Pular para o conteúdo
Você está em: Página Inicial > Saúde > Não é verdade que médico contrário às vacinas é o “melhor cientista do mundo”

Não é verdade que médico contrário às vacinas é o “melhor cientista do mundo”

Médico contrário às vacinas e a favor da ivermectina foi eleito o melhor cientista do mundo, diz boato (Foto: Reprodução/Twitter)

Boato – O médico que foi chamado de negacionista pela imprensa do Brasil por defender tratamentos como a ivermectina e ser contra as vacinas para a Covid-19 foi escolhido como melhor cientista do mundo.

Análise

Mesmo sem estarmos no pior momento da pandemia (apesar de um repique em casos de Covid-19 no país), histórias falsas sobre vacinas e “curas” para a doença continuam circulando.

Uma das histórias aponta que um médico brasileiro teria sido eleito o “melhor cientista do mundo”. O detalhe é que ele é um defensor de tratamentos “alternativos” para a Covid-19 (e que vão contra os protocolos aceitos pelas principais autoridades em saúde) e faz parte de um grupo contrário às vacinas.

Vídeo: é falso que imagens mostram Lulinha agredindo a esposa

O impacto da “notícia” foi o seguinte: se o médico que defende a ivermectina e é contra as vacinas foi eleito como “melhor cientista do mundo”, a ciência estaria dando aval para estes tratamentos. Leia algumas das mensagens que circulam online:

Confira o desmentido em vídeo:

Versão 1: médico brasileiro recebe o prêmio de melhor cientista do mundo, dia 02/fev/2024 Em meio a centenas de americanos, canadenses e europeus, o “Prêmio de Contribuições para Pesquisa Científica de Excelência” vem para o Brasil 

Versão 2: cientista brasileiro, recebe prêmio de melhor do mundo em pesquisa de combat a covid-19. Seus estudos, também sobre INVERMECTINA, aqui, no Brasil, sem dúvida serviram de base para salvar milhares ou milhões de vidas. Quem ama a verdadeira ciência agradece. Versão 3: Cientista brasileiro chamado de negacionista pela imprensa é eleito o melhor do mundo nos EUA 

Versão 4:Médico de Itajaí SC ganhou TÍTULO DE MELHOR CIENTISTA MÉDICO DO MUNDO por dar Ivermectina pra toda a população! E agora? O que vão dizer os “especialistas” de plantão da globóschta, da rbs, da ‘rádia’ gaúcha, da zh, e de todas as m…¹³ das suas porquêras afiliadas… que ficaram 25h/dia, 8 dias/semana, 33 dias/mês, 370 dias/ano falando bobagens, espalhando pânico, proibindo isso, proibindo aquilo, … 1 minuto de silêncio nos jogos “em homenagem” às vítimas da FRAUDEmia, … ??? DALE BOLSONAROOOOOO E AI PETEZADA???

Checagem

Para realizar a checagem do conteúdo, vamos responder às seguintes questões: 1) Quem é o médico citado como vencedor de prêmio de melhor cientista do mundo? 2) É verdade que o médico que defendeu a ivermectina e foi chamado de negacionista recebeu prêmio de melhor cientista do mundo? 3) O prêmio em questão significa que a ivermectina cura Covid-19 e vacinas não funcionam?

Quem é o médico citado como vencedor de prêmio de melhor cientista do mundo?

O médico citado na história é um endocrinologista. De fato, ele defendeu tratamentos que as principais autoridades de saúde já demonstrarem serem sem eficácia contra a Covid-19 (como o uso da ivermectina e da proxalutamida). Ele também faz parte de grupos que desestimulam a vacinação contra a doença.

É verdade que o médico que defendeu a ivermectina e foi chamado de negacionista recebeu prêmio de melhor cientista do mundo?

Não é verdade. Dois motivos são os principais: o primeiro deles é que não existe, exatamente, um prêmio de “melhor cientista do mundo”. O mais próximo disso é o Prêmio Nobel de Medicina, Química e Física.

Se levarmos em conta este prêmio, os atuais vencedores (de 2023) são Katalin Karikó e Drew Weissman. Ele foram responsáveis pelas descobertas que levaram o desenvolvimento das vacinas de mRNA. Ou seja: se pudermos chamar alguém de “melhor cientista” é alguém que defendeu as vacinas.

O segundo é que o prêmio vencido pelo médico brasileira não tem nada a ver com ser “melhor cientista do mundo”. Ele ganhou um prêmio em um Congresso nos EUA de pessoas que compactuam das mesmas ideias sobre a Covid-19, vacinas e tratamento. Ou seja: um grupo segmentado que defende posicionamentos que já se mostraram ineficaz e são contrários ao que prega as principais autoridades em saúde do mundo.

O prêmio em questão significa que a ivermectina cura Covid-19 e vacinas não funcionam?

Não. As vacinas continuam sendo recomendadas como uma das principais medidas para a prevenção de formas graves da Covid-19 por autoridades mundiais de saúde. Ao mesmo tempo, tratamentos com remédios como a ivermectina já foram descartados desde estudos do início da pandemia. O prêmio, de um grupo totalmente fechado e considerado negacionista (sim) por ir contra o senso científico, não muda este quadro.

Conclusão

Fake news ❌

Não é verdade que alguém que tenha defendido a ivermectina e tenha sido contra vacinas tenha ganho o prêmio de melhor cientista do mundo. Além de não existir este título (o mais próximo é o Nobel), não faria muito sentido ele ser laureado por estudos que vão contra o que defendem as principais autoridades em saúde do planeta.

Ps: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo e-mail [email protected] e WhatsApp (link aqui: https://wa.me/556192755610).