Marinella Della Negro, infectologista, faz áudio sobre o perigo da cebola #boato

Boato – A médica infectologista Marinella Della Negro, do hospital Emílio Ribas, gravou um áudio falando sobre o perigo da cebola.

Neste período de “entressafra de novas fake news” (parece que as de 2018 já se encerraram), muitos boateiros ou “inocentes” têm compartilhado uma série de balelas antigas (cadê a criatividade, meu povo). Algumas, como essa do WhatsApp Gold ou essa da escada rolante, se mantêm no “formato original”. Outras, como a do homem abrindo malas no avião, foram modificadas para voltar a circular. E cá estamos para falar de mais um boato “reciclado”.

Circula na internet um áudio atribuído à médica “Marinella Della Negro”, infectologista do Hospital Emílio Ribas (localizado na cidade de São Paulo), falando sobre o perigo das cebolas. Depois de uma introdução (com direito a onomatopeias), ela conta uma história. O áudio é acompanhado da seguinte mensagem: “Dra Marinella Della Negro . Infectologista do Hospital Emílio Ribas”. Escute o áudio (retirado desta matéria do Buzzfeed que desmente o “caso das cebolas”) e leia a transcrição da história:

Cuidado com as cebolas. Em 1919, a gripe matou 40 milhões de pessoas. Um médico visitou os agricultores, que tiveram o ataque, para ver se poderia ajudá-los a combater a gripe. Muitos dos agricultores e suas famílias, que haviam contraído a gripe, morreram. No entanto, o médico conheceu um fazendeiro cuja família era saudável e ninguém na casa pegou a gripe. O médico perguntou ao agricultor o que ele estava fazendo que era diferente dos outros. A esposa do fazendeiro respondeu que ela cortou uma cebola com casca em um prato e colocou em todos os cômodos de sua casa.

O médico pensou que poderia ter sido a cura, então ele pediu uma dessas cebolas. * Quando a colocou sob o microscópio, ele encontrou nela o vírus da gripe. * As cebolas, obviamente, absorveram todas as bactérias e, portanto, mantiveram a família saudável. Enviei esta história para um amigo no Oregon que regularmente me dá material sobre questões de saúde. Ele me respondeu com esta interessante experiência sobre as cebolas: Ele disse: Obrigado pelo lembrete. Não conheço a história do agricultor, mas sei que também tive pneumonia e fiquei muito doente. Do meu conhecimento anterior de cebolas, cortei as duas pontas de uma cebola, a coloquei em um jarro vazio, e o coloquei ao meu lado durante a noite. De manhã, comecei a me sentir melhor, enquanto a cebola ficava preta. Muitas vezes quando temos problemas de estômago, não sabemos a que culpar. Talvez as cebolas que comemos antes, sejam as culpadas.

Marinella Della Negro, infectologista, fez um alerta sobre o perigo das cebolas?

Mais uma vez, a tal história está se espalhando com força (desta vez na esteira da credibilidade da infectologista). Mas será mesmo que a médica Marinella Della Negro (na verdade, o sobrenome dela é “Negra”) fez um alerta em áudio sobre o perigo das cebolas? É claro que não. Vamos aos fatos.

Antes de falarmos da autoria (o nosso fato novo do desmentido de hoje), vamos falar do conteúdo. Como disse o Buzzfeed (inclusive usando como fonte o Boatos.org), o áudio da cebola é “a Bíblia das fake news”. Como já falamos inúmeras vezes sobre o assunto (teve a versão original em texto, a versão do print em revista e a volta da versão em texto), leia o que escrevemos nos links abaixo:

Já deu para ver que a história é falsa e manjada. Agora vamos à autoria. A mulher que gravou o áudio não é uma infectologista do Emílio Ribas. Temos duas provas para isso (além da óbvia, que é o fato da história da cebola ser falsa e o nome dela estar errado). A primeira é que a história foi desmentida pela Sociedade Brasileira de Infectologia. Leia nota publicada aqui:

A médica infectologista do Instituto de Infectologia Emílio Ribas Marinella Della Negra, profissional com décadas de serviços prestados à comunidade, vem sendo mais uma vítima da onda de ‘fake news’ propagadas via redes sociais. Um áudio veiculado pelo ‘Whats App’ e falsamente creditado à dra. Marinella dá conta de supostos perigos de cebolas armazenadas à saúde.

A médica em nenhum momento gravou tal áudio, tampouco avaliza qualquer informações sobre tal alimento. Se você receber este áudio, ou qualquer outro deste tipo, desconfie. Converse com seu médico de confiança e nunca o compartilhe! Impedir a propagação das ‘fake news’ é uma responsabilidade de todos nós.”

A segunda é que a gente sabe quem gravou o áudio. Trata-se da mesma mulher que espalhou histórias falsas como a que apontava que o Dr. Dráuzio Varella disse que mamografia causa câncer. Ou seja: é uma fonte manjada de fake news.

Resumindo: a história que aponta que a Dr. Marinella Della Negra (ou Negro) fez um alerta sobre o “perigo das cebolas” é falsa. Nem o alerta é verdadeiro nem a infectologista se prestou a isso. É mais uma história falsa que circula online sobre um assunto já manjado.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99177-9164.

Compartilhe este artigo:

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)