Troca de cédulas de 50 e 100 reais é aprovada e será implementada por Bolsonaro #boato

Boato – O presidente Jair Bolsonaro anunciou que todas as cédulas de 50 e 100 reais serão trocadas com o objetivo de caçar corruptos. Troca já foi aprovada e será implementada.

De descontrole da pandemia da Covid-19 a inquéritos contra membros da família, o que não tem faltado nos últimos tempos são polêmicas cercando o presidente Jair Bolsonaro. Mesmo com toda a crise política, econômica e, principalmente, de saúde, ainda tem simpatizante do governo falando assuntos que parecem de outro planeta.

A última história que circula (novamente, diga-se de passagem) online aponta que acabou de ser aprovada a troca da cor das cédulas de 50 e 100 reais. Um vídeo com o título “BOLSONARO TROCA A COR DE CÉDULAS DE 50 E 100 REAIS” aponta que a implementação ocorrerá e o objetivo é “caçar corruptos”. Leia a transcrição do vídeo que circula online:

Confira o desmentido em vídeo:

Fala pessoal já estando de boa aqui né final do dia é entrar no assunto que foi pauta hoje nas redes sociais foi pauta também em alguns sites que a aprovação do presidente bolsonaro naquele plano de troca de cédulas que ele trocar cédulas de 50 e 100 reais todo mundo vai ter que trocar um ano se não trocar acaba perdendo dinheiro.

Qual que é a meta qualquer objetivo o objetivo disso é combater a corrupção aquele bandido que escondeu o dinheiro que enterrou o dinheiro colocou o dinheiro em paredes de concreto ele vai ter que dar um jeito de trocar essa grana ou ele vai acabar perdendo é uma maneira de aquecer a economia fazer esse dinheiro voltar para o mercado e claro acabar com os corruptos do Brasil.

É claro que você pode pensar mas a pessoa compra ouro compra dólar mas a pessoa que vendeu o ouro vai ter que trocar o dinheiro e vai ter que declarar tudo isso então foi mais uma ação do ministro paulo guedes com a aprovação do bolsonaro que foi muito bacana eu acho que agora o Brasil entra nos eixos.

Troca de cédulas de 50 e 100 reais é aprovada e será implementada por Bolsonaro?

O que não faltou foi gente compartilhando a ideia por aí. Mas será mesmo que a tal troca de cédulas foi aprovada e será implementa pelo presidente Jair Bolsonaro? A resposta é não. Calma aí que a gente explica tudo para vocês.

Na realidade, essa história circula na internet desde maio do ano passado. Tudo começou com uma corrente na internet (boato mesmo) que fala sobre mudança na cor do dinheiro. Na versão “maio de 2019”, fizemos um desmentido. Como boa parte dos motivos vale para hoje, veja o que escrevemos e já voltamos para complementar o caso:

O primeiro motivo que entrega a farsa é lógico. Como falamos antes, a ideia de pintar a cor das notas para “pegar corruptos” é péssima. Tem que ter muita inocência para achar que, mesmo com essa limitação, quem tivesse dinheiro em espécie não iria “dar um jeitinho” (seja com a ajuda de doleiros como com a aquisição de bens) para transformar os “reais” em outro tipo de coisa com valor monetário.

Esse não é o único problema. Ela parte de um pressuposto de que todo dinheiro da corrupção fica armazenado “em espécie”. Apesar de casos como da “mala de Geddel”, não é a regra. Só para terminar: a “troca da moeda” custaria muito ao governo. Em tempos de contingenciamento, não é a melhor escolha.

Ok, a ideia é (ao contrário do que aponta a mensagem) ruim. Isso enfraquece a tese, mas não a derruba. O que derruba é o fato de que não há qualquer declaração de Bolsonaro falando que vai trocar as cédulas de real no Brasil. Ao buscar sobre qualquer movimentação sobre o assunto, nada encontramos.

Aliás, até encontramos. Ao serviço Fato ou Fake, o ministério da Economia e a Casa da Moeda negaram qualquer movimentação de troca de cédulas. Ou seja: o caso só existe na imaginação de alguns.

Mesmo, como citamos, sendo uma ideia péssima, em junho de 2019 (depois da publicação do nosso conteúdo), o próprio presidente declarou que “havia planos de trocar as cédulas”. Veja bem: ele falou que “havia planos” e mais nada. Mesmo assim, um monte de gente se empolgou e saiu postando a informação. Um desses conteúdos é o vídeo que fala que “as cédulas serão trocadas” (que voltou a circular em 2020 como se fosse atual).

Na época, diversas matérias também repercutiram a fala de Bolsonaro. Uma delas, da Gazeta do Povo, apontava que o custo (para começar) seria de R$ 700 milhões (isso sem mudar as cores das cédulas). A mesma matéria apontou que Bolsonaro falou em “prazo de um ano” se “a economia der sinal verde”. Como vocês viram, um ano passou e a “economia” não deu sinal verde.

Resumindo: a história que aponta que foi aprovada a troca de cédulas de R$ 50 e R$ 100 para “pegar corruptos” é falsa. Além de se tratar de uma péssima ideia, resultar em gastos públicos gigantescos e já ter sido desmentida no ano passado, não há uma atualização sobre o assunto há mais de um ano (a última foi do presidente falando que as cédulas poderiam ser trocadas) e não há indicações de que isso possa ocorrer.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99177-9164. 

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp http://bit.ly/2Xmskzm
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet