Bolsonaro foi envenenado com chumbo, mostram exames de sangue #boato

Boato – Amostras de exames de sangue do presidente Jair Bolsonaro mostram grande quantidade de chumbo. Isso prova que ele foi envenenado.

Desde que o presidente Jair Bolsonaro teve que ser internado por conta de complicações no intestino decorrentes da facada que levou em 2018 e um soluço persistente, muito se especulou sobre o estado de saúde dele e causas da internação (chegou-se a pensar em uma cirurgia de emergência). Mais recentemente, uma teoria ganhou força entre fãs do presidente.

De acordo com mensagens que circulam online, Bolsonaro teria, na realidade, sido envenenado. A prova disso estaria em um exame de sangue que teria detectado uma grande quantidade de chumbo. Leia duas das versões que circulam online:

Confira o desmentido em vídeo:

Versão 1: VEJA COMO DEUS CUIDA DOS SEUS. LEVOU BOLSONARO PARA O HOSPITAL, E MOSTROU PARA TODOS, ATRAVES DE UM SIMPLES EXAME DE SANGUE, QUE TINHA CHUMBO EM SEU SANGUE, E ESTAVAM TENTANDO ENVENENA-LO. AGORA, OS INIMIGOS NAO ENTENDEM COMO VENCER BOLSONARO. E ESTAO NO MATO SEM CACHORRO. ” BRASIL ACIMA DE TUDO, DEUS ACIMA DE TODOS”

Versão 2: Exames de sangue no Presidente Bolsonaro podem ter sido encontrado grandes quantidades de chumbo, sabemos que contaminação por chumbo é proveniente da alimentação e não por contato ao metal, se realmente isso aconteceu! é algo muito grave… Sangue de Bolsonaro contaminado com chumbo pode ser algo grave para saúde dele…

Bolsonaro foi envenenado com chumbo, mostram exames de sangue?

O que não faltou foi gente reverberando a informação por aí e apontando que Bolsonaro foi, de fato, envenenado. Porém, nem há provas de que o presidente tenha sido envenenado tampouco que haja um exame de sangue que mostre que ele tem uma grande quantidade de chumbo no sangue.

As mensagens, por si só, já carregam características de fake news como serem vagas, alarmistas, com erros de português e não citam qualquer fonte confiável que confirme a denúncia em questão. Para além disso, não é de hoje que essa história de “fulano” foi envenenado circula no mundo das fake news.

Já desmentimos boatos de “a internação ocorreu porque foi envenenamento” relacionadas a Ricardo Salles (aqui e aqui), Donald Trump, o goleiro Bruno, Anthony Wong e Flávio Bolsonaro (que passou mal, mas não chegou a ser internado).

Ao buscar por qualquer fonte confiável que apontasse para o suposto exame de sangue, nada encontramos. Ou seja: a informação de que um “exame” de Bolsonaro com chumbo no sangue surgiu (assim como tantos outros boatos) do nada. Nenhum dos boletins médicos apontaram para o excesso do elemento no sangue do presidente.

O mesmo pode ser dito em relação ao envenenamento. Os boletins médicos relacionados ao caso apontam que o problema de obstrução intestinal e, de acordo com o filho do presidente, foi retirado uma grande quantidade de líquido do estômago do presidente. Não há nada sobre envenenamento ou sobre chumbo.

Resumindo: é falsa a informação que um exame de sangue aponta que Bolsonaro foi envenenado por chumbo. Na realidade, o problema de saúde dele se deu por conta de complicações decorrentes da facada que recebeu em 2018 e não há qualquer registro (inclusive em exames de sangue) de envenenamento dele.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 99458-8494.

Ps2: Confira a nossa nova seção “Oportunidades” clicando aqui. Na página, você pode acesso a promoções, descontos e sites que dão brindes.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/3vN6CET
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3yPELWj
 – Siga-nos no Kwai https://bit.ly/3cUbEso

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet