Tratamento para evitar efeitos nocivos das vacinas contra Covid-19 é necessário #boato

Boato – Médicos incríveis publicaram um protocolo de tratamento para que recebeu vacinas contra a Covid-19 e não quer ser vítima dos efeitos nocivos dos imunizantes.

As fake news sobre a pandemia chegaram a um nível na qual o que vemos é o “chorume do chorume”. Informações batidas e repetidas se misturam com compilações de argumentos que já se mostraram indefensáveis e não passam de mentiras de quem nega a realidade. É o caso do texto que vamos tratar hoje.

Uma mensagem disfarçada de recomendação faz uma série de acusações contra as vacinas e apresenta o que seria um “tratamento para evitar os efeitos nocivos dos imunizantes”. Dentre as acusações estão que as vacinas são “experimentais”, que tem efeitos gravíssimos comuns, que é possível evitar com algumas medicações (que obviamente não vamos mostrar) e que o “bom” é o tratamento com remédio para verme, vitamina e chá de anis.

Tratamento para evitar efeitos nocivos das vacinas contra Covid-19?

O texto se espalhou pelo Twitter por meio de contumazes perfis desinformativos, mas, obviamente, não passa de uma compilação bizarra de informações falsas sobre as vacinas. Nada do que está no texto é possível de se aproveitar.

Como são muitos fakes, nós vamos desmentir colocando os trechos falsos e rebatendo parte a parte. Porém, é importante citar que o tem aquelas velhas características de boatos online (como ser vago, alarmista, ter erros de português, não citar nenhuma fonte confiável e pedir compartilhamento), não está balizado em nenhuma fonte confiável (ao contrário, está balizado em fontes já apontadas como disseminadoras de informações divergentes da ciência) e usa como linha guia teses falsas e criminosas como, por exemplo, que a vacina não é eficaz, é um grande perigo e que o bom são medicações que, na realidade, são indicadas para outras doenças. Dito isso, vamos aos trechos:

1) POSSÍVEIS CAUSAS E SOLUÇÕES. AOS QUE TOMARAM A VACINA EXPERIMENTAL VOLUNTARIAMENTE OU POR IMPOSIÇÃO DO GOVERNO. PROTOCOLO DO MÉDICOS PELA VIDA SUGESTÕES DE TRATAMENTO PARA VACINADOS: ANOTEM EM LOCAL SEGURO (Este é um compêndio das conclusões de vários profissionais de saúde) AOS VACINADOS Uma vez que recebida a injeção, NÃO TEM VOLTA! Esse tratamento visa evitar ou amenizar os efeitos NOCIVOS, que podem ocorrer ou não, conforme as disposições individuais:

A pessoa que escreveu o texto já começa mal. Ao contrário do que aponta o texto, as vacinas que estão sendo aplicadas na população não são “experimentais”. A informação já foi desmentida no Boatos.org e também teve que ser rebatida recentemente pela Anvisa.

Outra informação falsa contida no parágrafo é a que aponta que “vacinados não tem volta”. Na realidade, se trata de uma alusão a falsa notícia de que as pessoas que tomaram a vacina vão morrer em xx meses ou anos (obviamente, uma mentira). Também é falsa a informação que aponta que é preciso um “tratamento para evitar efeitos da vacina”. Não há qualquer comprovação científica na tese que aponta que seja preciso se entupir de remédios após se vacinas.

2) 1. Evitando TROMBOSES, comuns à Astrazeneca e Janssen — devido ao grafeno. 2. Evitando a NEURODEGENERAÇÃO e DEMÊNCIA, comuns a CoronaVac — devido ao alumínio neurotóxico presente; 3. Evitando MIOCARDITES e PRÍONS (vaca louca), comuns a Pfizer e Moderna; Como não é possível “desvacinar”, para “amenizar as complicações e efeitos colaterais” e prolongar a vida, UTILIZAR: […]

Neste parágrafo, está claro que a intenção é pegar as pessoas pelo medo. Em alguns casos, efeitos colaterais raríssimos são apresentados como comuns. Só para ter uma ideia, a chance de se ter trombose por conta da Covid-19 é 10 vezes maior do que por se vacinar. Já o risco de se ter um episódio de miocardite é 16 vezes maior contraindo Covid-19 do que se vacinando.

Outra parte dos efeitos colaterais citados são pura ficção científica (melhor, ficção pseudocientífica). Não há relatos de “neurodegeneração” e “demência” por causa da CoronaVac tampouco “mal da vaca louca” para quem toma Pfizer. Essa são acusações tiradas de “mentes brilhantes”.

3) Procure um MÉDICO ORTOMOLECULAR, para aplicação deste protocolo. SEJA RÁPIDO! conforme, Dr. Vanden Bossche a injeção, vai “desligando” o sistema imunológico. Aos demais, Recomenda-se NUNCA manter RELAÇÕES SEXUAIS DESPROTEGIDAS com uma pessoa que recebeu mRNA, ou será contaminado pelas proteínas Spike, ativa no corpo dos injetados, causadoras de Príons.

O “doutorzinho” já foi desmentido no Boatos.org. Essa história de “desligar sistema imunológico” é falsa. Papo de negacionista. O mesmo pode ser dito sobre “relações sexuais” com vacinados (que por sinal, é mais seguro em relação à contaminação por Covid-19). É uma fake news já desmentida.

4) Se desejar procure medicospelavidacovid19.com.br PROFILAXIA e Reforço Imunológico: Para quem teve contato com pessoas Covid-Positivo ou com VACINADOS, por mRNA, que produzem cepas próprias da proteína Spike, e contamina os demais, utilizar: Encontre um médico MPV EM DEFESA DA VIDA Médicos Pela Vida trabalha sem parar para levar informação real, precisa e rápida ao cidadão brasileiro, bem como assistência na medida do possível. 1. Ivermectina 2. Vitamina D3 3. Zinco Quelato 4. Imunomodulador Leucogem 5. Chá de Agulhas de Pinheiro 2x por dia 30 dias 6. Chá de Anis-Estrelado 3x por dia, 30 dias

Não, amigo. Não procure os tais médicos e nem use o tal kit Covid-19. Já apontamos inúmeras vezes que o remédio para verme ivermectina não é eficaz para combater a Covid-19, que se entupir de vitaminas não vai curar você e, até mesmo antes da pandemia, desmentimos a fake news que “chá de anis cura doenças respiratórias”.

Resumindo: peço desculpas pela linguagem em alguns trechos do texto, mas é que há alguns conteúdos que não dá para aturar. Esse texto é um deles. Não é verdade que você precisa de um tratamento por se vacinar e todas as orientações e acusações contidas na mensagem são falsas. Na realidade, é quem não se vacina que precisa de tratamento. Apesar que, em alguns casos, já me parece caso de internação.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 99458-8494.

Ps2: Confira a nossa nova seção “Oportunidades” clicando aqui. Na página, você pode acesso a promoções, descontos e sites que dão brindes.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/3vN6CET
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3yPELWj
 – Siga-nos no Kwai https://bit.ly/3cUbEso

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet