Alemanha não obedeceu a OMS e descobriu o vírus final (bactéria) do coronavírus #boato

Boato – A Alemanha, ao não obedecer a OMS, descobriu que o coronavírus não é um vírus e sim uma bactéria. Foi descoberto o “vírus final”.

Depois de ver uma queda de casos de Covis-19, a Europa está enfrentando o início de uma segunda onda nos últimos dias e países já vislumbram a adoção de medidas para contar a propagação do coronavírus. No meio disso, uma notícia outrora atribuída à Itália está circulando com o crédito à Alemanha.

Quer se livrar de boatos? Clique para curtir o Boatos.org

Siga o Boatos.org no Twitter:


Se inscreva no nosso canal no Youtube

 

Receba as nossas atualizações no grupo do WhatsApp (só postagens do administrador, não se preocupem): http://bit.ly/2Z5PgE0

Confira o nosso Instagram:

Instagram

Lista no Telegram
https://bit.ly/2VSlZwK

De acordo com o texto que circula online, a Alemanha descobriu o “vírus final” do coronavírus. Por desobedecer a OMS, médicos teriam descoberto que o coronavírus é, na realidade, uma bactéria que causa trombose e que ela seria curada facilmente com Aspirina. No final, há um suposto alerta que a pandemia foi criada para o “governo mundial” vacinar e implantar chips na população. Leia (alerta: o texto é gigante e confuso):

Confira o desmentido em vídeo:

URGENTE‼️ ‼️ ️ ÚLTIMA HORA INTERNACIONALAlemanha O vírus final foi finalmente encontrado na Alemanha Os médicos alemães não obedeceram à Lei Mundial de Saúde da OMS, que manda não fazer autópsias de mortes por coronavírus e determinou que NÃO se trata de um VÍRUS, mas de um BACTER que causa a morte. Isso leva à formação de coágulos sanguíneos e à morte do paciente.

A Alemanha derrota o chamado Covid-19, que nada mais é do que “coagulação intravascular difusa” (trombose). “E a forma de lidar com isso, ou seja, com o seu tratamento, são” antibióticos, antiinflamatórios e anticoagulantes. “Em primeiro lugar – ASPIRINA. Essa notícia sensacional para o mundo todo foi preparada por médicos alemães por meio da autópsia dos cadáveres produzida por Covid-19.

“Além disso, de acordo com patologistas alemães, nunca foram necessárias ventilação mecânica e unidades de terapia intensiva. CSecha na Alemanha começou a mudar o protocolo, OMS identificou e removeu a pandemia alemã CHAMADA ALEMÃO . O medicamento já era conhecido, mas a OMS não informou aos chineses Para a OMS é apenas NEGÓCIO. Fonte: ALEMANHA, Ministério da Saúde.

COMPARTILHE QUE O MUNDO INTEIRO SABE QUE NÓS MATAMOS E MATOS IDOSOS !!! @ evelacurardelcovid19 Ansiedade Passe adiante para sua família, todos os vizinhos, conhecidos, amigos, colegas, colegas … etc … e seu ambiente em geral … Covid-19 … não é um vírus, como fomos levados a acreditar. É uma bactéria … amplificada pela radiação eletromagnética 5G que causa inflamação e hipóxia.

Agora você precisará fazer o seguinte: Tome aspirina 100 mg e apronax ou paracetamol … Porque? … porque Covid-19 demonstrou engrossar o sangue, estimulando uma pessoa a desenvolver trombose. Porque o sangue não está saturado de oxigênio. O sangue fica espesso, o fluxo no coração e nos pulmões diminui, a pessoa não consegue respirar e morre rapidamente.

Na Alemanha, eles violaram o protocolo de recomendação da OMS e realizaram uma autópsia em um cadáver de Covid-19 … eles abriram o corpo, braços, pernas e outras partes do corpo e perceberam que havia. era sangue dilatado e coagulado nas veias, todas as veias e artérias estavam cheias de sangue. coágulos interferindo com o fluxo sanguíneo normal, levando oxigênio para todos os órgãos, principalmente o cérebro, coração e pulmões, e o paciente eventualmente morre,

Já sabendo desse diagnóstico, o Ministério da Saúde alemão mudou imediatamente os protocolos de tratamento para Covid-19 … e passou a prescrever 100 mg de aspirina e apronax para seus pacientes infectados … o resultado: os pacientes começaram a recuperar e melhorias apareceram. O Ministério da Saúde liberou e mandou de volta mais de 14.000 pacientes em um dia.

URGENTE: Compartilhe essas informações e torne-as públicas imediatamente. Em nosso país, a OMS mentiu sobre essa pandemia. Todos os dias, nosso presidente diz que são dados e estatísticas. Se ele não fornecer essa informação para salvar os cidadãos, as elites o ameaçam! ..

Sabemos que todos os governos do mundo são obrigados a aderir às recomendações da OMS, mas a Alemanha violou a regra … agora OMS. … haverá processos judiciais em todo o mundo – por encobrir tantas mortes e o colapso das economias de muitos países … e todos vão entender porque foi emitida a ordem para enterrar os corpos imediatamente sem uma autópsia … e marcá-los como extremamente contaminantes. .. Está em nosso poder levar a verdade e esperar salvar muitas vidas …

PROGRAMA URGENTEMENTE! EM TODAS AS REDES !!!! * Aqui está porque o gel antibacteriano e o dióxido de cloro funcionam … Toda a PSYCHOSIS PANDEMIC foi necessária porque o governo mundial nas sombras quer vacinar e instalar um chip para matar as massas, para controlar a população e reduzir a população mundial.‼️ ️

Alemanha não obedeceu a OMS e descobriu o vírus final (bactéria) do coronavírus?

O texto circulou com muita força na internet e chamou atenção por aí. Porém, além de carregar diversas teorias da conspiração sem pé nem cabeça, a mensagem (que tem muitas características de boatos online como ser vaga, alarmista, com erros de português e falta de citação de fontes confiáveis) é uma mistura de diversos fakes já desmentimos no Boatos.org. Para que você entenda tudo, vamos dividir a explicação em tópicos.

Fake 1 – Alemanha desobedeceu a OMS e descobriu o “vírus final” do coronavírus

A informação não só é falsa como não faz o menor sentido. O texto aponta que a OMS falou para que não sejam feitas autópsias em vítimas da doença. Não é verdade. Há, de fato, preocupações com a contaminação no procedimento, mas a padrão é tomar cuidados para que não haja infecção não que não seja feita autópsia (vale dizer que não é em todos os casos que o procedimento é necessário para que se defina a causa de uma morte). Sendo assim, a Alemanha não desobedeceu a Organização Mundial da Saúde.

Na realidade, o texto que fala em “Alemanha” é o mesmo já desmentido no Boatos.org que fala que a Itália “descobriu a cura do coronavírus”. Já na época alertamos que, infelizmente, a cura (tampouco o “vírus final”) não foi encontrada (algo que continua valendo). Confira, também no vídeo:

Fake 2 – O coronavírus é, na realidade, uma bactéria que causa trombose

Essa informação falsa foi desmentida no mesmo texto que cita a Itália. Não é verdade que o coronavírus é uma bactéria. Como muita gente sabe (ou deveria saber), a doença Covid-19 é causada por um vírus chamado Sars-CoV-2. Não há nada de bactéria. Na realidade, a informação errada surgiu de uma informação verdadeira: a descoberta que muitas mortes por Covid-19 são causadas por uma reação exagerada do organismo contra a doença. Neste caso, os anticoagulantes são importantes para evitar complicações da doença.

Fake 3 – A Aspirina é a cura da Covid-19

Como dito no parágrafo anterior, é fato que anticoagulantes ajudam no tratamento de alguns casos específicos de complicações por Covid-19. Porém, não é verdade que remédios como a heparina ou a Aspirina são a cura da doença. Mais do que isso: em países como o Brasil (com um grande número de casos de dengue), esse tipo de medicação não deve ser tomada indiscriminadamente. Deve ser tomada apenas com orientação médica e apenas em casos específicos.

Fake 4 – O coronavírus foi criado pelo 5G

Já desmentimos também essa tese, esdrúxula, por sinal. Não há comprovação de nenhuma ligação entre a tecnologia 5G e o coronavírus. Além de bater na tecla (errada) que o coronavírus é uma bactéria, o texto faz a acusação sem provas de algo que já foi desmentido (você pode ler o texto aqui).

Fake 5 – A vacina tem um chip que vai ser implantado na população

Mais uma mentira recorrente. Já falamos, mais de uma vez, que não haverá qualquer chip implantando nas vacinas contra a Covid-19 (ou de qualquer outra doença). A história “surgiu do nada” e ganhou as redes sociais por aí. Para mais detalhes, leia os desmentidos aqui, aqui e aqui. Confira também no vídeo:

Resumindo: além de o texto em questão ser apenas uma nova versão de um texto já desmentido no Boatos.org (na versão anterior citava a Itália em vez de Alemanha), ele reforça outras informações falsas que já foram checadas e derrubas pelo nosso site.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99177-9164.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp http://bit.ly/2QvB43t
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet