Pular para o conteúdo
Você está em: Página Inicial > Saúde > Dr. Dave Martin revela que o coronavírus foi criado propositalmente #boato

Dr. Dave Martin revela que o coronavírus foi criado propositalmente #boato

Dr. Dave Martin revela que o coronavírus foi criado propositalmente, diz boato (Foto: Reprodução/Facebook)

Boato – Em reunião no Parlamento Europeu, dr. Dave Martin revelou que o coronavírus foi criado por humanos para ser uma arma.

Os anos de pandemia foram difíceis para o mundo todo. Além do medo e das diversas semanas sem poder sair de casa, muitas pessoas ainda tiveram perdas (de familiares, amigos e conhecidos, todos vítimas da Covid-19).

Mas graças às vacinas e às medidas de proteção, as pessoas puderam ser protegidas contra a doença e, gradualmente, as coisas começaram a voltar ao normal. Em 2023, a Organização Mundial da Saúde (OMS) declarou o fim da emergência de saúde pública para a Covid-19. Porém, reforçou a necessidade da vacinação que vem caindo nos últimos meses.

E de acordo com uma história que está circulando nas redes sociais, o dr. Dave Martin teria revelado no Parlamento Europeu que o coronavírus foi criado de forma proposital. Segundo o vídeo que acompanha a publicação, o dr. Dave Martin teria dito que o coronavírus foi identificado em 1965 e, em 1966, foi usado como experiência biológica transatlântica em manipulação humana. De acordo com ele, os primeiros testes foram feitos em 1967 e, a partir dos anos 70, os cientistas começaram a modificar o vírus. Segundo ele, o SARS foi projetado em 2002, pela Universidade da Carolina do Norte (EUA) como uma arma contra as pessoas. Por fim, ele também teria revelado que a Moderna teria tentado tirar a patente de uma vacina para Covid-19 antes mesmo dela aparecer. Confira:

“”Criámos o vírus SARS propositadamente” – Dr.Dave Martin, no Parlamento Europeu. “A intenção era levar o mundo a aceitar um modelo universal de vacina, e o coronavírus foi a forma para lá chegar”, acrescentou”.

Dr. Dave Martin revela que o coronavírus foi criado propositalmente?

Vídeo: é falso que Lojas Francesas (Americanas) tenha jogado livros de Felipe Neto no lixo

A informação viralizou nas redes sociais, em especial, no Tik Tok e se tornou popular em grupos antivacina e negacionistas. Apesar disso, a história não é verdadeira. A explicação está na origem da informação e pela verdadeira identidade do homem que aparece no vídeo.

Não é de hoje que histórias falsas sobre o coronavírus (SARS-CoV-2) ter sido criado de forma intencional circulam na internet. A equipe do Boatos.org já desmentiu inúmeras delas ao longo da pandemia, como a que dizia que um vídeo de 2015 da TV italiana RAI teria provado que o coronavírus foi criado em um laboratório na China. Também a que indicava que Tasuku Honjo, professor japonês vencedor do Nobel, teria revelado que a Covid-19 não seria natural e, por fim, a que apontava que o Washington Post teria confirmado que a infecção pelo coronavírus teria surgido do laboratório de Wuhan.

Ao pesquisar mais sobre o vídeo e as informações fornecidas por ele, descobrimos que o homem que aparece nas imagens não é um médico, mas sim um analista financeiro. O homem, que se chama David Martin, também é empresário e tem um canal no YouTube onde compartilha suas ideias de teorias conspiratórias. Se isso não bastasse, David Martin também é conhecido por falas negacionistas e falsas. Em 2011, por exemplo, ele publicou um romance que, segundo ele, se baseava em fatos reais e falava sobre uma eleição fraudulenta de 2008 que estaria ligada aos ataques terroristas de 11 de setembro de 2001. Além disso, ao longo da pandemia, ele compartilhou diversas histórias falsas sobre um suposto complô entre pessoas ricas e influentes e empresas farmacêuticas que estaria por trás da Covid-19.

Por fim, a origem do coronavírus SARS-CoV-2 não é tão óbvia. A teoria mais aceita é que o vírus tenha se originado em um morcego que teria contaminado um mamífero que, posteriormente, passou o vírus para um humano no mercado de Wuhan. Essa teoria é sustentada pelos dados mais recentes publicados em revistas científicas. Apesar disso, a origem exata do SARS-CoV-2 ainda não é conhecida (e nem sabemos se será). E se nem os cientistas da área sabem, não vai ser o analista financeiro David Martin que vai saber.

Em resumo: a história que diz que o dr. Dave Martin teria revelado que o coronavírus foi criado intencionalmente é falsa! O homem que aparece no vídeo se chama David Martin e não é um médico (e nem cientista). David, na verdade, é analista financeiro, empresário e mantém um canal no YouTube onde compartilha teorias da conspiração. Se isso não bastasse, não é de hoje que ele compartilha histórias falsas. Em 2011, ele chegou a publicar um romance baseado em fatos reais onde falava que uma eleição presidencial fraudulenta de 2008 teria relação com os ataques terroristas de 11 de setembro de 2001. Por fim, não existe uma explicação exata sobre a origem do vírus, mas a teoria mais bem aceita é que o vírus tenha surgido em um morcego, que contaminou um mamífero e, posteriormente, ele passou o vírus para um humano no mercado de Wuhan. Se nem os cientistas da área conseguem afirmar com exatidão a origem do vírus, não vai ser o analista David Martin que terá essa resposta, não é mesmo?

Ps: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo siteFacebook e WhatsApp no telefone (61) 99458-8494.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube https://bit.ly/3vZsrnd
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/3ounmCN
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3yPELWj
 – Siga-nos no Kwai http://bit.ly/3zGePPm