Ronaldo Caiado é cercado pelo povo de Goiás após anunciar que rompeu com Bolsonaro #boato

Boato – Vídeo mostra governador Ronaldo Caiado sendo cercado pelo povo de Goiás e ofendido após anunciar que rompeu com o presidente Jair Bolsonaro. 

O pronunciamento do presidente Jair Bolsonaro, no dia 24 de março de 2020, pedindo o fim do isolamento social e a volta da “normalidade” não repercutiu de forma positiva no Brasil e, muito menos, no mundo. O discurso também não “pegou bem” entre os apoiadores de Bolsonaro. O governador de Goiás Ronaldo Caiado se posicionou contra o pedido feito pelo presidente e ainda anunciou que seu governo rompeu com Bolsonaro.

Depois da posição de Caiado, diversas publicações começaram a pipocar nas redes sociais. Uma, em especial, nos chamou a atenção. De acordo com a mensagem, o governador Ronaldo Caiado teria sido cercado por vários goianos após romper com Bolsonaro. No vídeo que acompanha a publicação, é possível ver pessoas segurando faixas em prol da intervenção militar e ofendendo o governador. Confira:

Versão 1: “Caiado foi dizer ao povo de Goiânia que o Bolsonaro está errado…vai lá… Olha aí em Goiânia o povo não aguentou…isso foi hoje ! Precisa acontecer no Rio e em SP também !”. Versão 2: “Agora de manhã Ronaldo Caiado recebendo o carinho do povo Goiano, e as máscaras vão caindo uma a uma”. Versão 3: “O traidor Ronaldo Caiado sendo cercado pelo povo na sua cidade! Quem não for patriota neste Brasil de hoje, NÃO TERÁ LUGAR E PAZ!”.

Ronaldo Caiado foi cercado pelo povo de Goiás após anunciar que rompeu com Bolsonaro?

O vídeo viralizou nas redes sociais e foi comemorado, especialmente, por aqueles que ainda apoiam o presidente Bolsonaro. Mas será que o governador Ronaldo Caiado realmente teria sido perseguido em Goiás após anunciar o rompimento com o presidente? Não é!

Vamos aos fatos! Uma simples leitura na publicação é o suficiente para as desconfianças crescerem. Isso porque ela apresenta diversas características de boatos online, como o caráter vago, alarmista, os erros de português e a falta de fontes confiáveis.

Além disso, antes mesmo da pandemia da Covid-19 começar, diversos vídeos passaram a ser compartilhados fora de contexto. A equipe do Boatos.org já desmentiu inúmeros deles, como o que dizia que o infectologista Adib Jatene teria criticado o isolamento social como forma de combater o coronavírus. Também o que indicava que um supermercado de São Vicente (SP) teria sido saqueado durante a quarentena do coronavírus e, por fim, o que apontava que o médico Drauzio Varella teria dito que vai continuar andando nas ruas durante a quarentena.

Ao buscar pela origem do vídeo, descobrimos que ele não tem nada a ver com o rompimento de Caiado com Bolsonaro. As imagens foram registradas durante os protestos do dia 15 de março de 2020. Na oportunidade, os manifestantes protestavam a favor do presidente Jair Bolsonaro e contra o Congresso e o Supremo Tribunal Federal (STF). É até possível ver algumas faixas pedindo por intervenção militar (uma das pautas do protesto).

Na época, o governador Ronaldo Caiado pediu responsabilidade dos goianos e não endossou as manifestações, tentando evitar o contágio pelo novo coronavírus no estado. Ele reforçou sua posição como médico, mas foi vaiado.

Após o evento, o incidente repercutiu nas redes sociais e vídeos que mostram o governador pedindo para que as pessoas fossem embora começaram a circular. Em um deles é possível ver o discurso de Caiado e, logo em seguida, a perseguição com vaias contra o governador.

Em resumo: a história que diz que o governador Ronaldo Caiado teria sido cercado pelo povo de Goiás após anunciar seu rompimento com Bolsonaro é falsa! As imagens, na verdade, foram gravadas no dia 15 de março de 2020 em um protesto a favor do presidente Bolsonaro e contra o Congresso e o STF. Antes do incidente, Caiado havia pedido responsabilidade aos manifestantes e que voltassem para casa por conta do contágio pelo novo coronavírus. Ou seja, é tudo balela. Não compartilhe!

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 99177-9164. 

Confira a lista de todas as fake news sobre o novo coronavírus

Clique nos links “bit.ly” para acessar nossos perfis:

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp http://bit.ly/2pzfTk6