Polícia divulga rostos de infiltrados do PSOL e PT pagos pela Globo que participaram de manifestações golpistas #boato

Boato – Agora tudo foi descoberto. A Polícia divulgou que foram infiltrados do PT e do PSOL pagos pela Globo que participaram das manifestações golpistas em Brasília. Rostos foram divulgados.

O que não tem faltado nos últimos dias na internet é informação falsa sobre as manifestações de cunho golpista realizadas no dia 8 de janeiro de 2023 em Brasília. Agora, uma “bomba” começou a circular em redes sociais de pessoas contrárias ao atual governo.

Um vídeo com uma captura de tela da página do Instagram Contra Golpe Brasil está circulando junto com mensagens que apontam que a polícia divulgou os rostos das pessoas que participaram dos atos golpistas. Mais do que isso: é dito que todos são integrantes do PT e do PSOL que foram pagos pela Globo. Leia a mensagem que circula online:

Confira também: É falso que Lulinha foi preso no Paraguai! Confira o desmentido em vídeo:

Clique e siga o Boatos.org no YouTube

URGENTE URGENTE A POLÍCIA  DIVULGOU OS QUE  QUEBRARAM TUDO. OS INFILTRADOS  ERAM  (TODOS) FILIADOS AO PSOL E AO PT E FORAM PAGOS PELA GLOBO.  COMPARTILHEM AO MÁXIMO  PARA TODO O BRASIL E EMVIEM PARA OUTROS PAISES TAMBÉM .  EU DISSE AO MÁXIMO

Polícia divulga rostos de infiltrados do PSOL e PT pagos pela Globo que participaram de manifestações golpistas?

A captura da postagem e a mensagem em questão se espalharam com tudo entre perfis em redes sociais e, principalmente, aplicativos como o WhatsApp e Telegram. Porém, a mensagem não passa de mais uma fake news sobre as manifestações golpistas.

A mensagem, por si só, o histórico de fake news do tipo e uma busca pelo assunto já acabam com a farsa em questão. Assim como uma “boa fake news”, a mensagem tem características de boatos como o caráter vago, o tom alarmista, erros de português e falta de citação de fontes confiáveis.

Além disso, o que não tem faltado é fake apontando que a ação nas manifestações golpistas são de infiltrados “da esquerda”. Já teve fake sobre “infiltrados com cartão do GSI”, “infiltrados fugindo por túnel secreto no Congresso” e até “identificação de infiltrado do MST que teria sido morto”.

Não demorou muito para descobrirmos a verdade. Ao contrário do que apontam as mensagens, a polícia não “divulgou” que quem realizou as depredações foram “infiltrados” do PT e do PSOL. Na realidade, as investigações até o momento têm levado, de fato, a bolsonaristas e pessoas que desejam uma intervenção militar no Brasil.

A página capturada, por sinal, nada tem a ver com a polícia. Trata-se de um perfil do Instagram que se propôs a identificar os manifestantes golpistas. E, claramente, é possível ver que há muitas pessoas que desejam um golpe no Brasil entre os identificados.

Vale apontar que não há qualquer prova de que haja qualquer infiltrado do PSOL, do PT ou pago pela Globo nos atos antidemocráticos do dia 8 de janeiro. Ou seja: tudo que temos é fake news tentando imputar, sem provas, a culpa dos atos à esquerda.

Resumindo: é falsa a informação que aponta a polícia divulgou que os atos de vandalismo na Esplanada dos Ministérios foram fruto de ações de membro do PSOL e o PT pagos pela Globo. A polícia não disse nada disso e a página printada nada tem a ver com a tal acusação.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 99458-8494.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/3uwu4ra
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3yPELWj
 – Siga-nos no Kwai https://bit.ly/3cUbEso

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet