Igreja Luterana da Paz em Joinville foi invadida por militantes de esquerda #boato

Boato – Vídeo mostra o momento em que militantes de esquerda invadem a Igreja Luterana da Paz, localizada na cidade de Joinville (SC).

O que não tem faltado na internet é notícia falsa que se utiliza da distorção de fatos verdadeiros. A última das informações que tivemos acesso ocorreu em cima de um fato na cidade de Joinville (SC).

Vídeos de estudantes com bandeiras vermelhas adentrando em um prédio estão circulando junto com mensagens que apontam que se trataria de uma invasão à sede da Igreja Luterana da Paz, localizada na cidade de Joinville. Junto ao vídeo, há mensagens falando que esse é o primeiro passo para o “fechamento das igrejas”. Leia algumas das mensagens que circulam por aí:

Versão 1: ATO ANTIDEMOCRÁTICO! Agora foi a Igreja Luterana da Paz em Joinville que foi invadida por vândalos e baderneiros da esquerda. Esse foi mais um caso de atentado à liberdade religiosa. Pergunto: onde estão os defensores da democracia?

Versão 2: MEU DEUS! Amanheço com a notícia de que mais uma igreja foi invadida pelos terroristas de esquerda. Dessa vez, foi a igreja Luterana de Joinville, SC. Esse é o Brasil que você quer?

Versão 3: Urgente: Igreja Luterana sendo invadida! Assim como nos outros países, como Chile e Argentina, a esquerda agora começa a invadir e depredar igrejas aqui no Brasil também. Isso aconteceu ontem (18/10) aqui em Joinville/SC. Imaginem o que serão delas se essa gente voltar ao poder

Igreja Luterana da Paz em Joinville foi invadida por militantes de esquerda?

Não demorou para a história se espalhar com todas as forças na internet. Só que, apesar de ter ocorrido um incidente em Joinville, é falsa a informação que aponta para invasão de igrejas.

Como falamos lá no início do texto, o que não tem faltado nos últimos dias é fake news que distorce um evento. Outro dia, os tiros próximos ao Tarcísio de Freitas foram tratados como um “atentado da esquerda”. Hoje, falamos de uma ação falsamente atribuída ao MST. Assim como nos outros casos, houve uma distorção do que ocorreu.

Tudo começou com um caso ocorrido na Faculdade Ielusc, na cidade de Joinville (SC). De acordo com esta matéria, Maria Elisa Máximo foi demitida por fazer postagens de cunho político em redes sociais.

A situação gerou uma comoção (com direito a notas de repúdio). Neste sentido, estudantes da Ielusc resolveram fazer um ato de protesto na sede da faculdade. As imagens mostram os estudantes no ato em questão.

Ao lado da Ielusc, há uma igreja Luterana (afinal, a faculdade também é ligada à igreja). No momento do protesto dos estudantes, ocorria um culto na igreja. E aí está o ponto: de acordo com membros da igreja, o protesto atrapalhou o andamento do culto. As informações reais param por aí.

É falsa a informação que aponta que os estudantes “invadiram” a igreja. Na realidade, a ocupação e as manifestações se deram na sede da faculdade. A própria igreja da Paz lançou uma nota desmentindo que houve a tal invasão. Leia:

NOTA DE ESCLARECIMENTO Joinville, 19 de outubro de 2022 A Paróquia da Paz, parte da Comunidade Evangélica de Confissão Luterana de Joinville – União Paroquial (CEJ-UP), vem por meio desta esclarecer fatos relacionados à manifestação ocorrida na noite desta terça-feira, dia 18, na Faculdade lelusc. Ao contrário do que vem sendo reportado, especialmente nas redes sociais, a paróquia informa que não houve invasão de nenhum espaço da Igreja da Paz, antes ou durante o ato estudantil e que os sinos foram acionados como de costume, no ato da Oração do Pai Nosso. A Igreja da Paz compartilha a área com a instituição de ensino, o que gerou incômodo durante o culto em andamento, em razão do barulho e na saída dos participantes. Na esperança de ter esclarecido os fatos, nos colocamos à disposição em caso de dúvidas. Bençãos de Deus.

Resumindo: é falsa a informação que aponta que manifestantes de esquerda invadiram uma igreja luterana na cidade de Joinville (SC). O vídeo mostra a ocupação de uma faculdade e a própria igreja desmentiu a fake news.

Ps: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo siteFacebook e WhatsApp no telefone (61) 99458-8494.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/3sexfTk
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3yPELWj
 – Siga-nos no Kwai https://bit.ly/3cUbEso

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet