Balas Popping Candy distribuídas em escolas são comprimidos de ecstasy #boato

Boato – Se você vir o seu filho com um pacote de balas Popping Candy, tome cuidado. Elas são, na realidade, comprimidos de esctasy que estão sendo distribuídos nas escolas brasileiras. Alerta!

Há poucos dias, o Boatos.org desmentiu uma história que falava que uma droga chamada Strawberry Quick estaria sendo distribuída em escolas. Nem bem esse boato “esfriou” e outro alerta começou a aparecer em redes sociais. A história “da vez” aponta que a nova ameaça às famílias brasileiras são as balas que vêm em um pacote das balas Popping Candy.

Quer se livrar de boatos? Clique para curtir o Boatos.org Siga o Boatos.org no Twitter: Se inscreva no nosso canal no Youtube

Receba as nossas atualizações no grupo do WhatsApp (só postagens do administrador, não se preocupem): http://bit.ly/36nlVru

Confira o nosso Instagram:

Instagram

De acordo com a mensagem, o que vem dentro desse pacote e está sendo distribuído em escolas para enganar as crianças e viciá-las é esctasy. Junto à mensagem e a imagem está uma foto de “balas de ursinho”. Leia o que diz uma versão que nos deparamos. “Por favor, mostre isso aos seus filhos e avise-os que não é doce!!! É êxtase!!! Por favor, para todos os que você conhece!!!”

Balas Popping Candy distribuídas em escolas são comprimidos de ecstasy?

A imagens da nova ameaça às crianças circulou muito na internet. Mas será mesmo que as Balas Popping Candy distribuídas em escolas são comprimidos de ecstasy? A resposta é não. Para você entender tudo, vamos aos fatos.

O primeiro ponto que indica que a história é, no mínimo, estranha está na própria mensagem que está se espalhando pelo WhatsApp. O texto é vago (não diz onde as tais balas foram encontradas), alarmistas, tem erros de gramática (chegam a escrever a droga como “êxtase”) e pede o compartilhamento. Já explicamos que essas são as principais características de boatos online. Se você ainda tem dúvida, dá uma olhada no vídeo abaixo:

Segundo ponto: tentamos procurar pelas imagens e descobrimos que as Balas Popping Candy não têm nada a ver com os comprimidos de ecstasy ou com o Brasil. O pacote é apenas de uma bala especial para o Valentine’s Day (14 de fevereiro) e sequer é do Brasil (vale dizer que aqui não comemora o Valentine’s Day como Dia dos Namorados). Se você não sabe, a tal Popping Candy nada mais é do que aquelas balas ácidas que “explodem na boca”.

Vale dizer também que não há nenhum caso descrito de ecstasy distribuído nas Balas Popping Candy ou de drogas com formato de urso rolando no Brasil.

Resumindo: não há casos de distribuição de drogas em pacotes da bala Popping Candy mostrada na imagem, os comprimidos de esctasy em formato de urso não são do Brasil e o texto carrega todas características de boatos online. Apesar de não ser uma boa aceitar “balinhas” de estranhos, a história cheira mais a uma tentativa de causar pânico do que alertar para algo real. Boato.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99177-9164.

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)