Traficante vence eleição para conselho tutelar em cidade no Rio de Janeiro #boato

Boato – Um traficante venceu a eleição para o Conselho Tutelar em uma cidade no Rio de Janeiro. Otacílio Silva dos Santos, o Beterraba, que está preso desde 6 de setembro no Centro de Detenção Provisória Masculino II, recebeu 999 votos nas eleições do dia 6 de outubro de 2019. 

As eleições para o Conselho Tutelar, que ocorreram no dia 6 de outubro de 2019, têm dado o que falar na internet. Além dos vários problemas com as urnas e denúncias de irregularidades em várias cidades, no Rio de Janeiro surgiu uma história diferente e bastante polêmica, que deixou os internautas revoltados.

Desde a semana passada, começou a circular no Facebook uma publicação que dá conta de que um traficante venceu a eleição para o Conselho Tutelar em uma cidade no Rio de Janeiro. De acordo com a notícia, Otacílio Silva dos Santos, conhecido como Beterraba, que está preso desde 6 de setembro no Centro de Detenção Provisória Masculino II, teria recebido 999 votos.

Além disso, os advogados do acusado supostamente entraram com um recurso na Justiça para que ele responda o processo em liberdade e assuma o cargo. Veja o texto original da publicação que está sendo compartilhada nas redes sociais:

*MESMO PRESO, TRAFICANTE CONSEGUE SER O MAIS VOTADO PARA CONSELHEIRO TUTELAR* O Conselheiro Tutelar eleito com o maior número de votos em uma cidade no RJ, está preso desde o dia 6 de setembro no Centro de Detenção Provisória Masculino II, no Rio de Janeiro.

Otacílio Silva dos Santos, o Beterraba, Mesmo na cadeia, acusado pelos crimes de Homicídio qualificado, latrocínio ,tráfico de drogas, ligação à organização criminosa e tortura com resultado morte, ele recebeu 999 votos nas eleições deste domingo. […]

Traficante venceu eleição para conselho tutelar em cidade do Rio de Janeiro?

Obviamente, a publicação viralizou na web e deixou muitos cidadãos revoltados com a notícia, gerando vários deslikes no Facebook. Mas será mesmo que um traficante venceu a eleição para Conselho Tutelar em uma cidade no Rio de Janeiro? A resposta é NÃO! E nós te contamos o porquê a partir dos seguintes fatos.

O primeiro deles é que a mensagem da publicação que está sendo compartilhada carrega todas as características de boatos que circulam online: é vaga (sequer diz o nome da cidade), alarmista (tem a intenção de gerar burburinho entre os internautas) e tampouco cita fontes confiáveis que possam dar credibilidade ao que está sendo dito.

Em segundo lugar, além da ausência do nome da cidade em questão, outro detalhe nos causou estranheza nessa notícia. Isso porque, normalmente, só podem se candidatar ao Conselho Tutelar pessoas sem antecedentes criminais. É claro que isso é definido por lei municipal, mas temos, no mínimo, três cidades que mantêm essa regra, como é o caso, por exemplo, dos municípios de Lauro Müller, em Santa CatarinaSão Luís, no Maranhão; e Mairinque, em São Paulo.

O terceiro fato é que, ao buscarmos pela história, não encontramos nada em fontes confiáveis. Mais que isso, não há qualquer registro de alguém chamado Otacílio Silva dos Santos que ganhou a eleição para o Conselho Tutelar em algum lugar.

E aí chegamos ao quarto fato, que nos levou à fonte da informação que está sendo compartilhada. Aprofundamos as nossas pesquisas e descobrimos que se trata de um site especializado em publicar fake news. Foi de lá que saíram boatos como a autorização da dívida da Globo de R$ 358 bilhões e do afastamento do sniper que matou o sequestrador do ônibus no Rio de Janeiro.

Por último, também encontramos a origem da foto usada na publicação como sendo do suposto traficante eleito ao Conselho Tutelar. Na realidade, a foto é do vereador Messias Aguiar (PMDB), da cidade de Ubaitaba (BA), que foi preso em flagrante com quase 300 Kg de drogas em uma fazenda na zona rural do município.

Na ocasião, Messias Aguiar havia sido recém-eleito para o cargo nas eleições de 2016 e foi encontrado pela Polícia Militar, após uma denúncia anônima, com 270 Kg de maconha, 2 Kg de cocaína, além de plásticos para embalagem das drogas e uma balança de precisão. Atualmente, ele responde ao processo em liberdade e está em posse normal de seu cargo como vereador na cidade.

Resumindo: Não existe nenhum traficante que venceu as eleições para o Conselho Tutelar em qualquer cidade do Rio de Janeiro. Isso porque pessoas com antecedentes sequer podem se candidatar a este cargo e, ainda, a foto usada na publicação mentirosa é de outro caso. Essa história não passa de mais um boato espalhado pelo tal site de fake news.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99177-9164.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp http://bit.ly/2M3r9Bt
error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)