Pular para o conteúdo
Você está em: Página Inicial > Política > General Augusto Heleno grava áudio sobre intervenção militar no caso da vitória de Lula #boato

General Augusto Heleno grava áudio sobre intervenção militar no caso da vitória de Lula #boato

General Augusto Heleno grava áudio sobre intervenção militar no caso da vitória de Lula, diz boato (Foto: Reprodução/WhatsApp)

Boato – O general Augusto Heleno gravou um áudio falando que vai promover uma intervenção militar no Brasil caso Lula vença as eleições.

O segundo turno das eleições presidenciais está com um volume de fake news muito maior do que o primeiro. E pautas antidemocráticas estão neste escopo. A última que vimos é uma suposta fala do general Augusto Heleno sobre os destinos do Brasil.

No áudio, ele cita que as Forças Armadas não vão aceitar a vitória de Lula por conta de ele ser um “condenado político” e por conta da fraude nas urnas eletrônicas e que, por isso, iria ocorrer uma intervenção militar no país no caso de vitória do candidato petista. Leia o áudio (que está sendo viralizado junto a uma foto do general):

É o deputado não enlouqueceu. Ele tá falando algo técnico. Das pessoas e o que eu tenho tentado dizer muito tempo, eles podem tentar, mas se tentarem, não vão levar. Eu me lembro que o José Dirceu. E o ministro Barroso fez uma piada, que eleição não se ganha se toma, eles podem tentar. Ué. Todo mundo é livre para fazer o que quiser, tentar o que bem quiser. O problema é se vai colar. Porque nós temos aqui um problema muito delicado.

Vídeo: é falso que imagens mostram Lulinha agredindo a esposa

As Forças Armadas brasileiras são constitucionais, elas obedecem às leis, mas desde que começou o pleito eleitoral já vem ocorrendo uma sucessão de problemas na confiabilidade das urnas e do pleito em si. Na imediação de dizerem, por exemplo, que Lula ganhou, tem um sério problema, Lula não pode assumir porque é um condenado político.

As ações judiciais sobre Lula não terminaram, foi apenas deslocado o eixo do tribunal para começar a investigar os colocaram no zero novamente. É mais ou menos como eles dissessem que 20 juízes. São incompetentes e que todas as provas estão em validade. É só que não existe dispositivo no Código de Processo Penal para proceder assim, além das interferências sobre os poderes alheios, afronta à Procuradoria-geral da República e o confronto com as Forças Armadas. E aqui nós temos um problema, as Forças Armadas não irão obedecer a ordem de um condenado pela justiça, porque se não, ela desonra.

Toda a sua estrutura moral. Perante o povo brasileiro e aí pode levar o país a uma guerra civil. Porque se o povo perder a confiança. Nas forças armadas, acabou. O Brasil acabou. Nós vamos entrar numa guerra civil, porque o que caracteriza uma guerra civil é quando o povo de uma nação não confia mais nas suas instituições. Assim sendo, torna fresar eles podem tentar, são livres para fazê-lo. O problema é se vai colar.

Porque as ruas têm demonstrado uma coisa, e as pesquisas são mentirosas e manipuláveis, tem demonstrado outra, o Lula, nesse tempo todo, não conseguiu fazer campanha nas ruas, diante do povo, anunciando aquele grupinho dele fechado ou em ambiente fechado, ou com os seus próprios seguidores.

E ele? Luiz Inácio Lula da Silva é um condenado da justiça. Ainda, ele não pode assumir a presidência da República. Isso simplesmente rasgar, Constituição, rasgar o código penal, código de processo penal. E eles já ofenderam por demais a procuradoria-geral da República, o presidente da República. Você viu a Entrevista do desembargador corregedor, que pediu aposentadoria, afirmando que ele não gostaria, não se sentiria bem de permanecer no tribunal, onde ele diz que 80% dos juízes não aceitam as regras do Supremo Tribunal Federal.

Então eu torno a dizer. Eles podem tentar levar a outra coisa. Vão provocar um cisma. Porque o povo já não confia nas urnas? E agora esse pronunciamento de Alexandre Moraes dizia que o Exército vai ter o que eu quero. Não que porque como se as Forças Armadas, que é a quarta instituição constitucional, não tenham direito de fazer apuração paralela, ele está afrontando as Forças Armadas.

E aí vem a questão, poder, eles podem se vão levar outra história? O Ciro Gomes, de quem eu não tenho simpatia, já falou sobre isso. Se Lula ganhar eleição no dia seguinte, a guerra civil, evidente que o Brasil vai entrar em crise institucional. Não tanto por parte do povo, mas por parte das forças armadas, que não vão aceitar bater continência para um criminoso, porque se o fizerem. Estão acomodados e aceitando que um criminoso comande as Forças Armadas. Simples assim, 2 e 2 são 4.

General Augusto Heleno grava áudio sobre intervenção militar no caso da vitória de Lula?

O áudio se espalhou com muita força entre grupos de bolsonaristas mais radicais. Porém a história que aponta que o general Heleno gravou o tal áudio sobre intervenção militar no caso da vitória de Lula é falsa.

O histórico recente deste tipo de fake news (que tentam “emplacar” uma intervenção militar no caso da vitória de Lula) nos deixa muito desconfiados da veracidade da informação. Desmentimos, por exemplo, áudios falsos atribuídos ao “major Picolino”, sobre hackers russos e fraudes e sobre o Exército pedir código-fonte das urnas.

Ao analisar o arquivo, achamos alguns furos. O primeiro está na quantidade de informações equivocadas no arquivo. A pessoa cita o áudio falsamente atribuído a Ciro Gomes e cita mentiras como a de que as Forças Armadas não aceitarão a vitória de Lula e que uma intervenção militar é constitucional.

Não bastasse isso, o próprio general Augusto Heleno resolveu desmentir a história falsa. Por meio de seu perfil oficial no Twitter, ele postou a foto que está sendo utilizada no boato e escreveu o seguinte: “O áudio que acompanha a foto abaixo está circulando nas redes sociais. Não tem nada a ver comigo.  É fake”.

Resumindo: é falsa a informação que aponta que o general Augusto Heleno gravou um áudio falando sobre intervenção militar no Brasil no caso da vitória de Lula nas eleições de 2022. Trata-se de uma fake news que foi desmentida pelo próprio ministro do Gabinete de Segurança Institucional.

Ps: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo siteFacebook e WhatsApp no telefone (61) 99458-8494.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/3uwu4ra
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3yPELWj
 – Siga-nos no Kwai https://bit.ly/3cUbEso