Pular para o conteúdo
Você está em: Página Inicial > Mundo > Ministro de Senegal apanhou do povo durante férias em Paris (França) #boato

Ministro de Senegal apanhou do povo durante férias em Paris (França) #boato

Ministro de Senegal apanhou do povo durante férias em Paris (França), diz boato (Foto: Reprodução/Twitter)

Boato – Vídeo mostra ministro de Senegal apanhando do povo quando foi passar férias em Paris (na França). Isso ocorreu por conta da corrução no país africano.

Uma das funções da desinformação e do discurso enviesado na internet é de justamente incitar atos de violência por parte da população. É esta intenção que uma série de mensagens que viralizou online está transparecendo.

Pessoas contrárias ao governo atual estão compartilhando um vídeo de um homem negro sendo espancado por outros homens negros junto a mensagens que apontariam que o homem seria um ministro de Senegal em Paris e que os agressores seriam “do povo indignado”. Leia duas das versões da mensagem que circula online:

Versão 1: Ministro do Senegal foi passar férias nababesbas em Paris, deixando o seu povo morrendo e passando fome. Mas na França reconheceram-no. Alguns tapinhas nas costas, abraços fortes etc.

Vídeo: É falso que vacina da gripe tenha "vírus do câncer"

Versão 2: Ministro do Senegal 🇸🇳 foi passar férias luxuosas em Paris, enquanto no país onde é ministro, as pessoas morrem à fome. Levou uma surra em Paris de imigrantes senegaleses que lá vivem.

Análise da mensagem que circula online

O texto que acompanha o vídeo consegue ter algumas das principais características de fake news como o caráter vago (não é dito sequer o nome do ministro), o tom alarmista (que envolve violência e política), os erros de português e a falta de citação de fontes confiáveis que confirmem a história.

Além disso, não é de hoje que supostas ações de violência contra políticos são permeadas por mensagens falsas que visam incitar a violência. Já desmentimos histórias falsas que apontam que o “filho do prefeito do PT”, “Eduardo Bolsonaro” e “Lula” apanharam da população.

Ao olhar o conteúdo, nos surgem três perguntas que serão respondidas a seguir. A primeira é se é verdade que um político de Senegal apanhou da população em Paris? A segunda é quem é a pessoa do vídeo? A terceira é se o vídeo tem relação com política?

É verdade que um político de Senegal apanhou da população em Paris?

Não é verdade. Procuramos pela origem da história e descobrimos o seguinte caminho. Primeiro, o vídeo brotou em redes sociais com a tal descrição (nunca de Senegal). Depois, alguns sites de países africanos (não Senegal) começaram a viralizar a (des)informação. Depois a história passou a ser compartilhada em outros países.

Porém, não há nenhuma fonte confiável que aponte que o homem seria um “ministro de Senegal”. Ao contrário disso, a pessoa agredida não é um “ministro de Senegal”.

Quem é a pessoa do vídeo da agressão em Paris?

É fato que a agressão se deu contra um senegalês. Porém, a vítima foi o artista Demba NDiaye Dilane. A agressão se deu próximo à estação Passy do metrô de Paris. De acordo com esta matéria, ele foi agredido e assaltado.

O vídeo tem relação com a política de Senegal?

Demba NDiaye Dilane não é político, mas há um fundo político na história. De acordo com um relato do artista, ele foi agredido por militantes simpáticos ao político de oposição Ousmane Sonko. O motivo seria a simpatia do artista pelo presidente Macky Sall.

Resumindo: o vídeo que está circulando na internet é relacionado à política em Senegal, mas não é da população agredindo um político do país. Tratou-se de uma agressão em Paris contra um artista senegalês simpático ao presidente do país africano.

Ps: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo siteFacebook e WhatsApp no telefone (61) 99458-8494.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube https://bit.ly/3vZsrnd
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/3ounmCN
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3yPELWj
 – Siga-nos no Kwai http://bit.ly/3zGePPm