Cruz Vermelha americana e japonesa não aceitam doação de sangue de vacinados contra a Covid-19 #boato

Boato – A Cruz Vermelha dos Estados Unidos e do a Japão estão recusando a doação de sangue de vacinados contra a Covid-19 porque a vacina destrói anticorpos.

Depois de algumas semanas de trégua (ao ver que estão perdendo a batalha de narrativas), os antivacinas voltaram a atacar. Depois de uma série de informações falsas que colocavam em xeque a eficácia dos imunizantes, começaram a circular na internet (mais) mensagens que falam sobre efeitos da vacinação.

Textos apontam que a Cruz Vermelha dos Estados Unidos e do Japão não está aceitando a doação de sangue de pessoas que foram vacinadas contra a Covid-19. Na versão “americana” do boato, é dito que o motivo seria que a vacina destrói os “anticorpos naturais” das pessoas e, ainda por cima, aponta que as vacinas são “um veneno”. Leia as mensagens que circulam online:

Versão 1: cruz vermelha japonesa rejeita doação de sangue de pessoas foram injetadas com “vacinas” contra coronavirus Versão 2: Cruz Vermelha Americana: vacinasoa não podem doar sangue, porque a vacina destrói completamente seus anticorpos naturais, doação de sangue agora somente de pessoas que se recuperaram de forma natural do virus.

Um dos grandes objetivos dos psicopatas do poder global era VACINAR geral para controlar, deformar e escravizar de vez a humanidade. TUDO na agenda, tudo bem ÓBVIO. É o obvio para quem está com a mente preparada. Grande parte da humanidade não está preparada para notar o óbvio. Prepare-se, informe-se e diga NÃO pra essas vacinas mal testadas venenosas! Mortes aumentan após vacinação. Infográficos mostram mortes aumentando em todos os países após o inicio da vacinação.

Cruz Vermelha não aceita doação de sangue de vacinados contra a Covid-19 nos EUA e Japão?

Infelizmente, não faltaram pessoas aqui no Brasil (mesmo estando longe dos EUA e Japão) compartilhando a informação apenas para atacar as vacinas. Só que não é verdade que vacinados contra a Covid-19 estão proibidos de doar sangue para a Cruz Vermelha nos EUA e Japão.

Antes de falar da suposta proibição em si, vamos falar das “teses anexas” na versão norte-americana da história. Tratam-se de informações falsas que já foram desmentidas aqui no Boatos.org e por outros sites. A primeira tese falsa da mensagem é a que aponta que a vacina destrói anticorpos ou baixa a imunidade da pessoa. Como apontamos aqui, a vacinação não tem impacto na imunidade natural das pessoas.

A segunda mentira da mensagem é a que aponta que as vacinas estão na agenda globalista para escravizar a população. A tese, obviamente, não tem nenhuma lógica. A terceira é a que aponta que a vacina aumenta o número de mortes. Não há qualquer prova de que a vacina cause mortes (ela evita, aliás, mortes por Covid-19).

Dito isso, vamos ao objeto principal do boato. Não é verdade que a doação de sangue foi proibida a vacinados no Japão e nos Estados Unidos. Na realidade, houve uma distorção de comunicados por parte da Cruz Vermelha nestes países.

A informação falsa relativa à proibição de doação de sangue por vacinados no Japão foi esclarecida pela própria Cruz Vermelha no país. Em um comunicado após a tese falsa se espalhar, a entidade esclareceu que vacinados devem ficar dois (isso, dois) dias sem doar sangue. Após esse período, é possível fazer a doação normalmente. Leia o que é escrito (traduzido automaticamente):

A doação de sangue não é possível por 48 horas após a vacinação de RNA, incluindo vacina de RNA * Atualmente, a vacina de RNA aprovada no Japão é fabricada pela Pfizer. Você pode doar sangue após o período acima, tanto para a primeira quanto para a segunda inoculação.

Ou seja: é falso que as pessoas que se vacinaram nunca mais poderão doar sangue no Japão. O que é pedido é um intervalo de 48 horas. Assim como a versão japonesa é falsa, temos uma fake news na versão norte-americana.

Além de todas as teses que embasaram a mensagem serem falsas, o que houve também foi uma interpretação errada em cima de uma regra para doação de sangue no país. Tanto que a mensagem foi desmentida por sites como o Politifact.

Na publicação há até uma explicação retirada da página da Cruz Vermelha dos Estados Unidos. E a regra é clara. Qualquer pessoa vacinada que não tenha sintomas de Covid-19 (ou seja, que não tenha efeitos colaterais) podem doar sangue. Não tem nada de proibição no país.

Resumindo: a história que aponta que a Cruz Vermelha proibiu a doação de sangue por vacinados nos Estados Unidos e Japão é falsa. Tudo não passa de distorções de regras relacionadas ao procedimento. Doe sangue, vacine-se e não acredite em fake news.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99177-9164.

Ps2: Confira a nossa nova seção “Oportunidades” clicando aqui. Na página, você pode acesso a promoções, descontos e sites que dão brindes.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/3aIzl5T
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3w3sv3d
 – Siga-nos no Kwai https://bit.ly/3wa3LY1

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet