Pular para o conteúdo
Você está em: Página Inicial > Brasil > Traficantes de facção fazem blitz em favela do RJ em 2023, mostra vídeo #boato

Traficantes de facção fazem blitz em favela do RJ em 2023, mostra vídeo #boato

Traficantes de facção fazem blitz em favela do RJ em 2023, mostra vídeo, diz boato (Foto: Reprodução/Instagram)

Boato – Traficantes de uma facção do Rio de Janeiro realizam uma blitz em uma favela do Rio de Janeiro para apreender veículos roubados. Vídeo é de 2023.

Nos últimos tempos, temos visto um aumento em mensagens de ódio que apontam para ações em comunidades do Rio de Janeiro. A mais nova que vimos na internet aponta para algo que teria ocorrido em uma favela agora em 2023.

Um vídeo de homens realizando uma “blitz” em veículos que chegavam a uma comunidade está circulando com um áudio que aponta que a ação teria ocorrido em uma favela em 2023 e teria sido promovida por traficantes. Há, em algumas versões, críticas ao presidente Lula. Leia algumas das mensagens e assista ao vídeo:

Versão 1: Em tempos de FAZUELLI blitz de traficantes corre a todo vapor. E não, não é FAKE. É a mais pura verdade. Versão 2: Já que não gostam mais das blitz e abordagens das PMs, vão se acostumando com as blitz das facções Faz o L miseráviiis.

Versão 3: Helicóptero e drogas devolvidos para traficantes, o amor voltou a governar o Brasil Vejam a educação deles Versão 4: Eae o que você acha dessa nova milícia….. estamos vivendo tempos sombrios Versão 5: Blitz realizada por facção. Essa eu nunca tinha visto.

Análise da mensagem que circula online

Vídeo: é falso que chá de mamão cure a dengue hemorrágica

Vimos a viralização muito rápida do conteúdo, O vídeo circulou por meio do WhatsApp, Telegram e redes sociais como Twitter (algumas versões têm mais de 50 mil visualizações), Instagram, TikTok (algumas versões com mais de mil curtidas), Kwai e outras.

O texto e o vídeo têm algumas características de fake news como o caráter vago, o tom alarmista, os erros de português e a falta de citação de fontes confiáveis que atestam a tal história de “blitz de facção”.

Além disso, não é de hoje que circulam notícias falsas sobre supostas ações criminosas que resultariam de políticas do governo. Desmentimos, há pouco tempo, fake news que apontavam que traficantes haviam desfilado com fuzis na Maré e policiais da Bahia estavam tirando fotos de armas e traficante e devolvendo.  

O enredo apresentado hoje suscita as seguintes perguntas que vamos aprofundar: 1) É real que bandidos estão fazendo uma blitz no vídeo em questão? 2) De onde surgiram os vídeos e áudios na mensagem? 3) Há alguma relação entre o governo Lula e as ações em questão?

É real que bandidos de uma facção estão fazendo uma blitz no vídeo em questão?

A resposta é não. Para começar, não há nenhum relato em fontes confiáveis recentes que apontem que bandidos fizeram a blitz em questão em 2023. Até há relatos de supostas blitz “não oficiais” em comunidades do Rio de Janeiro em outros anos. Há relatos de 2011, 2021 e 2022. A tese “fazuelli” surgiu na web agora em 2023. Há, ainda, checagens feitas por sites especializados como o Aos Fatos.

De onde surgiram os vídeos e áudios da mensagem?

A solução completa para o caso surge quando buscamos pela origem dos áudios e vídeos. A voz de locutor da mensagem é de um vídeo do SBT de 2021 (já mencionado no parágrafo anterior). Já o vídeo é de uma websérie gravada em 2022. Vale apontar que a série de ficção se utilizou do áudio do SBT (de 2021).

Há alguma relação entre o governo Lula e a blitz em questão?

Além de a questão da segurança pública ser muito mais ampla (e acaba não sendo culpa ou mérito específico de um governo), o fato de os arquivos serem antigos (e um deles fictício) mostra que não é porque Lula é presidente que facções começaram a blitz no Brasil.

Resumindo: o vídeo que está circulando na internet não é de uma ação real de uma facção no Rio de Janeiro. A blitz em questão fez parte de uma filmagem feita por uma série de ficção.

Ps: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo siteFacebook e WhatsApp no telefone (61) 99275-5610.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube https://bit.ly/3vZsrnd
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/3ounmCN
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3yPELWj
 – Siga-nos no Kwai http://bit.ly/3zGePPm