Rafael Nadal dedica título do Australian Open a Bolsonaro e a Djokovic #boato

Boato – Em entrevista ao The New York Times, o tenista Rafael Nadal dedicou o título do Australian Open ao presidente Jair Bolsonaro, a Novak Djokovic e a “homens que lutam pela liberdade”.

Já virou regra. Sempre que alguém se destaca no meio esportivo não demora muito para que publicações apontando para um suposto apoio ao presidente Jair Bolsonaro se espalhem por aí. Das duas uma: ou tem gente tirando sarro com bolsonaristas porque acham que vão compartilhar tudo sem checar ou tem alguém achando que o presidente vai ganhar popularidade com isso.

Independentemente dos motivos, uma coisa é fato: a figura mais nova a aparecer neste tipo de publicação é a do tenista espanhol Rafael Nadal. Depois de vencer o Aberto da Austrália de Tênis (competição recheada de polêmicas por conta do veto à participação de Novak Djokovic por não estar vacinado) em uma final emocionante, Rafael Nadal teve o nome utilizado em uma suposta declaração.

De acordo com o texto, que se espalhou em diversos perfis em redes sociais, Rafael Nadal teria dedicado o título a “homens que lutam pela liberdade”. Como exemplos, ele citou Novak Djokovic e o presidente do Brasil Jair Bolsonaro. “Dedico este título a todos os homens que lutam pela liberdade, como Djokovic e o presidente Jair Messias Bolsonaro, Rafael Nadal ao New York Times”, diz a mensagem.

Rafael Nadal dedicou título do Australian Open a Bolsonaro e Djokovic?

Não demorou para a mensagem se espalhar com todas as forças por aí. Porém (e assim como em outros casos similares), não é verdade que Rafael Nadal tenha dedicado o título do Australian Open a Novak Djokovic e Jair Bolsonaro.

Como falamos lá no início do texto, não é de hoje que figuras do esporte são utilizadas em fake news de declarações de apoio a Bolsonaro. Desde o final do ano passado, desmentimos fake news que usaram o nome, por exemplo, de Mohamed Salah, Max Verstappen e Ciro Immobile. Isso já nos deixa muito desconfiados.

Para chegar à solução da história, buscamos pela suposta declaração. De cara, não encontramos nenhum vídeo com a tal declaração. Não há, também, qualquer entrevista após o título em que ele dedica o título a Novak Djokovic (pelo contrário, foi o sérvio que o parabenizou). Não há, muito menos, qualquer citação a Bolsonaro (por sinal, não há qualquer citação ao presidente brasileiro nem antes nem depois do título).

Ao buscar por conteúdos no The New York Times também não encontramos a tal declaração. No site do veículo, há uma matéria sobre a vitória de Nadal contra Daniil Medvedev na final do torneio e declarações do espanhol sobre o torneio. Nas redes sociais dele, também não há nada além de posts comemorando o título.

Ao buscar de onde saiu a tal história, descobrimos que ela “brotou” (apenas em português, por sinal) em redes sociais simpáticas a Bolsonaro.

Resumindo: com base na fonte, histórico e na falta da declaração em si, podemos cravar que a história que aponta que o tenista Rafael Nadal dedicou o título do Australian Open a Jair Bolsonaro e Novak Djokovic é falsa. Não é o primeiro e nem o último boato desta natureza que circula online.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 99458-8494.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/3HIppbu
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3yPELWj
 – Siga-nos no Kwai https://bit.ly/3cUbEso

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet