MST invade fazenda e coloca fogo em carro com proprietário dentro #boato

Boato – Vídeo mostra desabafo de homem que teve a fazenda produtiva invadida pelo MST e foi colocado no porta-malas do carro, que foi incendiado.

O governo Lula nem começou, mas já estão circulando mensagens que apontam como o “Brasil piorou” (na realidade, isso já circulava desde as eleições). A última aponta para uma “ação criminosa do MST”.

Um vídeo de um desabafo de um homem próximo a um carro incendiado está circulando junto com uma mensagem que aponta que o MST teria invadido uma fazenda produtiva, prendido o dono no porta-malas de um carro e, no final, ateado fogo no veículo. A mensagem aponta, ainda, que o sujeito só escapou com vídeo por ter fugido. Leia a mensagem que circula online (não iremos exibir o vídeo aqui):

Confira também: Janja tirou foto com traficante? Saiba a verdade aqui!

Clique e siga o Boatos.org no YouTube

Versão 1: MST invade fazenda produtiva, coloca o proprietário no porta malas do carro e poe fogo. Por sorte o cidadão consegue escapar do porta mala. Veja o desabafo! Versão 2: MST invade fazenda produtiva e ateia fogo no carro do proprietário!! Que País é este???

MST invade fazenda e coloca fogo em carro com proprietário dentro?

O vídeo, que, de fato, é comovente, e o uso político dele fez com que a história viralizasse com mais força ainda. Porém, é falsa a informação que aponta que o crime em questão foi realizado por integrantes do MST.

A mensagem, o histórico e uma busca pela história já nos fazem ficar (muito) desconfiados da veracidade da informação. As mensagens que circulam online são vagas, extremamente alarmistas, têm erros de português e não citam qualquer fonte confiável que confirme a informação de que eram pessoas do MST.

Além disso, não é incomum surgirem na internet mensagens que apontam falsamente para ações do MST (para algumas pessoas “tudo é culpa do MST”). Recentemente, desmentimos fake news que apontavam que o MST havia invadido um supermercado, que havia bloqueado a transposição do Rio São Francisco e que havia se programado para invadir casas de veraneio.

Ao buscar sobre o caso em si, nada encontramos em fontes confiáveis. Os únicos lugares que constam a tal versão MST da história do carro incendiado são em redes sociais de bolsonaristas.

Com isso, resolvemos analisar o vídeo. Para começar, percebemos que o homem do vídeo, em nenhum momento, fala que foi vítima de uma ação do MST. Com isso, resolvemos procurar pela origem do vídeo. Achamos um relato (esse sim verdadeiro) de um deputado estadual apoiador de Bolsonaro.

No Facebook, ele mostrou indignação com o caso, que ocorreu em Lucas do Rio Verde (MT). Porém, não se tratou de uma ação do MST. De acordo com o deputado, ocorreu o seguinte:

Triste relato de um cidadão de Lucas do Rio Verde, que teve esta semana a sua casa invadida por criminosos armados que além de roubarem pertences, mantiveram toda sua família amarrada. No fim, os bandidos ainda atearam fogo em seu carro.

Governo que desarma o cidadão trabalhador de bem, solta bandido e promove a corrupção nada mais comum o retorno da violência e agressão à nossa mais nobre instituição, família. Cenas como essas comuns nos governos de esquerda voltam às manchetes.  Vamos sempre proteger o cidadão e condenar o vagabundo.

Ao buscar mais detalhes sobre o caso, achamos diversas notícias locais (com informações da Polícia Civil de Mato Grosso) sobre o assunto. Apesar do roubo, de acordo com a polícia, violento, há um detalhe: o homem foi preso no porta-malas e conseguiu fugir. Porém, não colocaram fogo no carro com o sujeito dentro.

Resumindo: é falsa a informação que aponta que o MST invadiu uma fazenda, colocou o proprietário no porta-malas e ateou fogo no carro. O relato do homem do vídeo é real, mas o Movimento dos Trabalhadores Sem-Terra não tem relação com o caso.

Ps: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo siteFacebook e WhatsApp no telefone (61) 99458-8494.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp http://bit.ly/2oQa6tD
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3yPELWj
 – Siga-nos no Kwai https://bit.ly/3cUbEso

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet