Flávio Dino assumiu, em postagem no Twitter, que é gay #boato

Boato – O futuro ministro da Justiça Flávio Dino disse, em publicação no Twitter, que, aos 52 anos de idade, era hora de assumir que era gay.

Quando bolsonaristas realizam atos de vandalismo no centro de Brasília, a figura de Flávio Dino, futuro ministro da Justiça, ganhou destaque. Claro que, depois disso, não demorou muito para ataques contra ele começarem a aparecer na internet.

Um deles apontava para um suposto tuíte no qual Flávio Dino teria assumido que é “homossexual”. Na publicação, o ex-governador do Maranhão teria dito que, aos 52 anos, seria hora de assumir que era gay. Leia a mensagem que circula online:

Confira também: É falso que Lulinha foi preso no Paraguai! Confira o desmentido em vídeo:

Clique e siga o Boatos.org no YouTube

Flávio Dino @Flavio Dino Hoje, amadurecido, com 52 anos de idade, sinto-me seguro para declarar que sou homossexual. Deixar escondida essa informação sempre me fez muito mal. Quero sublinhar que essa decisão conta com o total apoio de Jerry.

Flávio Dino assumiu, em postagem no Twitter, que é gay?

A publicação não demorou para se espalhar entre grupos de bolsonaristas em redes sociais. Porém, é falsa a informação que aponta que o governador Flávio Dino é gay e que ele assumiu a homossexualidade em um tuíte.

O histórico de boatos de tuítes falsos atribuídos a figuras públicas já nos deixa muito desconfiados da veracidade da informação. Já desmentimos, por exemplo, publicações falsamente atribuídas a Lula, Marcelo Freixo e Gleisi Hoffmann.

Ao olhar a imagem do suposto print, matamos a charada da suposta declaração. Por mais que seja um assunto de foro íntimo e não haja qualquer problema com alguém assumir que é gay, uma declaração como essa (assim como a do governador eleito do Rio Grande do Sul Eduardo Leite) geraria notícia e debates.

A data da suposta declaração é 12 de março de 2021. Sabe quantas repercussões em fontes confiáveis teve a suposta declaração? Se você respondeu zero, está corretíssimo. Não há nada sobre o assunto em fontes confiáveis.

Ao buscar pelos tuítes de Flávio Dino (que não é gay) do dia em questão, achamos um relato de uma reunião do secretário de Saúde de São Luís, o anúncio de um texto sobre fake news e tuítes sobre aberturas de leitos (aqui e aqui) para tratar casos de Covid-19 no estado (que estava em fase crítica).

Ou seja: alguém criou o suposto tuíte de Flávio Dino (criação que sequer segue o layout da rede social), colocou uma data aleatória e saiu espalhando por aí.

Resumindo: é falsa a informação que aponta que Flávio Dino disse, no Twitter, que havia assumido a homossexualidade. O print é de uma publicação que nunca foi feita e a informação que aponta que o ministro da Justiça é gay não procede.

Ps: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo siteFacebook e WhatsApp no telefone (61) 99458-8494.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/2M3r9Bt
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3yPELWj
 – Siga-nos no Kwai https://bit.ly/3cUbEso

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet