Seção eleitoral 1212 de Toronto foi apagada e não registrou voto de eleitor de Bolsonaro #boato

Boato – Homem votou em Bolsonaro, na seção eleitoral 1212, em Toronto (Canadá), mas seção não consta no sistema do TSE dos resultados das eleições.

As eleições de 2022 tiveram seu desfecho no dia 30 de outubro, com a vitória do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, escolhido para governar o Brasil por 4 anos a partir de 2023. Mas parece que o final, de fato, do pleito está longe de chegar ao fim para algumas pessoas.

Desde o resultado, apoiadores do presidente Jair Bolsonaro não se conformam com a conclusão das eleições de 2022. Por conta disso, decidiram fazer bloqueios em rodovias para mostrar sua indignação e pedir para que o Exército assuma o poder.

Nesse mesmo clima, histórias falsas sobre supostas fraudes nas urnas eletrônicas estão circulando nas redes sociais. Exemplo disso é a história de hoje. De acordo com uma publicação, a seção eleitoral 1212, de Toronto (Canadá), teria sido apagada. Segundo o vídeo que acompanha a história, a seção teria registrado, ao menos, um voto para o presidente Jair Bolsonaro, mas não consta no histórico do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Confira:

“Fala aí, pessoal. Tudo bem? Meu nome é Paulo Faria, eu moro no Canadá, Eu moro em Barrie, a… mais ou menos 1 hora e meia de Toronto, no norte eu moro. Eu dirigi […] onde eu vou votar. Tá aqui no meu comprovante de voto. Tá vendo? Votei na seção 1212. Guarda bem esse número aí, tá? Seção 1212. Zona 001. Vamo ali fazer a consulta. Vou mostrar pra vocês o que tá acontecendo aqui ó. Quero ver se tem como explicar isso aqui. Vamos lá. Pesquisa eleição, segundo turno. Vou tentar fazer rapidinho aqui pra não ficar grande o vídeo. Boletim de urna. É, exterior, tá aqui, exterior. Minha localidade: Toronto, né? Vou botar aqui. Toronto. Maravilha. Minha zona: 1. Vamo agora ver a minha seção de novo? 1212. Vamos ver se a 1212 tá aqui. Dá um zoom aí, gente. 1031, 1231, 1280. Cabou os 12, hein? Olha lá, hein? 1280, mostra de novo, por favor, o computador. 1280, 1362, 1402, continua aí. Até o final pra você ver, olha lá. Não tem a 1212. Eu queria saber sr. Alexandre de Moraes, cadê minha seção, aonde foi parar meu voto? Eu sou brasileiro, tenho direito ao meu voto. Gente, faz o favor, divulga isso aí. Vamo fazer chegar onde tem que chegar, porque eu fui votar e eu quero saber cadê meu voto. Grande abraço”. 

Seção eleitoral 1212 de Toronto foi apagada e não registrou voto de eleitor de Bolsonaro?

A história causou um verdadeiro burburinho nas redes sociais, em especial, no YouTube e alimentou a teoria de que as urnas teriam sido fraudadas. Entretanto, a história não é nada do que parece. A explicação está na junção de algumas seções no local.

Ao se deparar com a mensagem, ficamos bastante desconfiados, uma vez que ela apresenta as principais características de fake news na internet, como o caráter vago, extremamente alarmista e a ausência de notícias sobre o assunto em veículos de comunicação confiáveis.

Além disso, histórias falsas sobre supostas fraudes nas eleições não são novidade por aqui. A equipe do Boatos.org já desmentiu inúmeras delas, como a que dizia que Bolsonaro iria provar amanhã, às 19h, que houve fraude nas eleições. Também a que indicava que a juíza sueca Anna Ase teria falado sobre fraude nas eleições de 2022, no Brasil, e, por fim, a que apontava que uma auditoria na Argentina teria comprovado a fraude nas urnas brasileiras e foi apresentada em live.

Resolvemos, então, fazer o mesmo percurso indicado pelo homem no vídeo. Entramos no site do TSE e buscamos pela seção eleitoral 1212, em Toronto, no Canadá. De fato, a seção não consta no histórico do segundo turno das eleições de 2022. Mas a explicação é bastante simples.

A seção eleitoral 1212 foi agregada a outra seção. De acordo com o TSE, essa prática é prevista em lei e, em 2022, ocorreu em mais de mil seções instaladas no exterior. Ainda segundo o TSE, essa prática ocorre em seções com poucos eleitores, para diminuir os custos operacionais. Por fim, o próprio TSE também explicou que a página de resultados apenas mostra as seções principais, isto é, se você selecionar a seção a qual foi agregada a seção em questão (1212), vai ver que os votos foram computados. Segundo o TSE, para ver o resultado em todas as seções, inclusive, as que foram agregadas, basta acessar o Portal de Dados Abertos do TSE.

Em resumo: a história que diz que a seção eleitoral 1212, de Toronto, no Canadá, foi apagada para não registrar voto em Bolsonaro é falsa! A seção em questão foi agregada à outra seção que se encontra no mesmo local. Esse tipo de ação está previsto em lei e ocorre em seções com poucos eleitores, para diminuir os custos operacionais das eleições. O eleitor não conseguiu identificar a seção 1212 na página de resultados, porque a aba mostra apenas as seções principais. Dessa forma, os votos das seções agregadas constam nas seções que receberam a junção. O próprio TSE desmentiu a história e apontou que os dados podem ser consultados, separadamente, no Portal de Dados Abertos do TSE. Ou seja, a história não passa de balela!

Ps: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo siteFacebook e WhatsApp no telefone (61) 99458-8494.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/3sexfTk
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3yPELWj
 – Siga-nos no Kwai https://bit.ly/3cUbEso