Militares do Exército responsáveis pelas urnas eletrônicas fizeram foto fazendo “L de Lula” #boato

Boato – Tenentes-coronéis do Exército são flagrados, em foto, fazendo o “L de Lula” durante viagem à Israel para aperfeiçoar urnas eletrônicas do TSE. 

As eleições 2022 estão se aproximando e, com o pleito eleitoral a 12 dias de distância, as fake news também seguem um ritmo acelerado. Além disso, as histórias falsas têm abordado todos os lados políticos, o que aumenta o trabalho dos checadores.

Se isso não bastasse, ainda existem as histórias falsas sobre o próprio processo eleitoral. Nas últimas semanas, publicações com informações falsas sobre as urnas eletrônicas e sobre o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) se multiplicaram nas redes sociais. Junto com elas, ataques ao processo eleitoral e às instituições.

Exemplo disso é a história de hoje. De acordo com uma publicação que está sendo compartilhada nas redes sociais, tenentes-coronéis do Exército teriam sido fotografados fazendo o “L de Lula”, em Israel. Ainda segundo a história, os tenentes-coronéis seriam responsáveis pelas urnas eletrônicas e estariam em Israel aperfeiçoando a tecnologia das urnas. Confira:

Versão 1: “OLHA O PERIGO,  ISSO TEM QUE CHEGAR NO PRESIDENTE Esses 2 tenentes coronéis estiveram em Israel aperfeiçoando tecnologia em urnas eletrônicas  são os peritos que estão no TSE fazendo o trabalho pelo exército para as eleições e são comunistas lulistas como podem ver”. Versão 2: “APENAS APRESENTAR ESSES DOIS OFICIAIS (TEN-CEL) AÍ, E TORNÁ-LOS FAMOSOS DENTRO DO NOSSO EXÉRCITO BRASILEIRO”. Versão 3: “Tenente coronéis auditores das urnas, será? Se for a armação está pronta. Isso tem que chegar ao Cmt do Exército”. Versão 4: “APENAS APRESENTAR ESSES DOIS OFICIAIS (TEN-CEL) AÍ, E TORNÁ-LOS FAMOSOS DENTRO DO NOSSO EXÉRCITO BRASILEIRO”.

Militares do Exército responsáveis pelas urnas eletrônicas fizeram foto fazendo “L de Lula”?

A informação viralizou rapidamente nas redes sociais, em especial, no Twitter e deixou muitos bolsonaristas revoltados. Apesar disso, a história não é verdadeira. A explicação fica por conta da falta de provas.

Ao analisar a mensagem, logo de cara ficamos desconfiados. Isso porque ela apresenta as principais características de fake news na internet, como o caráter vago, extremamente alarmista e a falta de fontes confiáveis.

Não é de hoje que histórias falsas sobre as eleições circulam na internet. A equipe do Boatos.org já desmentiu inúmeras delas, como a que dizia que a Ursal e a esquerda vão fraudar as urnas eletrônicas, em 2022. Também a que indicava que o IBGE teria celular com urna eletrônica para roubar biometria de eleitores de Bolsonaro e, por fim, a que apontava que uma funcionária do TSE teria relatado vulnerabilidade nas urnas eletrônicas em um vídeo.

Ao analisar a história de hoje, percebemos que existe uma informação duvidosa e outra falsa. A foto foi publicada sem nenhum contexto, onde, quando e em que situação foi feito o L. Isso por si só já coloca a história em cheque, uma vez que existem diversas variáveis onde alguém pode ser fotografado fazendo o “L”.

Uma delas é da base de apoio do ex-presidente Lula. Entretanto, “fazer o L” já era muito comum em outros lugares, como no caso da torcida do Fluminense (por causa da comemoração do centroavante Germán Cano, que usa o gesto para homenagear seu filho Lorenzo). O gesto também aparece nos jogos online, como no Fortnite (onde o emote “Take the L”, ou “aceite a derrota”, faz uma dança e é usado para provocar os adversários eliminados do jogo) e entre a torcida da organização de e-sports LOUD (que usam o gesto para apoiarem a equipe).

Dessa forma, não é possível cravar se os militares são apoiadores do ex-presidente Lula, tricolores ou se apenas gostam de jogar jogos online. E mesmo se eles fossem “lulistas”, não haveria nenhum problema (assim como não há problema nos militares que manifestam voto em Bolsonaro).

Já a segunda informação é completamente falsa. Os homem que aparecem na foto não foram identificados, mas não são “tenentes-coronéis treinados em Israel”. Primeiro, porque eles são do 1º RM e do 1º CGCFEx, do Rio de Janeiro. O CGCFEx é um Centro de Gestão, Contabilidade e Finanças do Exército. Ou seja, não existe qualquer relação com altos cargos no Exército.

Segundo, porque as insígnias que aparecem na roupa dos dois homens não aparentam ser de tenentes ou coronéis. No próprio site do Exército Brasileiro é possível consultar as insígnias concedidas a cada postos e graduações. E bem, o militar do CGCFEx não tem três estrelas, como o caso do coronel ou do tenente-coronel.

Se isso não bastasse, os dois homens não fazem parte do grupo de pessoas das Forças Armadas que olharam as urnas. A lista com todos os participantes das Forças Armadas que inspecionaram os códigos-fonte das urnas eletrônicas foram disponibilizados pelo próprio TSE. Por fim, ninguém do Exército Brasileiro é responsável pelas urnas. O único responsável pela segurança dos aparelhos é o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que não foi para Israel “melhorar a tecnologia das urnas”.

Em resumo: a história que diz que os tenentes-coronéis do Exército foram fotografados fazendo o L, em Israel, após irem ao país para melhorar a tecnologia das urnas eletrônicas é falsa! Os homens que aparecem na imagem pertencem ao 1º RM e ao 1º CGCFEx, do Rio de Janeiro. O CGCFEx é um Centro de Gestão, Contabilidade e Finanças do Exército. Além disso, as insígnias que aparecem na roupa dos dois homens não parecem ser de coronéis ou tenentes-coronéis. Se isso não bastasse, eles também não fizeram parte da equipe que participou da inspeção dos códigos-fonte das urnas eletrônicas. Por fim, o L feito pelos homens pode ter outro motivo, como a comemoração do atacante Cano, do Fluminense (que usa o gesto para homenagear seu filho Lorenzo). Ou seja, a história não passa de balela!

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo siteFacebook e WhatsApp no telefone (61) 99458-8494.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/3uwu4ra
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3yPELWj
 – Siga-nos no Kwai https://bit.ly/3cUbEso