Pular para o conteúdo
Você está em: Página Inicial > Brasil > É falso que enchentes no Rio Grande do Sul tenham sido causadas pela abertura de cinco barragens

É falso que enchentes no Rio Grande do Sul tenham sido causadas pela abertura de cinco barragens

Abertura de cinco barragens foi a causa das enchentes no Rio Grande do Sul, diz boato (Foto: Reprodução/Facebook)

Boato – As enchentes no Rio Grande do Sul foram causadas por um crime: a abertura das comportas de cinco barragens no estado.

Análise

A mais nova teoria maluca que está circulando sobre as enchentes do Rio Grande do Sul aponta para uma suposta causa da tragédia que vitimou mais de 100 pessoas. Pior do que isso: está sendo dito que a causa é a abertura de cinco barragens no estado.

Diversos conteúdos estão circulando com esta teoria. Uma destas histórias é de um sujeito que está em uma fazenda e menciona, além da abertura das cinco barragens, que o governo trouxe caixões da Fema para os mortos pelas enchentes no Rio Grande do Sul.

Vídeo: é falso que Sadia esteja dando prêmios para quem compartilhar no WhatsApp

Um segundo conteúdo é um vídeo águas invadindo rapidamente uma casa. Como o alagamento é rápido, é dito que isso não foi “natural” (e aí mencionam, de novo, as cinco barragens). O terceiro conteúdo é um vídeo gravado próximo ao Rio das Antas em que um sujeito diz que o governo abriu cinco comportas na região. A prova seria a diferença de altura nas águas. Leia os textos, as transcrição e assista aos vídeos:

Versão 1: 5 barragens abertas? As provas máximas de quem mora lá Rio Grande do Sul. Versão 2: Atenção, 05 barragens foram abertas de uma só vez, todas ao mesmo tempo. Ouça. Versão 3: *CÂMERAS NÃO MENTEM* ATO CRIMINOSO? Registro, câmera mostra o momento em que a água invade casa… Não dá tempo Vc acha mesmo que 3 dias de chuva fariam isso?!?!….ou muitas barragens estourando?!?! É voz corrente e por ouvir falar que as comportas de cinco barragens foram abertas simultaneamente e criminosamente por ordem deste desgoverno de psicopatas. A verdade está aparecendo, a JUSTIÇA HÁ DE SER RESTAURADA, senão por esses QUE SE DIZEM JUIZES mas a Justiça de DEUS irâ levantar que irá devolver a ordem ao povo brasileiro!*VIRALIZEM* As câmaras não mentem!!! É possível que uma chuva como essa que é vista, que sequer alagou o gramado do quintal, que é bem mais baixo que a frente da casa, possa provocar uma enxurrada dessas?!?!?

Transcrição: Eis aí aprova máxima, estamos sobre o Rio das Antas no Belvedere. Aonde está a usina 14 de Julho em Cotiporã na subida contemporan vindo de Bento Gonçalves o lago aonde é o lago da barragem completamente normal da barragem para baixo. Olha lá e ao redor do Morro do Chapéu do baiano onde a água correu e depois ela vem para Santa Bárbara e vai descer lá para o lado de Mussum, destruição Total Óbvio abaixo da barragem acima. Pode conferir a vontade quem não tem nada não tem a mata da destruída não tem nada então meu senhores. Foi a prova máxima essa foi uma das três não dá cinco barragens que foram abertas com as duas do Rio Carreiro, três das Antas duas do Carreiro, imagina de Santa Bárbara para baixo cinco usinas comportas abertas, só podia andar no que deu isso. Aqui é o Brumadinho Gaúcho.

Checagem

O que não faltam são perguntas relacionadas aos conteúdos. Vamos nos ater a três para realizar a checagem do conteúdo: 1) As enchentes no Rio Grande do Sul foram causadas pela abertura de cinco barragens? 2) O vídeo que mostra a água invadindo a casa prova que as enchentes foram causadas pela abertura de cinco barragens? 3) O que podemos falar do outro vídeo, do Rio das Antas?

As enchentes no Rio Grande do Sul foram causadas pela abertura de cinco barragens?

Não. Para começar, se trata de uma teoria que não se sustenta se formos tentar entender quais são as reais causas das enchentes. Além de questões mais difíceis de mensurar como das mudanças climáticas e falta de prevenção nos municípios atingidos, o fato é que houve uma condição única que causou a tragédia.

As chuvas permaneceram em grande volume enquanto uma massa de ar quente impediu que elas se deslocassem para outros estados. O resultado foram chuvas intensas que causaram cheias em rios no estado.

Para além disso, os vídeos utilizados como “prova” não provam nada sobre as enchentes no Rio Grande do Sul. O do sujeito que também cita os “caixões da Fema” não têm qualquer comprovação e se baseia em outros boatos já desmentidos. Ou seja: não tem como ser levado a sério. Agora, vamos falar dos outros.

O vídeo que mostra a água invadindo a casa prova que as enchentes foram causadas pela abertura de cinco barragens?

Também. Há um motivo simples para isso. O vídeo sequer é relacionado às enchentes no Rio Grande do Sul de 2024. Na realidade, o vídeo é de 2021 e mostra uma pessoa fugindo de uma enxurrada na cidade de Anápolis, em Goiás. Vale apontar que, na época, também não houve “abertura de barragens” para o tal volume de águas. Foi chuva mesmo.

O que podemos falar do outro vídeo, do Rio das Antas?

Este vídeo é do Rio Grande do Sul, mas não é de 2024. Na realidade, a filmagem do sujeito é relativa às enchentes que ocorreram no estado em setembro de 2023. O vídeo não só não tem relação com as enchentes atuais como foi desmentido pelo Boatos.org na época. 

Na época, informamos que as barragens em questão sequer teriam mecanismos capazes de causar tamanha enchente. Isso também foi desmentido por outros sites de checagem como o Estadão Verifica. 

Conclusão

Fake news ❌

É falso que a abertura de barragens tenha sido a causa das enchentes no Rio Grande do Sul. Os vídeos que circulam na internet não provam e/ou não têm relação com as enchentes no estado.

Ps: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo e-mail [email protected] e WhatsApp (link aqui: https://wa.me/556192755610).