General Walter de Braga Netto, o fio desencapado, grava áudio sobre comunistas e Bolsonaro #boato

Boato – Em áudio, general Walter de Braga Netto diz que governo Bolsonaro “é o início de uma guerra sem fim” e condena comunismo. Ele é conhecido como o “fio desencapado”. 

Nomeado chefe do Estado-Maior do Exército em março de 2019, o general Walter Braga Netto já é bastante conhecido no meio militar. Integrante do Exército desde 1975, Braga Netto foi designado como interventor na Segurança Pública do Rio de Janeiro, em 2018, pelo ex-presidente Michel Temer.

E, nos últimos dias, o nome do general Braga Netto anda bastante comentado nas redes sociais. Uma mensagem que afirma que o general é conhecido como “fio desencapado” anda circulando na internet acompanhada de diversos vídeos (que falam sobre o decreto que libera a distribuição de medicações para o tratamento de artrofia muscular espinhal pelo SUS, do senador Omar Aziz afirmando que políticos não são servidores públicos e de um médico contestando os dados de desmatamento apresentados pelo INPE).

Mas uma publicação que acabou viralizando no WhatsApp chamou a atenção. De acordo com a postagem, o general Braga Netto teria gravado um áudio em que diz que o governo Bolsonaro seria “o início de uma guerra sem fim”. Ainda no áudio, Braga Netto teria falado em guerra contra o comunismo e o combate contra “a imundice na política brasileira”. Confira:

*Pessoal, esse cidadão do áudio logo abaixo é o Secretário de Segurança Nacional que foi nomeado pelo Sergio Moro, General do Exército Walter Braga Neto!! Conhecido no meio Militar como o General “Fio Desencapado”. É de BH! E aí, agora, o trem vai ou não? Vamos repassar em todos os grupos!!*

General Walter de Braga Netto, o fio desencapado, gravou áudio sobre comunistas e Bolsonaro?

O áudio aumentou ainda mais a tensão entre o presidente Jair Bolsonaro e apoiadores e críticos do governo. As supostas declarações do general Braga Netto também inflamaram diversos internautas pró-intervenção militar. Mas a pergunta que não quer calar é: será que o áudio é real e o general Braga Netto realmente teria dito tudo aquilo? A resposta é não!

Vamos aos fatos! A própria mensagem já causa desconfiança. Uma leitura com um pouco mais de atenção já mostra que a mensagem é vaga, alarmista, possui erros de português, pedidos de compartilhamentos e não cita fontes confiáveis. Ou seja, o combo completo de características de fake news na internet.

Além disso, toda essa história também é bastante contraditória. Primeiro, pela quantidade de versões (inclusive aquelas que são atribuídas ao general Braga Netto e sequer tem relação com o contexto da história). Segundo, porque a mensagem que cita o caso do “fio desencapado” já foi utilizada em outra história envolvendo o general Santos Cruz, em dezembro de 2018, que inclusive foi desmentida pela equipe do Boatos.org.

Vale ressaltar também que não é possível afirmar que os generais Santos Cruz e Braga Netto possuam a fama de “fio desencapado” (que não é lá muito desejável para um general, uma vez que esse posto exige controle emocional).

Já em relação ao suposto áudio gravado pelo general, também encontramos algumas inconsistências. A primeira delas é a forma como o sujeito de identifica (“comandante Walter”). Braga Netto, desde 2009, trabalha no posto de general (e se identifica dessa forma: general Braga Netto). A segunda é em relação ao posto. Braga Netto não é “Secretário de Segurança Nacional”. O cargo pertence ao também general Guilherme Theophilo.

A terceira é a própria voz do general. Em comparação a vídeos de outras entrevistas concedidas pelo general, é possível observar algumas diferenças com o áudio. Por exemplo, a forma assertiva da fala e o tom de voz (mais alto do que no áudio) e também o sotaque (uma mistura do sotaque mineiro, uma vez que Braga Netto nasceu em Minas Gerais, com o sotaque carioca, com o “r” e o “s” bastante acentuados).

A biografia do general também contradiz o que é dito no áudio, especialmente na parte que cita as “roubalheiras”. Vale lembrar que Braga Netto participou como interventor no Rio de Janeiro durante o governo do ex-presidente Michel Temer (que também teve acusações de corrupção). Ou seja, não faz muita lógica afirmar esse tipo de coisa.

Por fim, ao buscar por mais informações sobre o suposto áudio, não encontramos nenhuma notícia na internet sobre o caso. A história não é citada por nenhuma fonte confiável (veículos de comunicação ou até mesmo a página oficial de Braga Netto).

Em resumo: a história que diz que o general Braga Netto gravou um áudio em que diz que o governo Bolsonaro “é o início de uma guerra sem fim” e condenando o comunismo é falsa! Além de não existir nenhuma informação sobre o caso em fontes confiáveis, a mensagem usada nas publicações já foi utilizada em outra história desmentida no Boatos.org. Por fim, uma análise de entrevistas antigas do general Braga Netto mostram que a voz e o sotaque do homem do áudio não parecem com os do general. Ou seja, a história é apenas #boato. Até a próxima!

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99177-9164. 

Compartilhe este artigo:
error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)