WhatsApp deu prejuízo de USD 1.978.456.045,00 em dois anos e será tirado do ar #boato

Boato – O aplicativo WhatsApp deu um prejuízo de USD 1.978.456.045,00 em dois anos, devido a bugs e problemas legislativos, além da migração de usuários para o Telegram. Ele vai ser tirado do ar!

Não há nada que chame tanta atenção e gere mais compartilhamentos na internet do que notícias sobre a instabilidade de redes sociais ou aplicativos de mensagem instantânea, como o WhatsApp. Isso também vale para as chamadas fake news.

Recentemente, para “variar”, surgiu mais um boato que assustou os usuários do WhatsApp. A mensagem aponta que o aplicativo teria dado um suposto prejuízo de USD 1.978.456.045,00 em dois anos, devido a bugs e problemas legislativos, além da migração de usuários para o Telegram. Por esta razão, ele seria retirado do ar. Veja o texto original da mensagem que está circulando entre os internautas:

Nota de Esclarecimento Oficial da Equipe WhatsApp O WhatsApp vem dando muitos prejuízos nos últimos anos, muitos relacionados a bugs e problemas legislativos, além da queda relativamente grande de usuários do aplicativo que estão migrando para o Telegram. Em 2 anos, tivemos um prejuízo de USD 1.978.456.045,00, e no dia 01/07/2019 foi decidido o fim do aplicativo de mensagens. Para que nossos usuários pudessem resolver seus assuntos, resolvemos não cancelar o aplicativo subitamente, mas sim deixá-lo no ar até o dia 04/07/2019. Já foi cancelado o envio de áudios e imagens, em breve o de figurinhas e emojis. Às 17:30h do dia 03/07/2019, apenas mensagens poderão ser enviadas, e às 00:00 do dia 04/07/2019 o aplicativo será tirado do ar.

WhatsApp deu prejuízo de USD 1.978.456.045,00 em dois anos e será tirado do ar?

É verdade que, devido a muitos problemas de instabilidade no WhatsApp, dentre eles, os detestáveis bugs, não seria nenhuma surpresa para os usuários do aplicativo de mensagens instantâneas mais usado no mundo todo que notícias como essa viralizassem em pouco tempo.

Mas será que essa história de prejuízo financeiro e até retirada do aplicativo do ar tem alguma chance de ser verdadeira, dessa vez? A resposta é não! Calma aí, que já te explicamos o porquê com fatos!

Como você já deve ter lido algumas vezes aqui no Boatos.org, essa não é a primeira – e nem será a última, provavelmente – que surgem histórias como essa em torno do WhatsApp, especialmente quando ocorre alguma instabilidade no aplicativo.

Alguns desses boatos, inclusive, nós já desmentimos por aqui, como o famoso caso de que a Justiça teria suspendido o WhatsApp “de verdade” por 48 horas(que sempre vai e volta), o caso que diz que o WhatsApp teria ficado fora do ar por causa do vírus Martinelli e do WhatsApp Gold (esse já desmentimos em três oportunidades), além da balela de que os gifs de bom dia de hackers chineses seriam a causa da queda do aplicativo. Você pode ver aqui também uma lista com os 7 boatos que tentam explicar por que o WhatsApp caiu.

Portanto, o que sabemos é que esse tipo de boato de que o WhatsApp vai acabar é muito manjado. Essas mensagens sempre circulam com as mesmas características, comumente vistas em fake news: alarmista (com a intenção de causar burburinho na população) e com erros de informação (como as equivocadas datas e horários da suposta retirada do aplicativo do ar, além dos números relacionados ao valor do prejuízo e perda de usuários).

Afinal, essas informações não batem com as notícias divulgadas no ano passado sobre o balanço financeiro positivo das empresas de Mark Zuckerberg, como a que mostrou o recorde de lucro do Facebook em 2018 e a de que o WhatsApp se tornou o aplicativo mais popular do mundo. Sendo assim, essa história toda de prejuízo e perda de usuários do aplicativo não faz nenhum sentido.

Outro fato que nos levou a desmentir tudo isso é que, assim como aconteceu em outros boatos sobre o WhatsApp, seja por qual for o motivo, houve uma falsa promessa (com direito à data marcada) de que o aplicativo seria retirado do ar, o que já sabemos que não foi cumprido (o “zap” continua firme e forte”).

Além disso, apesar de os bugs realmente terem ocorrido, o problema nada tem a ver com o fechamento do aplicativo. Sobre a última queda do WhatsApp, por exemplo, no dia 3 de julho, a empresa informou que o motivo da instabilidade foi uma “operação de manutenção de rotina”, durante a qual aconteceu um problema. Leia mais detalhes aqui nesse link.

Resumindo: A história que diz que o WhatsApp teve um suposto prejuízo de USD 1.978.456.045,00 em dois anos e que seria retirado do ar é falsa. Assim como outros boatos que surgem na internet, quase sempre quando acontece alguma instabilidade no aplicativo, tudo isso não passa de balela!

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99177-9164.

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)