General Mourão faz texto de agradecimento aos “insetos do Brasil” por 2019 #boato

Boato – Para fechar o ano de 2019, o vice-presidente da República, general Hamilton Mourão, fez um texto de agradecimento aos “insetos do Brasil”. Na mensagem, há citações a Jean Wyllys, Maria do Rosário e outros nomes da esquerda, políticos, mídia e meio artístico.

Com 2019 terminando, muita gente está preparando o balanço dos “highlights” do ano. A mídia fará as retrospectivas, o Facebook vai publicar aquele velho “vídeo de fim de ano” e as pessoas vão começar a publicar os agradecimentos. E, de acordo com um texto que circula na internet, o general Hamilton Mourão, vice-presidente da República, já começou de forma agressiva.

Um texto atribuído a ele e com o título “agradecimento aos insetos do Brasil” começou a circular na internet. Na “carta”, ele dispara “obrigados” de forma irônica a nomes da esquerda (como Maria do Rosário Jean Wyllys, Dilma, Lula e Haddad), da mídia, do meio artístico e a “cada esquerdista”. Leia trechos da mensagem que circula online (resolvemos cortar uma parte do blábláblá):

Do GENERAL MOURÃO: “AGRADECIMENTO AOS INSETOS DO BRASIL Eu não podia deixar que 2019 acabasse sem fazer alguns agradecimentos. Eu até pensei em agradecer à toda a esquerda, mas seria genérico demais. Então, como diria Jack, vamos por partes. (piadinha horrível. Eu sei).

– Muito obrigado à Maria do Rosário. O seu chilique vitimista, quando se intrometeu absolutamente descontrolada- naquela entrevista, fez com que o Brasil conhecesse quem era aquele parlamentar que combatia fortemente sua ideologia nefasta, mas vocês o silenciavam.

– Muito obrigado ao Jean Wyllys. Suas declarações intolerantes, mostrando que se recusaria a qualquer tipo de diálogo, nos mostrou quem são os verdadeiros fascistas. Não podemos nos esquecer, também, da sua luta aguerrida pela ideologia de gênero nas escolas e pela sexualização das nossas crianças. […]

– Muito obrigado ao Grupo Globo e Folha de São Paulo. As constantes tentativas, patéticas, de desmerecerem o caráter do presidente eleito (Vocês chegaram a publicar que ele chamava uma coleguinha de gorda, aos 6 anos de idade. Pelo amor de Deus) só mostraram para o povo que, em quase 30 anos de vida pública, não tinham NADA para acusa-lo. Um obrigado mais especial à Miriam Leitão, por ter psicografado um editorial e negado o próprio Roberto Marinho, ao vivo. Aquela cena foi impagável.

Muito obrigado à Daniela Mercury, Claudia Leitte, Anitta e toda a galerinha do “Ele Não”. Vocês expuseram a farsa da Lei Rouanet, que usa dinheiro DO POVO para comprar o apoio de artistas milionários. […]

Enfim, muito obrigado a cada político/militante esquerdista, que passou as últimas décadas lutando por essa ideologia genocida que, enfim, passou dos limites. Se não tivessem abusado, agido como donos da sociedade, tentado impor o “politicamente correto” à qualquer custo, provavelmente nós não teríamos um presidente de direita. Bolsonaro é a consequência dos seus desmandos e sandices. É a resposta de um povo abusado, roubado, esgotado. Então, muito obrigado! Se não houvessem insetos, não haveria o inseticida. “

General Mourão fez texto de agradecimento aos “insetos do Brasil”?

A tal mensagem foi muito compartilhada na internet (por pessoas e por robôs). Mas será mesmo que o general Mourão fez o tal texto com teor raivoso que viralizou na internet? A resposta é não. Calma aí que a gente explica tudo para vocês.

O histórico desse tipo de fake já nos deixou um tanto quanto desconfiados. Volta e meia aparece na internet uma “carta defendendo a direita e atacando a esquerda” atribuída falsamente a alguém conhecido. Por aqui já desmentimos esse tipo de fake atribuído a Lulu Santos, Maria Bethânia, Moro e generais (como Gilberto Pimentel e Walter Braga Netto).

Para além disso, o texto destoa do tom adotado por Mourão neste primeiro ano de governo. Por ter sido considerado “moderado” dentro do governo, ele chegou a ser criticado por Carlos Bolsonaro e Olavo de Carvalho. Sem contar que a mensagem carrega xingamentos e ilações que alguém com o mínimo de bom senso pensaria duas vezes antes de publicar.

Foi com todo esse briefing que resolvemos buscar pela carta atribuída ao general Mourão. Na primeira busca não só descobrimos que ele não é o autor como que a carta já circulava na internet (atribuída a um militante de direita) desde dezembro de 2018. Foi só em 2019 que o texto “virou” do general Mourão.

Resumindo: a história que aponta que o general Hamilton Mourão fez um texto de agradecimento aos “insetos do Brasil” é falsa. O texto circula na internet desde o final de 2018 e não é do vice-presidente da República.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99177-9164.

Clique nos links “bit.ly” para acessar nossos perfis:

– Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
– Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
– Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
– Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
– Grupo no WhatsApp http://bit.ly/36nlVru

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)