Polícia mata bandido enquanto cristãos faziam orações no monte #boato

Boato – Vídeo mostra o momento em que um policial cercou e matou um bandido enquanto cristãos faziam orações em um monte.

Se existe um tema que, infelizmente, é atemporal é o da violência urbana. Tanto que nem a pandemia da Covid-19 freou o número de mortes de policiais e em ações policiais. E, de acordo com um vídeo que já circula há algum tempo na internet, uma morte ocorreu em meio a orações.

Um vídeo (que obviamente, não será exibido aqui) mostra um grupo de cristãos orando “no monte” quando, de repente, um policial do Rio de Janeiro chega no grupo e simplesmente atira na cabeça de um sujeito. Leia algumas das imagens que circularam junto com o vídeo em questão:

Versão 1: Polícia do Rio, executa bandido na frente de Cristãos. Versão 2: Os irmãos estavam fazendo um culto a Livre quando de repente mente chegou um cidadão que para polícia era b******o policial chega e atira na cabeça do do homem sem direito de defesa Segue o vídeo

Versão 3: Policial Mata bandido na frente dos irmãos da igreja fazendo culto ao ar livre Esse vídeo foi enviado pelo Whatsapp não tenho informação a respeito desta situação no momento. Versão 4: O rio de Janeiro está em estado mais do quê critico olha o quê a TV não mostra.

Polícia mata bandido enquanto cristãos faziam orações no monte?

O vídeo deixou muita gente, principalmente em grupos religiosos, intrigadas. Porém, o vídeo em questão não passa de uma encenação. Mais do que isso: trata-se de um boato que foi desmentido no Boatos.org em 2018. Como o que falamos vale para hoje, relembre o que escrevemos sobre o assunto na época:

Para começar, vamos falar da mensagem que acompanha o vídeo. Ela tem as principais características de um boato (vaga, alarmista, com erros de português e sem citar fontes confiáveis). Só pela falta de informações, já deveríamos suspeitar da veracidade da história. Junte isso ao fato de que não há qualquer notícia sobre o vídeo ou mesmo relato das “testemunhas do crime” sobre a “execução no culto”.

Explicado o contexto das mensagens, vamos ao vídeo. Perceba o ambiente. Há diversas pessoas ao lado do suposto bandido e ao redor da filmagem. Por que policiais iriam se expor dessa forma para executar alguém. No mínimo, eles estariam correndo dois riscos: 1) Alguém da multidão tentar atirar. 2) Alguma testemunha fazer uma denúncia. Não faz muito sentido esse modus operandi para execuções.

Outro ponto. Observe a hora do tiro (9 segundos). Primeiro: o tiro não está direcionado ao sujeito e sim ao boné dele. Segundo: apenas as mulheres que estavam orando perto do sujeito se apavoram. Todas as outras pessoas continuam impassíveis. Por fim: o sujeito demora uns dois segundos e cospe “sangue”. Para, para, para…

Você já deve ter visto muitas vezes as pessoas cuspindo sangue após levar um tiro em ficções. Isso é algo completamente fora da realidade. Como mostra essa matéria da Science, um tiro (com exceção se atingir o esôfago) não faz uma pessoa “cuspir” ou “vomitar” sangue. O que dirá de um tiro na cabeça… detalhe: o sangue que sai da boca do sujeito é o único da cena.

Já deu para ver que o vídeo não é real. Mas afinal, de onde é a gravação. Temos uma suspeita. É provável que não seja uma cena de filme por dois motivos: 1) os “atores” estão com crachá. 2) Não haveria tanto público, muito menos com o mesmo crachá dos “atores”

A principal hipótese é de que seria uma peça teatral realizada em um retiro de uma congregação cristã. A tese foi reforçada por um comentário de um participante do projeto em uma das postagens no Facebook.

Resumindo: apesar de serem fortes, o vídeo em questão não mostra uma situação real. Trata-se de uma encenação que já foi fruto de um boato desmentido lá em 2018 no Boatos.org.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 99458-8494.

Ps2: Confira a nossa nova seção “Oportunidades” clicando aqui. Na página, você pode acesso a promoções, descontos e sites que dão brindes.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/3vN6CET
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3yPELWj
 – Siga-nos no Kwai https://bit.ly/3cUbEso

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet