Juíza Sonia Sotomayor, da Suprema Corte do EUA, é presa pelas Forças Armadas por liberar vacinas #boato

Boato – As Forças Armadas dos Estados Unidos acabaram de prender a juíza Sonia Sotomayor. A acusação é de receber subornos para liberar a aplicação de vacinas contra Covid-19.

Um tipo de notícia falsa que tem feito muito sucesso na pandemia aqui no Brasil é da “notícia bombástica” que veio de um site estrangeiro. A última aponta para a prisão de alguém por “aceitar subornos para aprovar mandatos de vacinação”.

De acordo com o texto, que se espalhou em diversos sites negacionistas aqui no Brasil, as Forças Armadas dos Estados Unidos prenderam a juíza Sonia Sotomayor por ter recebido subornos para liberar as vacinas (incluindo para crianças). Leia a mensagem que está circulando por aí:

Forças Armadas dos EUA prendem juíza da Suprema Corte, suspeita de aceitar subornos para aprovar mandatos de vacinação “O Real Raw News acaba de anunciar a prisão da juíza ultra-esquerda do Supremo Tribunal dos Estados Unidos, Sonia Sotomayor, acusada de ter recebido subornos de dois milionários ligados ao Partido Democrata, em troca de aprovar os mandatos de vacinação e outras medidas Covid. Especificamente, Jonathon Gray deu a ela US$ 3.450.000 e o cofundador do LinkedIn, Reid Hoffman, US$ 625.000.

O promotor militar que exigiu que o general da Marinha Berger prendesse Sotomayor também colocou na mesa as declarações do juiz, apoiando a vacinação infantil, baseando-se no fato falso de que 100.000 crianças adoeceram com Covid e que foram negadas até pela imprensa oficial. Sempre de acordo com a crônica do Real Raw News, a prisão ocorreu na madrugada da última quarta-feira, enquanto a juíza dormia. Ela foi algemada e levada para local indeterminado, esperando ser levada para Guantánamo.”

Juíza Sonia Sotomayor, da Suprema Corte do EUA, é presa pelas Forças Armadas por liberar vacinas?

A história se espalhou em sites, perfis em redes sociais e até no WhatsApp. Porém, a informação que aponta que para a tal prisão da juíza Sonia Sotomayor é falsa. Não passa de uma balela absurda inventada por um site que sempre cria notícias falsas.

O histórico deste tipo de balela já nos deixou muito desconfiados. Aqui no Boatos.org já desmentimos, por exemplo, notícias falsas que apontavam que Bill Gates foi preso, que George Soros foi preso e que o CEO da Pfizer Albert Bourla foi preso.

Para chegar à veracidade da informação, procuramos pela fonte da história. O tal site que publicou a “notícia” é um site que sempre publica notícias falsas. Tanto que a Poynter fez, em 2021, um raio-X da página e classificou o site como que “publica manchetes sensacionalistas e fabricadas”.

Ao buscar por notícias relacionadas à juíza, como era de se imaginar, nada encontramos sobre prisão. As notícias mais recentes são mesmo sobre decisões da justiça proferidas por ela. Vale apontar que a acusação de que juízes receberam suborno para aprovar medidas de restrição da Covid-19 também é falsa. Foi mais uma invenção do site em questão.

Resumindo: é falsa a informação que aponta que as Forças Armadas prenderam a juíza Sonia Sotomayor por causa de decisões judiciais relacionada à vacina contra a Covid-19. A notícia que está circulando por aí é uma fake news criada por um site do gênero.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 99458-8494.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/3HIppbu
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3yPELWj
 – Siga-nos no Kwai https://bit.ly/3cUbEso

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet