Hamas lançou 450 foguetes em Israel ontem (2020) e 4 pessoas morreram com ataques #boato

Boato – Embaixador de Israel no Brasil, diz que Hamas lançou 450 foguetes em Israel ontem e que 4 pessoas morreram com ataques.

O uso de informações e notícias desatualizadas se tornaram um dos truques preferidos quando o assunto é fake news. Já explicamos por aqui que, na internet, não é recomendado utilizar as palavras “ontem” ou “hoje” porque, como os conteúdos podem ser acessados para sempre, o “ontem” pode se tornar, digamos, um pouco desatualizado. É justamente o que aconteceu na história que vamos tratar agora.

Circula pelo Facebook e WhatsApp um suposto de 2020 apelo do embaixador de Israel no Brasil, Yossi Shelley. Na mensagem, o embaixador diz que Hamas lançou mais de 450 foguetes em Israel ontem e que 4 pessoas morrerem com ataques. Yossi pede ainda que o povo brasileiro procure saber a verdade e divulgue em suas redes sociais a real situação do povo israelense. Leia trechos da mensagem:

Mensagem do Embaixador de Israel no Brasil. “Caros amigos, desde ontem estamos dia e noite sob ataques terroristas em Israel. Até o momento, já foram lançados mais de 450 foguetes partindo da FAIXA DE GAZA para regiões onde residem cidadãos civis. O alvo tem sido direcionado não para bases militares, mas para escolas, residências e comércio com o propósito de fazer com que crianças, jovens e adultos sejam mortalmente atingidos. Também é importante dizer que os mísseis vindo do lado de lá estão sendo lançados de dentro de mesquistas, escolas, hospitais e residências civis,  utilizando uma estratégia moralmente condenável contra o seu próprio povo com o intuito de forçar o exército israelense a revidar nesses pontos sem nos dar escolha de poupar vidas de inocentes que nada tem a ver com isso. Já contabilizamos mais de 56 feridos e 5 mortes, mas este número segue crescendo e poderia ter sido muito maior se não contassemos com um aparato tecnológico que nos permite interceptar com eficiência um grande número de mísseis. […]

Neste momento tão delicado, peço que o povo brasileiro procure saber a verdade e que não se deixe enganar por propagandas enganosas que insistem em nos acusar de responsáveis pelo ódio. Agradeço imensamente se puderem divulgar em suas redes sociais com informações verdadeiras sobre a nossa real situação e que continuem junto a nós no combate ao ódio a Israel e ao seu povo, propagado não só pelo Hamas, mas também pelo Hezbolah e pela Jihad Islâmica. O ódio jamais vencerá a verdade! Precisamos de vocês, tamo juntos! Muito obrigado! Yossi Shelley – Embaixador de Israel no Brasil”

Hamas lançou 450 foguetes em Israel ontem (2020) e 4 pessoas morreram com ataques?

O relato é convincente, o que explica o número de compartilhamentos e publicações no WhatsApp. Mas, cá entre nós, não aconteceu nenhum ataque dessa magnitude do Hamas em Israel ontem. Se você ainda não entendeu o porquê, a gente te explica.

Geralmente, o “ontem” costuma ser o primeiro sinal para nos deixar com a pulga atrás da orelha. Afinal, aqui, no Boatos.org, é comum aparecerem informações e notícias desatualizadas com o bônus “ontem” e “hoje”. O mesmo aconteceu na história das 20 igrejas queimadas ontem à noite em Olisabang, chuva no deserto da Arábia Saudita e na Argentina que se transformou na China comunista.

O que essas histórias têm em comum é  que, em todas – incluindo o caso de hoje, as datas não conferem. A mensagem do embaixador de Israel no Brasil, de fato, existiu, mas não foi relacionada a algo que ocorreu ontem.

Ao buscarmos mais informações sobre o assunto, chegamos à postagem de Yossi Shelley que, ao contrário do que se imagina, foi publicada no dia 5 de maio de 2019 e não recentemente, como o alerta nos faz acreditar.

Mais uma googlada e encontramos mais detalhes sobre o caso (confira a linha do tempo aqui). Pois bem, a escalada de violência na região começou no dia 3 de maio de 2019, depois que dois soldados israelenses foram feridos por atiradores da Faixa de Gaza. Em resposta, a Força Aérea de Israel realizou um ataque aéreo, matando dois palestinos. O conflito seguiu no dia 4 com foguetes lançados de Gaza contra Israel.

Já no dia da publicação, 5 de maio, foram lançados mais de 450 mísseis contra Israel, que revidou com uma série de ataques aéreos e por solo. Ao menos três israelenses e nove palestinos morreram por causa do confronto, conforme aponta esta matéria do UOL.

Na época, o secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, condenou o ataque e pediu para todas as partes exercerem máxima contenção e reduzirem as tensões imediatamente. No dia 6 de maio de 2019, um acordo de cessar-fogo foi mediado pelo Egito e os confrontos acabaram.

Também procuramos informações sobre situação atual da região. Na busca, descobrimos que, desde o dia 6 de agosto de 2020, a tensão entre os dois lados vem crescendo. Segundo esta matéria do Haaretz, seis foguetes foram lançados em Israel, depois do exército atingir uma instalação subterrânea e um posto militar pertencente ao Hamas. Os ataques, de acordo com o porta-voz do exército israelense, são uma resposta ao disparo de seis mísseis e balões incendiários no sul de Israel.

O Coordenador-Especial da ONU para o Processo de Paz no Oriente Médio, Nickolay Mladenov, alertou que “na atual situação, nenhum esforço de mediação pode ter sucesso para evitar a escala ou para melhorar a situação na Faixa de Gaza” (veja aqui). Ou seja, o cenário ainda é tenso, mas nada tem a ver com a mensagem do embaixador de Israel no Brasil.

Ainda assim, checamos o perfil no Facebook do embaixador e, como já imaginávamos, não há nenhuma publicação sobre o recente conflito na região (pelo menos, não até o momento).  Sendo assim, podemos bater o martelo que a história é falsa. Sabemos que ainda existem conflitos na região, mas não é verdade que Hamas lançou 450 foguetes ontem em Israel.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99177-9164. 

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/318Tn5c
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK