OMS escolhe Brasil, Japão e Holanda como melhores países no combate à pandemia da Covid-19 #boato

Boato – Brasil é escolhido em ranking da OMS como um dos três países que mais se destacaram no combate à pandemia.

Um levantamento realizado pelo Lowy Institute, de Sydney, em 2021, apontou o Brasil como o país que pior gerenciou a pandemia de Covid-19 no mundo. À época o país contava com mais de 220 mil mortes, provável subnotificação de casos e um governo que, durante a maior crise sanitária do país, minimizou a pandemia e ignorou as recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS). Este cenário, segundo o levantamento, colocou o Brasil na última posição da pesquisa do Instituto australiano.

Mas há quem diga o contrário. De acordo com uma mensagem que viralizou na Internet, o Brasil está no ranking da Organização Mundial da Saúde (OMS) como um dos melhores países no combate à pandemia. Japão e Holanda também aparecem na lista. Confira na mensagem:

Os três paises  que melhor manejaram a pandemia no mundo foram *Japão* na Asia, *Holanda* na Europa e *Brasil* nas Americas. E agora Esquerdopatas, o que vocês irão dizer em casa??? dados da Organizaçã Mundial de Saude *(OMS)* .

OMS escolhe Brasil, Japão e Holanda como melhores países no combate à pandemia da Covid-19?

Com mais de 600 mil mortes desde o início da pandemia, o Brasil se tornou um dos países mais atingidos pela Covid-19 no mundo. O número de mortes é resultado das estratégias de prevenção e combate à doença adotadas pelo país, que, ao contrário do que se imagina, não entrou no suposto “ranking da OMS”, que por sinal nem existe.

O primeiro indício da farsa está no próprio enredo da mensagem, que além de alarmista, vaga e sem datas ou fontes confiáveis, segue a mesma narrativa de diversos boatos que já circularam por aqui, como no caso envolvendo vacinas, carnaval e medicamentos sem eficácia. A falta de informações em fontes confiáveis também chamou a atenção.

Tudo isso se soma ao fato de que não existe nenhum ranking da OMS com os melhores países. O que existe são dados sobre a pandemia, com o números de infectados, óbitos e vacinas. Em nenhum dos critérios, Brasil, Holanda e Japão aparecem como melhores. Na verdade, os dados divulgados pela OMS apontam que o Brasil está entre os três países que registraram o maior número de mortes pela Covid-19, ficando abaixo apenas dos Estados Unidos e Índia.

Vale ressaltar que, durante uma audiência na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Pandemia, o epidemiologista e pesquisador da Universidade Federal de Pelotas (UFPel), Pedro Hallal, afirmou que quatro em cada cinco mortes pela doença no país poderiam ser evitadas caso o governo tivesse adotado outra postura, o que também faz cair por terra a afirmação de que o Brasil foi considerado um dos melhores países no combate à pandemia.

Por fim, mas não menos importante, a informação também foi desmentida pelo projeto Comprova. Na época, o boato ganhou força depois que um sujeito afirmou, em um vídeo publicado na internet, que o Brasil era declarado pela OMS como melhor país das Américas no combate à pandemia do coronavírus.

Entretanto, a matéria para embasar a informação tratava, na verdade, da participação do Brasil em um grupo para o planejamento de ações em futuras pandemias, que reúne outros cinco países de diferentes continentes. A seleção não teve como critério a conduta do país, mas sim questões diplomáticas e de representatividade regional. O site também informou que, ao consultar os órgãos e seus canais de comunicação oficiais, não encontraram qualquer menção à escolha dos países por terem se destacado no combate à pandemia.

Com isso, podemos afirmar que é falso que o Brasil, Japão e Holanda tenham sido escolhidos pela OMS como os melhores países no combate à pandemia da Covid-19. Primeiro porque o ranking sequer existe, e depois porque a informação é fruto de uma interpretação equivocada.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo siteFacebook e WhatsApp no telefone (61) 99458-8494.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/3uwu4ra
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3yPELWj
 – Siga-nos no Kwai https://bit.ly/3cUbEso