Pular para o conteúdo
Você está em: Página Inicial > Política > Vídeo mostra presidiários comemorando vitória de Lula no 1º turno das eleições #boato

Vídeo mostra presidiários comemorando vitória de Lula no 1º turno das eleições #boato

Vídeo mostra presidiários comemorando vitória de Lula no 1º turno das eleições, diz boato (Foto: Reprodução/Facebook)

Boato – Presidiários aparecem em vídeo gritando e comemorando a vitória de Lula no primeiro turno das eleições.

O segundo turno das eleições brasileiras de 2022 ocorre no próximo dia 30 de outubro. Faltam apenas 20 dias para os eleitores decidirem o próximo presidente do país e as campanhas eleitorais já estão a todo o vapor.

Infelizmente, as fake news sobre os candidatos, os partidos e o processo eleitoral também. E a desinformação tem atingido, principalmente, as pessoas mais ingênuas, não tão bem informadas e aquelas que acreditam em tudo, desde que a informação esteja de acordo com suas crenças.

Exemplo disso é a história de hoje. De acordo com uma publicação que está sendo compartilhada nas redes sociais, diversos presidiários teriam comemorado a vitória de Lula no primeiro turno das eleições. Segundo o vídeo que acompanha a história, presos aparecem comemorando e gritando palavras de apoio ao ex-presidente Lula, após a vitória no primeiro turno. Confira:

Vídeo: é falso que a Anvisa esteja barrando entrada de remédios no RS

Versão 1: “Presidiários em todo o Brasil comemorando a vitória de Lula no primeiro turno. Lula disse que irá liberar presos de pequenos delitos, “qual o problema do ladrão roubar um celular pra depois tomar uma cervejinha” Te pergunto; É isso que você quer para o Brasil ? É isso que você quer para o futuro dos seus filhos ?”. Versão 2: “Presidiários comemorando a vitória de Lula, no primeiro turno.   Sabe pq ? Pq o Lula não vai aceitar caso seja eleito, que eles Não sejam preso se lhe roubar e lhe matar p/ a noite ir tomar uma cervejinha”.

Versão 3: “Isso são os presidiários comemorando a vantagem de Lula nas eleições, você que vota em candidatos de esquerda, não tem o direito de reclamar se seu lar for imvadido por um marginal, se seu filho for morto por um simples roubo de celular, se sua filha for estripada por pessoas que seu candidato apoia, simples você vai fazer parte do mesmo time que eles, pense nisto e vejam quem é melhor para sua casa”.

Vídeo mostra presidiários comemorando vitória de Lula no 1º turna das eleições?

A informação viralizou nas redes sociais, em especial, no Facebook e deixou muitos eleitores revoltados com a situação. Apesar disso, a história não é verdadeira. A explicação fica por conta da falta de provas e da origem do vídeo.

Ao se deparar com a mensagem, logo de cara ficamos desconfiados. Isso porque ela apresenta as principais características de fake news na internet, como o caráter vago, extremamente alarmista, a falta de fontes confiáveis e a ausência de notícias sobre o assunto em veículos de comunicação confiáveis.

Além disso, o que não faltou nas eleições de 2022 foram fake news sobre falsos apoios políticos. A equipe do Boatos.org já desmentiu inúmeras delas, como a que dizia que Suzane von Richthofen seria candidata à deputada pelo PT e foi apoiada por Lula. Também a que indicava que o grupo Exaltasamba foi expulso de um show após manifestar apoio a Lula e, por fim, a que apontava que a Igreja Católica teria acabado de fechar apoio à candidatura de Bolsonaro.

Ao pesquisar mais informações sobre o assunto, descobrimos que a história já foi desmentida. De acordo com o site de fact-checking Checamos, da AFP, o vídeo usado na história de hoje além de ter sido adulterado, é antigo. Segundo a plataforma, o vídeo foi compartilhado, originalmente, no dia 30 de julho de 2016, em um blog do Rio Grande do Norte. Ainda de acordo com eles, no vídeo de melhor qualidade e com mais tempo de duração, é possível ver a frase “massa potiguar” em uma das camisetas levantadas pelos detentos.

Segundo o Checamos, o texto original aponta que os detentos estariam comemorando uma onda de ataques no Rio Grande do Norte, em 2016. O serviço de fact-checking também apurou que a informação foi compartilhada em um jornal local, que apontou que os presos estariam comemorando os ataques em Natal, no pavilhão 4 da penitenciária de Alcaçuz. Por fim, o vídeo original também mostra que os detentos estão gritando “uh, é a massa” e “é a massa potiguar”, não o jingle da campanha de Lula. A própria equipe da campanha eleitoral de Lula compartilhou o desmentido.

Em resumo: a história que diz que um vídeo mostra detento comemorando a vitória de Lula no primeiro turno das eleições é falsa! O vídeo usado na história é antigo e o áudio foi adulterado. O vídeo foi publicado, originalmente, em 2016 e mostram detentos comemorando uma série de ataques, em Natal (RN), na mesma época. As imagens originais mostram os presos gritando “uh, é a massa” e “é a massa potiguar”. Ou seja, a história não passa de balela!

Ps: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo siteFacebook e WhatsApp no telefone (61) 99458-8494.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/3uwu4ra
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3yPELWj
 – Siga-nos no Kwai https://bit.ly/3cUbEso

 

Marcações: