era um pobre vendedor de jornais e agora você está tentando me ajudar quando você se tornou o homem mais rico do mundo. Como pode sua ajuda igualar a minha?”

Nesse dia, percebi que o vendedor de jornais era mais rico do que eu, porque ele não esperou se tornar rico para ajudar alguém. As pessoas precisam entender que os verdadeiramente ricos são aqueles que possuem um coração rico, em vez de muito dinheiro. É realmente importante ter um coração rico para ajudar os outros. É muito fácil dar quando nos sobra, o difícil é presentear, ainda sem ter muito para dar. Seja generoso o tempo todo, sem esperar nada em troca.

Bill Gates disse que vendedor de jornais de Nova York é o homem mais rico do mundo?

A história é realmente comovente e traz uma mensagem bastante pertinente: devemos manter nossa empatia independente da quantia de dinheiro que tenhamos. Mas será que essa história realmente aconteceu com Bill Gates? A resposta é não!

Vamos aos fatos! Para começo de história, as publicações seguem aquele velho roteiro de fake news na internet: são vagas (não dizem onde e nem quando a entrevista foi feita), apelativas (o que se enquadra no caráter alarmista), possuem erros de português e não citam fontes confiáveis (se tratando de uma entrevista, era de se esperar que existisse uma fonte).

Vale lembrar que quando o assunto são histórias comoventes, Bill Gates é uma das personalidades favoritas para ilustrar esse tipo de publicação. Aqui no Boatos.org, nossa equipe já desmentiu várias dessas histórias, como o caso da gorjeta de US$5 ao garçom de um restaurante e também o caso das regras que ele supostamente aprendeu após sair da escola. Além disso, outros magnatas da área de tecnologia também já foram usados para ilustrar esse tipo de história, como Steve Jobs, que teve um texto sobre últimas palavras atribuído a ele.

Resolvemos, então, buscar pela suposta declaração de Bill Gates sobre o homem mais rico do mundo, mas encontramos apenas postagens no Facebook, Twitter e textos em blogs. Não conseguimos encontrar nenhuma publicação em veículo de comunicação confiável sobre o tal vendedor de jornais.

Por outro lado, conseguimos descobrir a verdade por trás da história. O texto, na verdade, começou a circular na internet em 2011. Originalmente, ele foi publicado em inglês e, posteriormente, traduzido para outras línguas. Vale ressaltar que nenhuma das duas páginas onde a história ‘brotou’ indica de onde a história foi tirada. Além disso, nenhuma das duas também se compromete com a verdade.

Um ponto curioso sobre a história é que, inicialmente, ela informava que o vendedor era negro. Com o passar do tempo e das traduções, o tom de pele foi ocultado. Por fim, antes de 2011, não existe nenhuma menção sobre a história. Era de se esperar que algo tão impactante tivesse fontes melhores (e não apenas textos em blogs ou publicações em redes sociais).

Em resumo: a história que diz que Bill Gates disse que vendedor de jornais de Nova York é o homem mais rico do mundo é falsa! Além de não termos encontrado a história em nenhum veículo de comunicação confiável, descobrimos que ela circula na internet desde 2011 e foi originalmente publicada no inglês. Vale ressaltar também a quantidade de histórias atribuídas a Bill Gates na internet. Com isso, já podemos cravar que tudo não passa de história da carochinha. Portanto, não compartilhe!

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99177-9164.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp http://bit.ly/2M3r9Bt
Compartilhe este artigo:
error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)