Não beba Skol! Marca de cerveja está contaminada e causando doenças #boato

Boato – A propaganda da Skol parou na TV porque a cerveja está contaminada, causando tumores e problemas nos rins. Médicos recomendaram para que você não beba Skol.

É verão! Se você está de férias e com sorte de pegar de não pegar um dia de chuva, pode aproveitar uma praia ou uma piscina para tomar um sol e, para os que gostam, beber uma cerveja bem gelada. Só há uma regra para esses momentos de lazer, pelo menos de acordo com um texto que circula na internet: não beba a cerveja Skol.

Quer se livrar de boatos? Clique para curtir o Boatos.org
Siga o Boatos.org no Twitter:

Se inscreva no nosso canal no Youtube

De acordo com um texto que está circulando no WhatsApp, a cerveja está causando diversos problemas às pessoas. A prova disso seria que “a propaganda parou na TV” e que “23 pessoas acabaram se internando no Hospital das Clínicas” com “falta de atividade renal e tumores no reto” após “ingerirem altas doses de Skol” (encherem a cara).

A mensagem também aponta que o Instituto Fleury fez pesquisas que provaram que a Skol está cheia de “Fenofinol, Almeido e Voliteral”, substâncias que seriam cancerígenas. O texto ainda cita o Dr. Paulo José Teixeira, a própria Ambev, Monique Freitas e pede o compartilhamento. Leia na íntegra:

ALERTA GERAL Não beba Skol! A propaganda parou… Por quê? Reparem… A propaganda quase não se vê mais na mídia… Porque será??? Estamos repassando o e-mail abaixo para conhecimento e prevenção, principalmente para aqueles que bebem esta cerveja: Skol. Este e-mail está sendo repassado dentro do Hospital que trabalha uma pessoa amiga. Fato já está confirmado:Vinte e três pessoas já passaram pelo Hospital das Clínicas com um mesmo sintoma: falta de atividade renal e o aparecimento de tumores no reto. Todos os internados relataram o começo das dores e a conseqüente internação após ingerirem altas doses de Skol. Pesquisas realizadas pelo renomado Instituto Fleury, apontaram grande quantidade de Fenofinol, Almeido e Voliteral, substâncias tóxicas e que causam, respectivamente, a má atividade dos rins e câncer. Segundo Dr. Paulo José Teixeira, formado pela USP e Especialista em Toxicologia, as pessoas não devem ingerir mais a citada cerveja. A Direção da AMBEV já assumiu sua culpa e prometeu indenizar os pacientes e todos aqueles que venham a se contaminar com a cerveja. Pelo amor de “DEUS”… Passem esta mensagem para frente. Pelo sim e pelo não, vamos tentar remediar enquanto há tempo. Lembre-se: Divulgar a todos de sua família, é a consciência de cada um que deve decidir, mas a nossa deve estar tranqüila. Monique Freitas Soc.Bras.de Cardiologia/Secretaria. Por favor não deixem de repassar esta mensagem para todos que vocês conhecem. Repassando

Marca de cerveja Skol está contaminada e causando doenças?

O texto está circulando tanto no WhatsApp que estamos sendo obrigados a desmentir novamente esta história. Sim, o “caso da Skol contaminada” não só é falso como também é antigo. Praticamente um boato clássico. Sem mais delongas, vamos aos fatos.

Já desmentimos este mesmo texto algumas vezes aqui no Boatos.org. Em algumas ocasiões, o boato envolvia o nome da Fanta Uva e da Coca-Cola. Também há a versão que fala da cerveja Itaipava e da própria Skol. Desmentimos todas essas versões em texto e no vídeo abaixo (que você pode conferir):

Como a gente já falou diversas vezes no assunto, vamos só recapitular os pontos que entregam a balela.

1) A propaganda da Skol não parou. Se você não lembra, neste ano as propagandas falam dos “comentários quadrados” e “comentários redondos”.

2) O caso das 23 pessoas nunca existiu. Nem com Skol, nem com Fanta, nem com Guaraná Dolly ou a bebida que seja. O Hospital das Clínicas negou o caso.

3) O Instituto Fleury também negou que tenha falado sobre quaisquer substâncias. Inclusive, o Fenofinol, Almeido e Voliteral (seria um bom trio de ataque de time de várzea) não existem. Foram nomes inventados por quem criou o boato.

4) O final do texto com o pedido de compartilhamento é um clássico em boatos na internet. Por sinal, a mensagem carrega todas características de um “bom boato”.

Resumindo: estamos aqui para relembrar que a história que aponta que a Skol causa câncer, problemas nos rins e tem substâncias estranhas é falsa. Era falsa em 2015 (quando desmentimos pela primeira vez), em 2017 (quando fizemos o vídeo) e continua sendo falsa.

Antes de terminar, só mais um recadinho: obviamente, a história que fala do alerta sobre a Skol é falso. Mas isso não é desculpa para você exagerar no álcool. Em longo prazo, o consumo excessivo de bebidas alcoólicas pode ter consequências piores do que as descritas no texto viral. Também vale lembrar que bebida (seja Skol ou qualquer outra) e direção não combinam. Fica a dica.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 994325485.

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet

6 comentários em “Não beba Skol! Marca de cerveja está contaminada e causando doenças #boato

  • 06/02/2018 em 11:15
    Permalink

    Pra que tanto deboche? Parecendo que estão querendo forçar a barra. E os 3 mega palets que os caras tão jogando no lixo? Pode ser outra coisa eu sei, lote vencido, etc… De qualquer forma Skol e Sub Zero hoje são as piores cervejas do mercado. Brahma dá de 1000 a 0.

    Resposta
  • 30/01/2018 em 16:26
    Permalink

    Se é boato ou não eu não sei, só sei que sou um cervejolatra e não bebo Skol,
    prefiro beber cervejas de verdade. Esta marca é fraca que dói, um lixo que deveria
    ser chamada de “acervejada”. Só tem propaganda e por isso engana tantos troxas.

    Resposta
  • 27/01/2018 em 21:58
    Permalink

    Será que é verdade essa notícia, eu só gosto de tomar skooolll?

    Resposta
  • 23/01/2018 em 18:09
    Permalink

    Ainda temos pessoas que ao não ter o que fazer denigrem a imagem ou o trabalho dos outros. Mas mais importante é termos pessoas como o Edgard que esclarece. Valeu.

    Resposta
  • 18/01/2018 em 19:08
    Permalink

    A pergunta é: como saber se a própria skol não encomendou o desmentido desse “suposto boato”?

    Resposta
  • 18/01/2018 em 02:45
    Permalink

    Pode ser mentira, mas a ressaca que essa cerveja tem dado é pior que câncer rs

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)