Pular para o conteúdo
Você está em: Página Inicial > Tecnologia > Aplicativo Você Fiscal, de Diego Aranha, vai ser utilizado nas eleições de 2022 #boato

Aplicativo Você Fiscal, de Diego Aranha, vai ser utilizado nas eleições de 2022 #boato

Aplicativo Você Fiscal, de Diego Aranha, vai ser utilizado nas eleições de 2022, diz boato (Foto: Reprodução/Twitter)

Boato – Em vídeo, o professor Diego Aranha pede que você utilize o aplicativo Você Fiscal e fotografe o boletim de urna para verificar a confiabilidade das urnas eletrônicas.

Não é de hoje que estamos falando que muitas das fake news que estão circulando nas vésperas das eleições são versões novas de notícias falsa que já circularam em outros pleitos. É o caso da história de hoje, que trata do aplicativo Você Fiscal.

Um vídeo com o professor Diego Aranha está sendo compartilhado em diversas redes sociais (como o Twitter, Facebook e Instagram) e aplicativos de mensagem (como o Telegram e, principalmente, o WhatsApp).

No vídeo (que não será exibido aqui), ele pede para que as pessoas baixem o aplicativo Você Fiscal, fotografem o boletim de urna e enviem para que seja feita uma fiscalização. Leia algumas das mensagens que circulam online:

Versão 1: Agora sim!!! Com esse vídeo viralizando até sábado, duvido o TSE fraudar as urnas Senta o dedo pessoal, e vamos manter o Brasil no verde e amarelo. Mas este vídeo precisa VIRALIZAR!* Aplicativo: *Você Fiscal* Versão 2: SEJA UM FISCAL NA APURAÇÃO – O “Você Fiscal” é um aplicativo que permite a qualquer eleitor fiscalizar a transmissão de resultados da urna em que votou, registrando o Boletim de Urna (BU) ao fim da eleição na sua Zona Eleitoral. Baixe o aplicativo e contribua + transparência!

Aplicativo Você Fiscal, de Diego Aranha, vai ser utilizado nas eleições de 2022?

Vídeo: é falso que chá de mamão cure a dengue hemorrágica

Como apontamos lá na primeira parte do texto, o texto circulou muito em redes sociais, principalmente entre quem defende a tese falsa de que há fraudes comprovadas em urnas eletrônicas. Porém, a história é falsa.

Na realidade, o aplicativo em questão não está ativo desde 2016. O vídeo com o professor Diego Aranha foi desmentido em 2018 pelo Boatos.org e pelo TSE. Veja o que foi escrito na época sobre o assunto:

Boatos.org: O vídeo, é claro, causou certa esperança em muitos eleitores que vivem desconfiados de fraudes nas eleições brasileiras. Entretanto, será que o vídeo é realmente verdade e que poderemos fiscalizar as eleições 2018 com esse aplicativo? Bem, o projeto é real, porém, não tem nada a ver com as eleições 2018. Se você quiser mais detalhes, então continua lendo.

As imagens mostram o professor Diego Aranha, especialista em criptografia e segurança computacional, falando sobre o projeto Você Fiscal, que foi criado com o objetivo de fiscalizar e dar transparência às eleições no Brasil.

Inicialmente, o projeto era voltado apenas às eleições presidenciais de 2014 (mas também foi usado nas eleições municipais em 2016). E, bem, o vídeo de 2014 voltou a circular na internet durante a campanha de 2018, indicando uma possível continuação do Você Fiscal. O grande problema é que, no momento, o projeto está inativo. Ou seja, ele não irá funcionar durante as eleições de 2018.

No site do Você Fiscal, os responsáveis até sugerem que os eleitores utilizem um aplicativo independente para realizar a fiscalização paralela neste ano. Vale dizer que a própria pessoa que está no vídeo não mora mais no Brasil. Em junho de 2018, o professor Diego Aranha foi morar na Dinamarca. Essa matéria da Isto É diz que ele fez a mudança em 29 de junho. 

TSE: O projeto em questão foi realizado em 2014 e 2016, não estando em funcionamento nas Eleições 2018. Cabe destacar que a Justiça Eleitoral disponibiliza um aplicativo para smartphones, o Boletim na Mão, onde o eleitor fotografa o QR Code do boletim e pode conferir se o resultado divulgado pelo TSE é o mesmo que o exibido no impresso gerado pela urna eletrônica. Essa conferência já é feita pelos presidentes das Mesas Receptoras de Votos, e pode ser realizada por todos os fiscais dos partidos políticos.

Agora em 2022, o próprio professor Diego Aranha reforçou que o projeto está inativo. Veja o que foi escrito pelo professor no Twitter:

Nova eleição, novo lembrete que o @VoceFiscal está inativo desde 2016. Procurem alternativas, há outros aplicativos que se propõem a fazer a mesma coisa. Projeto inativo! O projeto não está mais funcional por já ter cumprido seus objetivos, ao realizar fiscalizações em duas eleições (2014 e 2016) e motivar a introdução de Códigos QR para facilitar a aquisição dos dados. Não pretendemos realizar fiscalização nas eleições de 2018 ou posteriores, sugerimos utilizar um aplicativo independente. 

Resumindo: é falsa a informação que aponta que as pessoas devem baixar o aplicativo Você Fiscal nas eleições de 2022. O projeto é antigo e não está mais ativo. Trata-se de uma fake news lá de 2018 que voltou a circular.

Neste fim de semana, a equipe do Boatos.org se uniu a outras 6 iniciativas de checagem de fatos no Brasil para verificar conjuntamente  desinformação sobre as eleições. A parceria reúne o AFP Checamos, Aos Fatos, Comprova, E-Farsas, Fato ou Fake e Lupa.

Ps 2.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo siteFacebook e WhatsApp no telefone (61) 99458-8494.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/3uwu4ra
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3yPELWj
 – Siga-nos no Kwai https://bit.ly/3cUbEso