Cerveja puro malte gelada mata células cancerígenas e cura câncer #boato

Boato – O professor Nair Tom, do hospital da Faculdade de Bolonha (Itália), disse que cerveja puro malte mata células cancerígenas e cura o câncer.

Se você nos acompanha de forma direta (se não acompanha, saiba que há diversas formas de fazer isso) deve ter percebido que as dicas falsas de saúde têm ganhado a internet nos últimos dias. Já falamos aqui sobre dicas furadas envolvendo a dipirona, a água gelada e outras (teve textos que já estão feitos, mas nem publicamos ainda, como o da água de coco quente). E hoje o papo é cerveja.

Quer se livrar de boatos? Clique para curtir o Boatos.org
Siga o Boatos.org no Twitter:

Se inscreva no nosso canal no Youtube

Receba as nossas atualizações no grupo do WhatsApp (só postagens do administrador, não se preocupem): http://bit.ly/33KpUO3

Confira o nosso Instagram:

Instagram

De acordo com uma mensagem que circula na internet, um pesquisador do hospital da faculdade de Bolonha descobriu uma coisa muito interessante: cerveja puro malte pode matar as células cancerígenas. Leia o texto que fala da descoberta do “professor Nair Tom” (a mensagem viralizou em redes sociais, principalmente WhatsApp):

Confira o desmentido em vídeo

Cerveja puro malte O tema é muito importante : Por favor publiquem a mensagem de forma ampla: O professor Nair Tom, diretor geral do hospital da faculdade de Bolonha na Itália, fala: A cerveja puro malte gelada pode te salvar por toda a vida. Mesmo se você estiver ocupado, deve dar uma olhada nesta mensagem e passá-la para os outros!

A cerveja puro malte gelada pode matar as células cancerígenas! A degustação de ao menos uma taça de cerveja puro malte gelada por dia ajuda no combate aos males dos hidrocarbonetos absorvidos pela alimentação. Bebam-na rotineiramente. A cerveja puro malte gelada através de alterações nos PAHs dos alimentos, principalmente carnes, reduz substancialmente os índices de substâncias cancerígenas.

A cerveja puro malte gelada tem ainda, um efeito inibidor sobre os tumores e as bolsas cancerosas na próstata. É a prevenção para diversos os tipos de cânceres. O tratamento com esta bebida poderá também, bloquear a ação prejudicial da testosterona e estrogênio responsáveis por alterações na próstata e mama.

Em segundo lugar : ajuda a evitar a liberação de uma proteína chamada PSA, outro fator para o combate ao câncer de próstata. Depois de ler esta mensagem, conte a alguém sobre isto e passe-a para aqueles que você ama e cuida. O professor diz que quem repassa esta informação sabe que salva a vida de alguém.

Cerveja puro malte gelada pode matar células cancerígenas?

O que não faltou foi gente animada com a mensagem e pensando já em encher a geladeira com cerveja belga. Mas será mesmo que a informação procede? Infelizmente, não. Vamos aos fatos.

Ao bater o olho na mensagem, já sabíamos do que se tratava. A mensagem nada mais é do que uma versão “tupiniquim” de outro hoax clássico na internet: o que fala que limão na água quente cura câncer (já desmentido pelo Boatos.org em duas oportunidades: aqui e aqui).

Em relação à mensagem que fala do “milagre do limão na água quente”, a mensagem tem algumas diferenças (além do produto milagroso, claro). Na mensagem do limão, o professor “responsável” pela pesquisa era o Tchen Horin. Na versão da cerveja puro malte, é o Nair Tom.

O hospital também é diferente. Na outra versão, o hospital era o do Exército de Pequim. Agora, a instituição citada é o hospital da Faculdade de Bolonha. Em relação às “substâncias” também muda alguma coisa. As diferenças param por aí.

Assim como na versão “limão na água quente”, o texto também carrega todas as principais características de boatos online: é vago, alarmista, com erros de português, pedido de compartilhamento e sem citar fontes confiáveis. Nos dois casos, nada encontramos (além do texto do próprio boato) ao buscar pelo assunto.

No caso da cerveja, há alguns agravantes. Além de não encontrarmos qualquer professor com o nome de Nair Tom (muito menos com tal pesquisa), não encontramos qualquer referência ao Hospital da Faculdade de Bolonha. Primeiro, porque Bolonha (ou Bologna, se preferir) tem universidade e não faculdade. Segundo, porque não achamos nenhum hospital “da Faculdade de Bolonha”. Se há alguma instituição ligada à universidade, não tem esse nome.

Já sabendo que a história é falsa, fomos procurar se há alguma lógica em cerveja matar células cancerígenas. Além de não existir, há pesquisas que apontam que o consumo excessivo de bebidas alcoólicas pode, inclusive, causar câncer. Um dos últimos estudos aponta, inclusive, que não há níveis seguros para consumo de álcool (triste, né).

Resumindo: a história que aponta que um professor disse que a cerveja puro malte pode matar células cancerígenas é falsa. A mensagem nada mais é do que uma evolução de outro boato clássico na internet (como vocês viram, não é a única desta semana).

PS: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema para o Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, no Facebook e WhatsApp no telefone (61) 991779164.

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)