Navio com 3.500 italianos atracou em Búzios (RJ) e passageiros estão na cidade #boato

Boato – Navio de Gênova (Itália) atracou em Búzios (RJ) com 3500 italianos. Prefeitura não impediu a entrada, mesmo com o risco do coronavírus, porque estava visando o lucro.

Quando o surto do novo coronavírus se estabilizou na China, o epicentro do Covid-19 (doença causada pelo vírus), o resto do mundo entrou em alerta.

O número de casos ao redor do mundo teve um aumento considerável e fez com que a Organização Mundial da Saúde (OMS) decretasse uma situação de pandemia. No Brasil, por exemplo, o número de casos teve um salto na noite do dia 12 de março de 2020. De 77 pessoas infectadas pelo novo coronavírus, o país passou a contar com quase 140 infectados.

E esse número tem causado pânico entre muitos brasileiros. Não bastasse isso, nas últimas horas, uma história tem gerado pânico nas redes sociais. De acordo com uma publicação, um navio com 3500 italianos teria atracado em Búzios (RJ). A história surge em meio ao anúncio de um decreto que colocou toda a Itália em quarentena no dia 9 de março de 2020. Confira:

Comentário: “#coronavirus #ganancia #nacontramao Veremos o resultado logo mais (…)”. Imagem: “NAVIO de GÊNOVA ATRACOU  EM BÚZIOS e 3.500 italianos, etc.desceram ontem tranquilamente e circularam em nossa cidade. A  ganância e irresponsabilidade da Prefeitura de Búzios para cobrar de cada passageiro 20,00 x 3.500 pessoas (talvez alguns encubados), enquanto toda a Itália está em quarentena”.

Navio com 3.500 italianos atracou em Búzios (RJ) e passageiros estão na cidade?

A informação caiu como uma bomba nas redes sociais, especialmente entre os moradores do Rio de Janeiro. Mas será que essa história de que um navio da Itália teria atracado em Búzios (RJ) e diversos italianos estariam na cidade é real? A resposta é não!

Vamos aos detalhes! Antes de mais nada, uma breve analisada na publicação é o suficiente para deixar uma pulga atrás da orelha. O texto apresenta diversas características de boatos online, como o caráter vago, alarmista, os erros de português e a falta de fontes confiáveis.

Como se isso não bastasse, as fake news sobre o novo coronavírus têm se multiplicado (mesmo!) na internet. A equipe do Boatos.org já desmentiu dezenas delas, como a história que dizia que Cuba teria desenvolvido uma vacina para o novo coronavírus. Também a que indicava que o Vaticano teria confirmado que o Papa estaria infectado com a Covid-19 e, por fim, a que apontava que o novo coronavírus seria transmissível pelos vinhos da Itália.

Vale ressaltar que, desde que o surto começou, as autoridades brasileiras têm tomado precauções, especialmente com estrangeiros ou brasileiros que retornaram de países afetados pela doença. Dado o aumento do número de casos, essas medidas foram redobradas. No dia 12 de março de 2020, por exemplo, um cruzeiro com 609 pessoas foi isolado no Recife (PE), após um passageiro canadense passar mal e apresentar sintomas do Covid-19.

É de se imaginar que um navio com 3500 italianos também virasse notícia, porém, não encontramos nenhuma informação a respeito. Não só isso. Ao buscar pelos detalhes da suposta notícia, descobrimos um desmentido sobre o assunto.

O site local Prensa de Babel conseguiu contato com o secretário de Turismo de Búzios (RJ), Armando Ehrenfreund, que desmentiu toda a história. Ele afirmou que não existe um navio “de italianos” atracado no porto da cidade. De acordo com o site, um navio com alguns passageiros italianos, de fato, atracou em Búzios (RJ), mas a quantidade de pessoas dessa nacionalidade é bastante diferente.

Segundo a Prensa, o navio Costa Fascinosa (de bandeira italiana) transportava 3362 pessoas quando atracou na cidade, na manhã de 12 de março de 2020. O maior número de passageiros era de brasileiros (3272). Já o de italianos era apenas 7. Havia ainda pessoas dos Estados Unidos, Argentina, Chile, Cuba, Paraguai, Peru, Portugal, Romênia, Rússia, Coreia do Sul e Venezuela. Porém, ninguém apresentava sintomas do novo coronavírus na hora do desembarque.

Em resumo: apesar do medo que se estendeu no Brasil nas últimas horas, a história que diz que um navio com 3500 italianos atracou em Búzios (RJ) e os passageiros estão na cidade é falsa! Apesar do navio possui bandeira italiana, a maior parte dos passageiros é brasileiro. Apenas 7 italianos estão no cruzeiro. Além disso, não há notícias de que os passageiros apresentaram sintomas do novo coronavírus. Ou seja, calma! A história é apenas balela. Não compartilhe e se mantenha informado sobre o assunto em veículos de comunicação confiáveis, como o Boatos.org. Até a próxima!

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 99177-9164. 

Clique nos links “bit.ly” para acessar nossos perfis:

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp http://bit.ly/2Ub6wpR