Alexandre Garcia escreve texto “Caia logo Bolsonaro”, de apoio ao presidente #boato

Boato – O jornalista Alexandre Garcia escreveu um texto com o título “Caia logo Bolsonaro” em que, em tom de ironia, diz o que aconteceria se o presidente sofresse o impeachment.

Antes do presidente Jair Bolsonaro divulgar uma carta à nação em que mostrava um recuo do discurso belicoso no dia 7 de setembro, a mobilização para um impeachment dele ganhava força no meio político. Neste cenário, um texto atribuído ao jornalista Alexandre Garcia voltou a circular na internet.

O texto, que começa com os dizeres “Caia logo Bolsonaro” seria uma análise do que ocorreria no Brasil se o presidente fosse retirado do cargo. Entre às “previsões”, estaria a da “volta da corrupção” (não sabíamos que ela havia acabado, mas tudo bem), de “invasões do MST”, aumento da violência e piora na educação. Leia o texto que circula online:

Confira o desmentido em vídeo:

Aplausos para: Alexandre Garcia Caia logo Bolsonaro!!! Sem meias palavras! Quem não tiver preguiça e não for analfabeto funcional leia até o final! Sinceramente? Que Bolsonaro caia logo e não deixem Mourão assumir. Façam novas eleições, burlem as urnas e deem logo a vitória para Ciro, Haddad, Moro, Doria, ou qualquer outro vigarista. Assim o Brasil volta a ser o que era e a imprensa para de encher o saco.

Assim os idiotas se calam e voltam a postar nas redes sociais, apenas suas opiniões sobre futebol, novelas, BBB e música ruim. Que o novo presidente não dê entrevistas diárias, não se importe com a opinião da população e continue o legado de FHC, Lula e Dilma. Pode acreditar que o Brasil suporta. Que voltem logo os escândalos de corrupção permitida, assim como a grande farra dos cartões corporativos.

Que amigos e afilhados políticos, sem NENHUMA qualidade técnica, invadam os altos cargos de estatais e que volte assim a reinar mensalões, petrolões e tudo que a mídia aprova e o povo descolado finge que não existe, afinal assim fica tudo bem. E se acabar o dinheiro???? Oras, é só mandar imprimir mais. Não tem risco algum de inflação, pois Amoedo, especulador financeiro, e possível ministro, garante isso.

Para que reduzir o número de homicídios e criminalidade? Vamos voltar à liderança do horror. Ninguém se importa e o STF fica feliz. Japão, Israel e EUA são capitalistas cruéis e não merecem nossa confiança. Vamos apoiar a China, nossa grande parceira, e voltar a injetar dinheiro público em toda e qualquer ditadura de republiquetas.

Vamos encher de dinheiro as ONGs e os bolsos de artistas da MPB, que assim voltam a compor suas merdas super valorizadas e manter suas viagens pelo mundo às custas do dinheiro público. O Instagram precisa dessas imagens.

Quanto às TVs e jornais, especialmente Globo, o novo presidente tem de gastar em publicidade os bilhões da Saúde, para assim manter os altos salários de apresentadores que fingem se importar com o estúpido povo que acredita neles. Acabou o dinheiro? Amoedo garante, eu já disse: é só imprimir mais. Vamos deixar a mídia feliz e amiga de nosso novo presidente.

O MST precisa voltar a invadir terras sem intervenção da polícia, assim como os sindicatos necessitam cobrar parcelas mensais do trabalhador para financiar o luxo de seus dirigentes. Parem de incomodá-los. O BNDES tem de voltar a emprestar dinheiro para países “amigos” e empresas “bacanas”, sem cobrar juros e sem nenhuma garantia de pagamento.

Dinheiro não falta, mas se acabar, já sabem: é só imprimir mais e mais e mais… Precisamos voltar a ter 29 ministérios, cada um dedicado a um partido, para que escolham seus ministros tranquilamente. A polícia precisa de novos comandos para que a apreensão de drogas diminua, assim como a repressão ao crime, pois precisamos de paz, não de guerras contra facções.

O possível e hipotético futuro Ministro da Justiça e Segurança Pública, Freixo, garante que esse é o caminho. O novo presidente precisa saber “dialogar” com Senado e Congresso, não negando nenhum benefício a esse grupo de nobres trabalhadores que só querem o bem do Brasil. Merecem aumento de salário, aumento de assessores, vantagens, auxílios, não devemos barrá-los, pois estão lutando pelo Brasil. Se acabar o dinheiro, é só imprimir, poxa!

Quanto à educação, essa não precisa de nada. É só manter os reitores do PSOL, a UNE do PCdoB e o sagrado método Paulo Freire. E também ensinar mesmo sobre ideologia de gênero para que nossas crianças cresçam sabendo que podem mudar de sexo a hora que desejarem. E mais: nossos últimos lugares no ranking mundial de educação devem ser mantidos.

Ahhhh, que futuro grandioso!!! Que venha FHC, Lula, Witzel, Haddad, Moro, Doria, ou qualquer outro vigarista, pois o Brasil precisa voltar a ser Brasil. Poucas pessoas vão ler até o final, pois a grande maioria são analfabetos funcionais! Gostam de figurinhas! Alexandre Garcia! E mais, não vou na página de ninguém descordar das merdas que vcs postam, então não venham me encher o saco com conversa fiada neste post. Obrigado, de nd.

Alexandre Garcia escreveu texto “Caia logo Bolsonaro”, de apoio ao presidente?

Principalmente após pressões para que o presidente da República saísse do cargo, o texto se espalhou com tudo por aí. Porém, não só o texto não foi escrito por Alexandre Garcia como também já foi desmentido pelo Boatos.org em 2020. Como desmentido da época vale para agora, relembre o que escrevemos:

Quando nos deparamos com o texto, já imaginávamos do que se tratava. Isso porque, como falamos no início da nossa checagem, têm sido comuns mensagens falsamente atribuídas a Alexandre Garcia. Recentemente, desmentimos a autoria do jornalista em textos falando sobre isolamento social, Mandetta, Moro, governadores, China, entre outros. Foram tantos textos falsos que fizemos um vídeo falando para vocês terem cuidado com esse tipo de fake. Assista:

E, assim como nos outros casos, o texto não é de Alexandre Garcia. Bastaram duas buscas para chegarmos a essa conclusão. A primeira foi nas redes sociais de Alexandre Garcia. Como imaginávamos, o texto não estava lá. A segunda foi pela origem da mensagem. Antes de ser atribuída ao jornalista, ela circulou anônima (como é possível ver aqui).

Resumindo: é falsa a informação que aponta que o autor do texto “Caia logo Bolsonaro” é de autoria do jornalista Alexandre Garcia. Na realidade o texto já circula há algum tempo na internet e foi desmentido por aqui em 2020.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 99458-8494.

Ps2: Confira a nossa nova seção “Oportunidades” clicando aqui. Na página, você pode acesso a promoções, descontos e sites que dão brindes.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/3vN6CET
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3yPELWj
 – Siga-nos no Kwai https://bit.ly/3cUbEso

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet