Argentina vacinou duas vezes o mesmo homem contra a Covid-19 #boato

Boato – Fotos mostram que a Argentina vacinou duas vezes o mesmo homem contra a Covid-19. Isso mostra que ninguém queria ser vacinado.

Agora que começaram as vacinações mundo afora (no Brasil, ainda temos que esperar mais um pouco), um novo tipo de boato apareceu em redes sociais: o da denúncia da falsa vacinação. Desta vez, a história vem da Argentina.

De acordo com duas fotos que circulam em redes sociais, um homem foi vacinado duas vezes contra a Covid-19 no país. Em uma das fotos, o homem de camiseta amarela estaria recebendo a vacina no braço esquerdo. Em outra, ele estaria recebendo o imunizante no braço direito. Junto com as imagens, circulam mensagens que apontam que essa seria a prova que “ninguém quer se vacinar” na Argentina. Leia a mensagem que circula online e veja as imagens:

Confira também: cuidado com vídeos alarmistas sobre “fraude nas vacinas”:

Argentina de novo marcando tendência mundial. Vacinando duas vezes o mesmo cara. Chupa essa, Mundo. Acho que ninguém queria ser vacinado, vacinaram duas vezes só pra fotos, ou Gostou de ser penetrado!

Argentina vacinou duas vezes o mesmo homem contra a Covid-19?

A publicação com as imagens circulou muito em redes sociais (tanto na Argentina como no Brasil). Porém, não é verdade que o homem em questão foi vacinado duas vezes na Argentina.

Antes de entrar no caso em questão, vamos falar do básico: a mensagem questão tem características de boatos online como ser vaga (não diz sequer quem é o homem), alarmista e não cita fontes confiáveis.

Para além disso, boatos da categoria “prova de farsa nas vacinas” têm sido comuns na internet. Recentemente, desmentimos histórias que apontavam para vacinas sem agulhas em Israel, seringa falsa com agulha retrátil, uma vacinação falsa do prefeito de Londres, o mesmo de uma política australiana e sobre Kamala Harris. Para terminar o nosso “briefing”, ao buscar pelo assunto em fontes confiáveis, nada encontramos.

Além de não encontrar nada em fontes confiáveis, encontramos, em espanhol, uma explicação para o caso. E ela veio do próprio homem fotografado: Rafael Fernández, presidente do Comitê de Crise do Hospital Vera Barros (em Rioja, na Argentina). Em redes sociais, ele escreveu o seguinte:

Quero esclarecer que não fui vacinado duas vezes. Esta manhã aconteceu que havia uma grande aglomeração de pessoas que queria participar desta primeira vacinação. E para comodidade da imprensa, decidiu-se trocar o local e o braço.

Ou seja: uma das imagens não é de uma vacinação real. Ele seria vacinado no braço esquerdo, mas havia muita aglomeração de pessoas para imagens. Por isso, foi trocado o braço afim de que a imprensa tivesse imagens mais nítidas. O site de checagem espanhol Maldita.es aponta que a “vacina real” (como mostra o vídeo abaixo) foi dado no braço direito.

Resumindo: não é verdade que um homem foi vacinado duas vezes na Argentina contra a Covid-19. O próprio homem explicou que o local da injeção foi trocado para que as imagens da vacinação tivessem melhor qualidade e que foi imunizado (por enquanto) apenas uma vez.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99458-8494.

– Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
– Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
– Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
– Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
– Grupo no WhatsApp http://bit.ly/2YViiVK
– Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
– Siga-nos no TikTok http://bit.ly/38hcBcy

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet