Chuva de gafanhotos é filmada na Síria e anuncia o Apocalipse descrito na Bíblia #boato

Boato – Vídeo mostra momento em que Síria é atingida por chuva de gafanhotos que veio anunciar o apocalipse (fim do mundo) descrito na Bíblia.

O livro do Apocalipse (também conhecido como “O livro da revelação”) é, provavelmente, uma das passagens mais temidas da Bíblia. O livro descreve os eventos que aconteceriam antes do “juízo final”. A passagem é o último texto religioso presente no cânone bíblico (a lista de textos religiosos aceitos por uma comunidade).

Em algumas interpretações, as revelações apresentadas no livro aconteceriam em breve. Entretanto, para outras, esses eventos ainda estão acontecendo. É o que diz a história de hoje. De acordo com um vídeo que anda circulando nas redes sociais, a Síria teria sido atingida por uma chuva de gafanhotos. Ainda de acordo com as publicações, o evento anunciaria o apocalipse, assim como descrito no último livro da Bíblia. Confira:

“Irmaos oremos uns pelos.outros, um irmao acabou de me enviar esses videos. Está uma invasão de gafanhotos na Síria como a biblia descreve em Apocalipse. Estejamos preparados…….o Fim vem”.

Chuva de gafanhotos foi filmada na Síria e anuncia o apocalipse da Bíblia?

As imagens são realmente impressionantes e mostram diversos animais sobrevoando a cidade. Além disso, os vídeos também mostram os animais amontoados em árvores, na zona rural. Mas será que as imagens realmente mostram uma chuva de gafanhotos na Síria e o evento anunciaria o apocalipse descrito na Bíblia? Bem, a verdade é que a história não é bem assim.

Vamos aos fatos! Uma rápida análise nas mensagens que acompanham os vídeos nos mostram que elas seguem aquele velho roteiro de fake news na internet: são vagas, alarmistas, possuem erros de português e não citam fontes confiáveis. Para o combo ser completo, só faltou o pedido de compartilhamento.

Vale ressaltar que histórias envolvendo vídeos (principalmente fora de contexto) se tornaram uma constante nos últimos meses. A equipe do Boatos.org já desmentiu alguns deles, como o bandejão no Planalto criado pelo presidente Jair Bolsonaro, também a história em que Gleisi Hoffmann teria se tornado pastora em uma igreja evangélica criada pelo PT e, por fim, o vídeo que mostraria o momento exato da queda do Boeing 737, na Etiópia.

Resolvemos ir atrás de mais informações sobre o vídeo e conseguimos descobrir a origem das imagens. Os vídeos, de fato, mostram uma ‘chuva de gafanhotos’ (que, tecnicamente, não é uma chuva, mas sim uma revoada). Porém, não foram gravados na Síria.

As imagens, na realidade, foram gravadas na cidade de Najran, na Arábia Saudita, no final de abril de 2019. A infestação dos insetos também afetou diversos outros países às margens do Mar Vermelho. O fenômeno, claro, assustou muita gente e rendeu imagens impressionantes.

Mas, apesar do susto, o fenômeno não deve ser encarado como um prenúncio do fim dos tempos. Longe disso! No início do ano, a Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO/ONU) já havia emitido um boletim informando sobre a possibilidade de uma revoada de gafanhotos na Arábia Saudita e proximidades.

Vale destacar também que esse é o evento sazonal e já ocorreu em outros lugares no passado, como em Madagascar, em 2013, e também na Rússia, em 2015. O fenômeno ocorre por conta da falta de alimentos em um determinado local. Por conta disso, os insetos se deslocam em bando, em busca de comida em áreas agrícolas. No caso da Arábia Saudita, o evento aconteceu por conta do aumento de chuvas (onde mais gafanhotos tendem a nascer e desequilibrar o ambiente do restante do bando).

Em resumo: a história que diz que uma chuva de gafanhotos atingiu a Síria e anunciou o apocalipse da Bíblia é falsa! Os vídeos, na verdade, mostram uma revoada de gafanhotos, mas não foram gravados na Síria. As imagens foram feitas na Arábia Saudita e o fenômeno já havia sido previsto pela ONU, no início do ano. Ou seja, a história é apenas #boato. Portanto, cuidado ao compartilhar! Até a próxima.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 99177-9164.

Compartilhe este artigo:
error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)