Pés gelados podem causar infarto e, por isso, devem ficar protegidos #boato

Boato – Deixar os pés gelados aumenta em 30% risco de infarto, porque coração precisa trabalhar mais para mantê-los aquecidos.

O frio chegou metendo o pé na porta, trazendo um clima bastante gelado e fenômenos relacionados às temperaturas baixas. No sul do Brasil, houve registro de neve durante três dias consecutivos e temperaturas negativas.

Em Bom Jardim da Serra, no sul de Santa Catarina, os termômetros registraram -7,5ºC, a menor temperatura do país em 2021. E a previsão é de que o frio extremo ainda siga por mais duas semanas na maior parte do Brasil.

E com as temperaturas baixas, uma história tem deixado muita gente assustada nas redes sociais. De acordo um áudio que está circulando na internet, deixar os pés gelados aumenta em 30% o risco de infarto, porque o coração precisaria trabalhar mais. Ainda segundo a história, é por isso que devemos manter todo nosso corpo aquecido durante o inverno. Confira:

“Bem, acredito que esteje tudo bem com você, acredito também que já tomou a vacina da Covid, né? Eu também estou bem, graças a Deus, já tomei a vacina também, tá bom? Mas eu tô passando por aqui pra fazer um lembrete: chegou o inverno e aí, eu sempre falo pra todos vocês no CCI, né? Que não adianta nada estar com o corpo protegido, né? Com blusa de frio e calça e o pezinho de fora. O pé, quando tá gelado, sem meia, o coração vai ter que trabalhar mais pra poder aquecer os pés e é aí que é um dos fatores que a gente aumenta aí 30% ou mais o risco de infarto. Então, eu quero lembrar que chegou o frio, tem que tá com meia no pé, tem que tá, né? Protegido com o corpo inteiro, tá? Lembre-se disso, mantenha os pezinhos quentinho, o corpo quentinho e só assim o coração trabalha sossegado, trabalha folgado e a gente, então, diminui os riscos para o infarto, combinado? Então, eu só passei aqui pra fazer este lembrete. Desejo que você tenha um dia maravilhoso e que se cuide ainda mais durante o inverno. É bom lembrar também que, no período do frio, a pressão sobe, né? Então, tomar os remédios quem toma remédio pra pressão alta, tome o remédio certinho e se protege pra gente atravessar o frio e sair lá fora dele todo mundo saudável, tá bom? Um beijo e um abraço bem apertado”.

Pés gelados podem causar infarto e, por isso, devem ficar protegidos?

A informação viralizou nas redes sociais, em especial, no WhatsApp e deixou muita gente preocupada com a onda de frio dos últimos dias. Apesar disso, a história não tem nada de real. A explicação fica por conta dos sintomas do infarto e da falta de provas.

Basta olhar para a mensagem para perceber que ela apresenta as principais características de fake news na internet, como o caráter vago, alarmista, os erros de português e a falta de fontes confiáveis.

Além disso, histórias falsas com supostas dicas de saúde não cansam de pipocar na internet. A equipe do Boatos.org já desmentiu inúmeras delas, como a que dizia que beber água gelada causa câncer e infarto. Também a que indicava que tomar banho frio pode causar AVC e desmaios no banheiro e, por fim, a que apontava que beber água quente pode curar o câncer e regular a pressão.

Ao procurar por mais informações sobre o assunto, descobrimos que a pessoa do áudio acabou confundindo um sintoma da doença com uma relação de causa e consequência. Na realidade, a sensação de frio crônico nos pés pode ser um sintoma de má circulação sanguínea, uma vez que as doenças cardíacas podem levar ao estreitamento das artérias, o que dificulta a circulação do sangue em todo o corpo.

Entretanto, é importante ressaltar que nem sempre o pé gelado pode ser indicativo de algum problema. Muitas vezes, a sensação de frio nos pés pode ser apenas frio nos pés. O que vai indicar se esse é um sintoma de algum problema é o aparecimento concomitante de outros sintomas. Nessas situações, é importante consultar um médico e realizar exames.

Por fim, após procurarmos por mais detalhes sobre a história, descobrimos que não existe nenhuma relação entre ter pés gelados e o desenvolvimento ou aumento de chances de ter infarto. O problema de saúde, na realidade, é causado por maus hábitos, como passar muito tempo sentado, não praticar exercícios físicos regularmente e possuir uma má alimentação.

Em resumo: a história que diz que manter os pés gelados pode aumentar em 30% o risco de infarto é falsa! Na realidade, a pessoa que gravou o áudio apenas confundiu um sintoma do infarto com uma relação de causa e consequência. Pés gelados, na verdade, são um sintoma do problema, uma vez que são resultado do estreitamento das artérias, o que dificulta a circulação sanguínea em todo o corpo. Não existe nenhuma informação que aponte para a relação ter pés gelados e o desenvolvimento de infarto. Ou seja, a história não passa de balela.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 99458-8494.

Ps2: Confira a nossa nova seção “Oportunidades” clicando aqui. Na página, você pode acesso a promoções, descontos e sites que dão brindes.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/3vN6CET
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3w3sv3d
 – Siga-nos no Kwai https://bit.ly/3cUbEso