Alckmin entrega Lula e urnas eletrônicas ao falar que nunca viu um “abuso tão grande como nas últimas eleições” #boato

Boato – Vídeo mostra o vice-presidente Geraldo Alckmin entregando o jogo da fraude das urnas eletrônicas a favor de Lula ao falar que nunca viu um abuso tão grande das urnas eletrônicas.

Desde o final das eleições (aliás, um pouco antes disso), tem circulado na internet mensagens que apontam, sem provas, para fraudes nas urnas eletrônicas. A última das histórias aponta para um vídeo do vice-presidente Geraldo Alckmin sobre a suposta “prova do crime”.

Um vídeo de Alckmin dando a seguinte declaração “em 50 anos de vida pública, eu nunca tinha visto. Um uso e abuso da máquina pública como que ocorreu nesta última eleição. O que podia e o que não podia ser feito foi feito para ganhar a eleição” está circulando como se fosse uma entrega de que Lula fraudou as urnas eletrônicas para ser eleito. “Alckmin entrega o jogo (2023) jan 01”, diz uma das mensagens que circulam online. Leia outras:

Confira também: Janja tirou foto com traficante? Saiba a verdade aqui!

Clique e siga o Boatos.org no YouTube

Versão 1: Será que o Alckmin já está querendo pular fora do barco antes de naufragar? Vice entregou o Lula. Peixe morre pela boca. Urnas roubas. Sinto que o PT vai rachar de dentro pra fora. Versão 2: ALCKMIN entrega todo esquema das eleições em poucas palavras hahahah. Versão 3: BOMBA ATÔMICA Após Alckmin entregar o jogo do roubo nessas últimas eleições, Lula manda desligar as câmeras AO VIVO!!! Não é possível que agora nada vá acontecer!

Alckmin entregou Lula e urnas eletrônicas ao falar que nunca viu um “abuso tão grande como nas últimas eleições”?

O vídeo não demorou para se espalhar entre grupos bolsonaristas e a chamar atenção na internet. Só que é falsa a história que aponta que Geraldo Alckmin “entregou o jogo” da fraude das eleições de 2022 de Lula.

Não é de hoje que vídeos são retirados de contexto para fazer com que mensagens viralizem na web. Como exemplos, há fakes que apontam que William Waack denunciou a fraude nas urnas eletrônicas, que Lula estava bêbado no lançamento da candidatura e que Vera Magalhães admitiu que provocou Bolsonaro.

Assim como em outros casos, a história que circula online é falsa. Para chegar à veracidade da informação, bastou buscar pelo vídeo original. Na realidade, Geraldo Alckmin estava criticando o ex-presidente Jair Bolsonaro. A fala, como mostra esta matéria, era uma crítica aos diversos benefícios despejados no período eleitoral que, de acordo com a visão de Alckmin, seria de caráter eleitoreiro.

Resumindo: é falsa a informação que aponta que o Geraldo Alckmin “entregou Lula” e falou sobre fraude nas urnas eletrônicas durante discurso. A fala em questão era, na realidade, uma crítica ao ex-presidente Jair Bolsonaro.

Ps: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo siteFacebook e WhatsApp no telefone (61) 99458-8494.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/2M3r9Bt
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3yPELWj
 – Siga-nos no Kwai https://bit.ly/3cUbEso

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet