Projeto de lei 2469/2021, de João Flores (PT-BA), cria descontos para homens gays #boato

Boato – O deputado federal João Flores (PT-BA) criou o projeto de lei 2469/2021. Ele prevê descontos e benefício para homens que se declararem gays e tiverem carteira LGBT.

Assim como nos períodos anteriores às eleições de 2018, temas como sexualidade, homofobia e direitos de grupos LGBTQIA+ estão entrando na pauta política e, claro, nas fake news. A última história que vimos neste sentido aponta para um suposto projeto de lei que está escandalizando “conservadores”.

Um print de uma suposta notícia do portal G1 aponta que um deputado de nome João Flores (que seria do PT da Bahia) teria sugerido um projeto de lei de número 2469/2021 que garantiria descontos e benefícios para homens que se declararem gays e tivessem uma “carteira LGBT”. Leia o texto que circula online:

Confira o desmentido em vídeo:

Projeto de lei 2469/2021 autoria do deputado João Flores PT-BA, cria descontos e benefícios especiais para homens que se declararem oficialmente gays. Será necessário apresentação da carteira LGBT e documento com foto nos estabelecimentos conveniados. Por Fernando Weissmann

Projeto de lei 2469/2021, de João Flores (PT-BA) cria descontos para homens gays?

É claro que a tal informação se espalhou rapidamente entre grupos bolsonaristas na internet e chamou atenção. Porém, o tal print do G1 é falso e a tal sugestão de projeto “2469/2021” não tem relação com “carteira LGBT”.

Não é de hoje que fake news vêm disfarçadas de prints de notícias de grandes portais de notícias. Aqui no Boatos.org, por exemplo, já desmentimos notícias falsas com os tais prints que apontavam que um hacker havia apagado nomes do SPC e do Serasa e que Maria do Rosário e Jean Wyllys haviam sugerido um projeto para descriminalizar a pedofilia.

Na realidade, essas matérias falsas com “cara de G1” não são difíceis de se fazer. Para tanto basta a pessoa entrar em um portal de notícias, entrar no código-fonte da página, alterar o campo título, autoria, fazer um print da publicação e voilà: temos um conteúdo adulterado de um portal de notícias.

A prova de que a notícia é falsa está na busca de alguns elementos contidos no vídeo. Primeiro, não existe nenhum projeto de número 2469/2021 que prevê benefícios para homens gays. O projeto com este número (que, por sinal, é uma alusão homofóbica) é do deputado Kim Kataguiri (DEM-SP) e tem a seguinte ementa: “Altera o Decreto-Lei 3.689, de 3 de outubro de 1941 (Código de Processo Penal), a fim de permitir que a citação, intimação ou notificação de preso seja feita por quem tem a sua custódia”.

Por sinal, não existe nenhum deputado chamado João Flores do PT da Bahia. Aliás, não encontramos nenhum deputado com este nome. O mesmo podemos dizer com notícias deste cunho dentro do portal G1. Também não encontramos nada.

Com isso, já podemos passar a régua e apontar que é falsa a informação que aponta que há um projeto de número 2469/2021 com o nome de João Flores (PT-BA) que prevê benefícios para homens gays e a criação de uma carteira LGBT. A notícia é falsa e o print do G1 é uma adulteração criada com (pouca) criatividade e (pouco) conhecimento de programação.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 99458-8494.

Ps2: Confira a nossa nova seção “Oportunidades” clicando aqui. Na página, você pode acesso a promoções, descontos e sites que dão brindes.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/3vN6CET
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3yPELWj
 – Siga-nos no Kwai https://bit.ly/3cUbEso

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet