Pular para o conteúdo
Você está em: Página Inicial > Política > Vídeo íntimo de Nikolas Ferreira com homem vazou na internet #boato

Vídeo íntimo de Nikolas Ferreira com homem vazou na internet #boato

Vídeo íntimo de Nikolas Ferreira com homem vazou na internet, diz boato (Foto: Reprodução/Facebook)

Boato – Acabou de vazar um vídeo íntimo do deputado federal eleito Nikolas Ferreira com um homem. Essa é a prova de que ele é gay.

Quando achamos que o nível da campanha eleitoral não tinha como baixar, fomos surpreendidos. Nos últimos dias, vimos pastora falando atrocidades (sem provas, até o momento) em uma igreja e viralizando na internet e, agora, uma série de ataques homofóbicos de lado a lado da campanha.

A história que vamos tratar hoje aponta para o deputado federal eleito por Minas Gerais Nikolas Ferreira. De acordo com posts de “Lulaminions” (aqueles simpatizantes de Lula que se assemelham aos fãs mais fervorosos de Bolsonaro), um vídeo de Nikolas Ferreira com um homem havia vazado na internet. Leia algumas das mensagens que circulam online:

Versão 1: Suposto vídeo íntimo de Nikolas Ferreira é divulgado e campanha de Bolsonaro teme impacto Versão 2: Atual vereador de Belo Horizonte (MG) e deputado federal eleito com mais votado do Brasil, Nikolas tem 26 anos e se define como “cristão e conservador” nas redes sociais. Versão 3: Suposto vídeo do deputado bolsonarista Nikolas Ferreira fazendo s3x0 oral em homem circula no Twitter

Vídeo íntimo de Nikolas Ferreira com homem vazou na internet?

Vídeo: é falso que assalto foi realizado com camiseta no retrovisor de carro

O assunto se espalhou muito em redes sociais (entre elas o Twitter e WhatsApp). Só que, assim como em casos similares, não há provas de que o vídeo seja mesmo de Nikolas Ferreira.

Antes de falar do caso em si, precisamos falar de exemplos que foram utilizados por bolsonaristas e se mostraram falsos. No começo da campanha, desmentimos uma fake news de um suposto vídeo da cantora Anitta. Depois, desmentimos uma fake news sobre supostas fotos de Renata Vasconcellos (da Globo) na Playboy. Nos dois casos, a informação era falsa. Tratavam-se de montagens ou de pessoas parecidas com as vítimas das fake news.

A história de Nikolas Ferreira circula de uma forma muito parecida. Os vídeos não tem qualquer elemento que comprovam que o vídeo teve mesmo a presença do deputado federal eleito. Com a questão do deepfake, mesmo que o rosto fosse mesmo de Nikolas, não seria possível “cravar” que é ele no vídeo. Mas sequer isso ocorreu.

Como o próprio deputado eleito apontou em um vídeo, a pessoa do vídeo é um ator chamado Joey Mills. Ao procurar o perfil dele no Twitter, é possível ver a publicação (que é de julho de 2020). Ou seja: pegaram um vídeo de um ator semelhante ao deputado e saíram publicando por aí.

É importante citar que diversas narrativas foram criadas a partir do vídeo (a de que ele seria gay e que teria encontros na Bahia etc.). Um vídeo que o vídeo é utilizado como prova das histórias, elas perdem, por assim dizer, a materialidade.

Antes de terminar, sempre é importante frisar que, para além do fake em si, há muita coisa errada nesta história. Vamos enumerar. 1) O comportamento de figuras políticas (como o próprio Nikolas, aliás) de usar a sexualidade como forma de ataque de opositores pode ter eficácia política, mas é lamentável. A pessoa ser gay ou não é uma discussão que só serve para atrasar o debate e auxiliar na escolha por parte de otários. 2) Se o vídeo fosse real, ninguém deveria se importar ou, pior ainda, publicar. Ter uma relação íntima não é um crime (pelo menos por enquanto) no Brasil. Vazar imagens sem autorização é.

Resumindo: independentemente dos meandros da história e do rumo lamentável que tem tomado o debate público, o fato é que não é Nikolas Ferreira no vídeo com um homem que vazou na internet. As imagens são de um ator gay e não têm relação com o citado.

Ps: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo siteFacebook e WhatsApp no telefone (61) 99458-8494.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/3uwu4ra
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3yPELWj
 – Siga-nos no Kwai https://bit.ly/3cUbEso