Alexandre Garcia diz que a pandemia descobriu dois patetas: Doria e Witzel #boato

Boato – O jornalista Alexandre Garcia escreveu um texto criticando a quarentena do novo coronavírus e falando que a pandemia descobriu dois patetas: João Doria e Wilson Witzel.

Nos últimos tempos, o que não tem faltado na internet são publicações falsamente atribuídas ao jornalista Alexandre Garcia. Volta e meia, surge um texto (sempre com um teor favorável ao presidente Jair Bolsonaro) assinado por “Alexandre Garcia”. A última das histórias ataca diretamente a quarentena do novo coronavírus e os governadores do Rio de Janeiro (Wilson Witzel) e São Paulo (João Doria).

O texto em questão tem o título “A pandemia descobriu dois PATETAS” e ataca diretamente as medidas de isolamento horizontal (que é o recomendado pelas autoridades de saúde). Critica a mídia, fala mal de Doria, Witzel, diz que as Forças Armadas construíram 2.000 leitos em 48 horas e repete bobagens (desculpe o termo, mas não achamos outro melhor) como “a Itália sofreu por abraçar um chinês e porque faz frio” e que “o coronavírus é como uma gripe”. Leia e a mensagem que circula online:

Atenção! Textos falsos atribuídos a Arnaldo Jabor e Alexandre Garcia sempre circulam na web. Saiba quando desconfiar:

A pandemia descobriu dois PATETAS. Texto de Alexandre Garcia: É o que temos para hoje…É impressionante como o pânico atrapalha a capacidade cognitiva. Pessoas que eu sempre considerei lúcidas e esclarecidas, agora, estão histéricas. Tentei, até aqui, brincar com o assunto; levar de forma mais leve e descontraída. Justamente para contrabalancear a narrativa pesada que vemos, todo dia, o dia todo, na TV. Mas já ficou provado que não dá. O povo perdeu a capacidade de raciocínio.

LÓGICO QUE O ISOLAMENTO É IMPORTANTE. Seu avô, aposentado, de 90 anos, não tem que estar na rua. Nem seu pai infartado, nem sua mãe diabética. Ninguém que matar a sua família. Relaxa! Só que o isolamento NÃO DEVE SER FEITO como foi feito no Brasil. Simplesmente porque, aqui, tudo começou com a MOLECAGEM de Dória e Witzel, querendo passar na frente e descredibilizar o Presidente.

Não teve preparo prévio; não teve plano de ação. Fecharam tudo, sem que a população tivesse tempo de se organizar; sem planejar o funcionamento dos serviços essenciais. Quem acredita que o Governo Federal está despreparado é um alienado. Enquanto Dória está confiscando equipamentos médicos de empresas privadas as Forças Armadas estão montando hospitais de campanha, com 20 mil leitos, em 48 horas. […]

A situação da Itália NÃO NOS SERVE DE REFERÊNCIA. Primeiro porque tudo se alastrou com a campanha de solidariedade “Abrace um Chinês”, lançada pelo prefeito de Florença, para combater o “preconceito”. Segundo porque temos clima, densidade demográfica e idade média populacional ABSOLUTAMENTE DIFERENTES. […]

E não é porque quem contrair vai morrer, não. O COVID-19 não é e passa longe de ser um ebola. A preocupação é muito mais por um colapso no sistema de saúde, do que pela taxa de letalidade, bastante semelhante à da gripe comum. […]

Alexandre Garcia diz que a pandemia descobriu dois patetas: Doria e Witzel?

Quando nos deparamos com a mensagem, achávamos que só precisávamos checar a questão da autoria. Mas lendo com mais atenção vimos que somos obrigados a destacar que, além de o texto não ser de Alexandre Garcia, ele carrega um monte de informações falsas. Vamos aos fatos.

Como falamos no início do texto (e no vídeo acima), o nome do jornalista tem sido muito usado para fazer com que textos escritos por “anônimos” (ou quase anônimos) passem a viralizar. A prova de que os ataques às medidas de isolamento não saíram de Alexandre Garcia se deu em duas buscas.

A primeira delas foi nas redes sociais do jornalista. Como imaginávamos, nada encontramos sobre o texto em questão. Entre as últimas publicações estão relatos sobre a cloroquina, economia e, inclusive um desmentido sobre outro texto falsamente atribuído a ele. Nada sobre “dois patetas”, quarentena etc.

A segunda foi pelo texto em questão. Descobrimos que ele foi publicado originalmente no Facebook de um simpatizante do presidente Jair Bolsonaro. A informação foi replicada em um site bolsonarista. Ou seja: o texto não é de Alexandre Garcia. A nossa checagem não para por aqui. Isso porque o texto, além de atentar contra a saúde das pessoas, carrega um monte de informações falsas. Vamos citar rapidamente.

1) É falso que os serviços essenciais foram fechados no isolamento social. 2) É falso que o Exército construiu 2.000 leitos em 48 horas. 3) É falso que o Brasil está imune ao coronavírus por causa da temperatura. 4) É falso que a Itália está na situação por causa de uma campanha “abrace um chinês” (o erro da Itália foi minimizar a quarentena com campanhas como “Milão não para”). 5) É muito falso que a mortalidade da Covid-19 é comparável com de uma gripe.

Resumindo: além de o texto não ter a autoria de Alexandre Garcia, as informações contidas nele são, em boa parte, falsas ou distorcidas. Ou seja: a mensagem é falsa do título à assinatura, passando pelo conteúdo e exemplos citados.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 99177-9164.

Confira a lista de todas as fake news sobre o novo coronavírus

Clique nos links “bit.ly” para acessar nossos perfis:

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp http://bit.ly/2oQa6tD

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet