Bloqueio do WhatsApp por dois dias (48 horas) é determinado pela Justiça em 2020 #boato

Boato – A Justiça acaba de decretar o bloqueio do WhatsApp por dois dias (48 horas). Reportagem da Globo News de 2020 aponta que investigação em São Bernardo do Campo é o motivo.

É sempre assim. Basta o WhatsApp apresentar algum tipo de instabilidade (o que não tem sido tão incomum) para as pessoas começarem a achar que o serviço foi bloqueado no Brasil. Em fevereiro de 2020 não foi sido diferente.

Bastou o serviço apresentar alguns problemas (como o não recebimento de mensagens por parte de alguns usuários) para um link do YouTube com uma reportagem da Globo News apontar que o WhatsApp seria bloqueado no Brasil.

Nas imagens, há a seguinte legenda “Justiça ordena bloqueio do WhatsApp por dois dias a partir da meia-noite”. Já o vídeo é acompanhado pelo seguinte texto: “WhatsApp bloqueado Apartir de Hoje meia noite 48 horas irá durar. Por conta das investigações em São Bernardo do campo”. Assista:

Bloqueio do WhatsApp por dois dias (48 horas) é determinado pela Justiça em 2020?

Assim como em tantos outros casos, muita gente ficou preocupada com a tal decisão da Justiça (tanto que o vídeo no YouTube teve, em pouco tempo, mais de 100 mil visualizações). Mas será mesmo que o Bloqueio do WhatsApp por dois dias (48 horas) foi determinado pela Justiça em 2020? Não, não foi.

Dentre as inúmeras vezes que desmentimos boatos relacionados ao bloqueio do WhatsApp (tem versões, por exemplo, de março de 2016, julho de 2016, janeiro de 2017, maio de 2018 e março de 2019), tem uma (também de maio de 2018) que usa como ilustração exatamente o vídeo de hoje. Por isso mesmo, relembre o que escrevemos na época:

Tão logo o vídeo voltou a circular na internet, fomos, inclusive, desafiados por alguns. Um leitor falou o seguinte: “A Globo News falou que o WhatsApp vai ser bloqueado. E agora, quem está certo?”. Para esse e outros leitores, temos uma notícia. O Boatos.org está certo, a Globo News esteve certa e quem está compartilhando o vídeo em 2018 está errado. Vamos aos fatos.

Há um detalhe muito importante no vídeo do jornalista Dony De Nuccio no Jornal das 10: ele foi veiculado no dia 16/12/2015. Na época, o aplicativo havia sido bloqueado no Brasil, Dony (hoje no Jornal Hoje, da TV Globo) trabalhava na Globo News e a história procedia. Ainda tem dúvidas? É só conferir no link do vídeo.

Não há muito mais o que falar: o vídeo que seria a mais nova “prova” de que o WhatsApp vai ser bloqueado no Brasil é de 2015. Ou seja, a informação que aponta que a Justiça ordenou o bloqueio do aplicativo por dois dias a partir da meia-noite é desatualizada em 2018. E, nesse caso, notícia antiga também pode ser utilizada para disseminar boatos.

A única diferença entre 2018 e 2020 está no destino do apresentador Dony De Nuccio. Ele (que aparece no vídeo de 2015) estava na TV Globo em 2018. Hoje, está fora da emissora.

Antes de terminar mais uma informação: muita gente acreditou na informação do vídeo porque em fevereiro de 2018 o WhatsApp deixou de funcionar em alguns telefones. No início do mês, o aplicativo apresentou (de acordo com relatos de usuários, como falamos antes) alguns problemas. Ou seja: bastou isso para a balela se disseminar.

Resumindo: a história que aponta que o bloqueio do WhatsApp por dois dias (48 horas) foi determinado pela Justiça em 2020 é falsa. Não passa de uma nova versão de um boato que foi desmentido algumas vezes por aqui (em uma delas, tratava-se de um boato idêntico). Fim.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 99177-9164. 

Clique nos links “bit.ly” para acessar nossos perfis:

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp http://bit.ly/2Ul0CEm

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet