Bolsonaro vai mudar cor das cédulas de dinheiro para pegar os corruptos #boato

Boato – Depois de escutar sugestão de militares, Bolsonaro vai mudar a cor das cédulas de R$ 100, R$ 50 e R$ 20 para poder descobrir os corruptos do Brasil.

Já não é de hoje que a relação entre setores ligados ao governo Bolsonaro com outros políticos não é das melhores. A prova disso está em recados que o chamado “Centrão” (grupo de partidos que não apoiam o governo nem a oposição) tem dado em votações no Congresso e em publicações na internet de eleitores de Bolsonaro “alfinetando” a classe política.

A última delas começou com uma “sugestão”, mas não demorou muito para virar “fato”. De acordo com mensagens que circulam na internet, Bolsonaro resolveu tomar uma iniciativa para “acabar com os corruptos”: mudar a cor das cédulas de dinheiro. Leia a mensagem que circula online:

Versão 1: Sugestão: Bolsonaro quer despejar dinheiro na economia? Muda a cor das cédulas de R$100, R$50 e R$20. Dá um tempo, até dezembro de 2019, para a troca das antigas, as que não forem trocadas até a data limite perderão o valor… Muitos Reais vão brotar de paredes, buracos e malas. Vai ser um castigo para os ladrões, corruptos, do nosso pais. Além de perderem fortunas por não poderem mexer nos “seus tesouros”. Vamos repassar até chegar na equipe econômica e no presidente Bolsonaro.

Versão 2: Aos corruptos que possuem dinheiro escondido. Bolsonaro irá mudar a cor das notas.. kkkkkkk Versão 3: BOLSONARO VAI MUDAR A COR DAS NOTAS DE 100 50 E 20 OS CORUPTOS TA FUDIDOS Versão 4: UMA JOGADA DE MESTRE. BOLSONARO, DETERMINOU A TROCA DA COR DAS NOTAS DE REAL, QUE ACONTECERÁ ATÉ O FIM DE 2019.

Bolsonaro vai mudar cor das notas de dinheiro para pegar os corruptos?

Primeiro, a ideia se espalhou muito na internet. Apesar de ser uma ideia “jenial” (e esse é um dos motivos do fake), não iríamos falar nada até algumas pessoas começarem a achar que a medida era real. E claro que não é. Vamos aos fatos.

O primeiro motivo que entrega a farsa é lógico. Como falamos antes, a ideia de pintar a cor das notas para “pegar corruptos” é péssima. Tem que ter muita inocência para achar que, mesmo com essa limitação, quem tivesse dinheiro em espécie não iria “dar um jeitinho” (seja com a ajuda de doleiros como com a aquisição de bens) para transformar os “reais” em outro tipo de coisa com valor monetário.

Esse não é o único problema. Ela parte de um pressuposto de que todo dinheiro da corrupção fica armazenado “em espécie”. Apesar de casos como da “mala de Geddel”, não é a regra. Só para terminar: a “troca da moeda” custaria muito ao governo. Em tempos de contingenciamento, não é a melhor escolha.

Ok, a ideia é (ao contrário do que aponta a mensagem) ruim. Isso enfraquece a tese, mas não a derruba. O que derruba é o fato de que não há qualquer declaração de Bolsonaro falando que vai trocar as cédulas de real no Brasil. Ao buscar sobre qualquer movimentação sobre o assunto, nada encontramos.

Aliás, até encontramos. Ao serviço Fato ou Fake, o ministério da Economia e a Casa da Moeda negaram qualquer movimentação de troca de cédulas. Ou seja: o caso só existe na imaginação de alguns.

Resumindo: a história que aponta que Bolsonaro resolveu mudar a cor das cédulas de real é falsa. Não passa de algo que surgiu em uma proposta na internet e, em pouco tempo, “virou real no mundo das fake news”. Não caia nessa.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99177-9164.

Compartilhe este artigo:

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)