Prefeito de BH, Alexandre Kalil, é hostilizado em restaurante de Nova Lima durante pandemia #boato

Boato – Alexandre Kalil, prefeito de Belo Horizonte, almoça em Nova Lima (MG) após decretar lockdown e é hostilizado pela população.

Não é novidade para ninguém que as medidas de isolamento social têm trazido diversos tipos de sofrimento a algumas pessoas e a “vontade de furar a quarentena” para amenizar os efeitos desse isolamento só aumentam. Também não é novidade para ninguém que tem muita gente não levando a situação a sério e cometendo diversos deslizes que podem colaborar ainda mais para o grande número de infectados e mortos pela Covid-19.

Exemplos são o que não falta: já teve famoso furando a quarentena e não sabendo lidar com as críticas, já teve digital influencer deixando o isolamento para fazer plástica, já teve jogador de futebol abandonando a quarentena para praticar a fé, já teve baile funk em comunidade e já teve festa privada em bairros de alto padrão.

Se isso não bastasse, uma história que está circulando nas redes sociais promete trazer mais frustração aos internautas. De acordo com um vídeo, o prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil, teria discutido com um homem em um restaurante. A publicação ainda destaca que a discussão teria ocorrido após o prefeito Alexandre Kalil ter decretado lockdown em Belo Horizonte e ter ido almoçar na cidade vizinha, Nova Lima (MG), que não teria adotado medidas tão rigorosas em relação ao isolamento social. Confira:

Versão 1: “O (im)PREFEITO de Belzonte fechou os bares e restaurantes de BH e foi almoçar na cidade vizinha de NOVA LIMA. É um escroto, é um covarde! Não sei quem é esse cara corajoso que teve peito de enfrentá-lo. Mas é um belo exemplo de ação para se começar a enfrentar os POLÍTICOS NOJENTOS desse nosso querido País!”. Versão 2: “Kalil fecha tudo em BH e vai almoçar em Nova Lima. Parabéns pra você prefeito. As eleições estão chegando…..”.

Prefeito de BH, Alexandre Kalil, foi hostilizado em restaurante de Nova Lima durante pandemia?

As imagens geraram revolta nas redes sociais, especialmente pela situação na qual todo o mundo está passando. Mas será que essa história de que o prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil, teria sido hostilizado por decretar lockdown em BH e almoçar na cidade vizinha, Nova Lima (MG), durante a pandemia é real? A resposta é não!

Vamos aos fatos! Para começo de história, a publicação apresenta diversas características de fake news na internet. Ela é vaga, alarmista, possui alguns erros de português e não cita fontes confiáveis.

Além disso, durante a pandemia, histórias falsas envolvendo prefeitos e governadores foram o que não faltou. A equipe do Boatos.org já desmentiu inúmeras delas, como a que dizia que governadores e prefeitos teriam escondido respiradores enviados por Bolsonaro e não enviados aos hospitais. Também a que indicava que o governador do Piauí, Wellington Dias, teria participado de uma festa durante a quarentena e, por fim, a que apontava que o prefeito de Curitiba teria afirmado que não ordenou lockdown na cidade e, mesmo assim, Curitiba não tem óbitos referentes à Covid-19.

Ao assistir o vídeo, identificamos algumas coisas estranhas. Mesmo as cidades com medidas protetivas mais flexíveis adotaram o uso da máscara e isso se reflete na população. Alguns até preferem desafiar a sorte e andam por aí sem a proteção, mas muita gente aderiu ao uso da máscara. Ao ver as imagens, é possível perceber que ninguém está usando máscara.

Decidimos investigar a fundo a origem do vídeo e descobrimos que ele não é recente. As imagens foram gravadas em julho de 2018. Na oportunidade, o prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil, almoçava no restaurante Graciliano, localizado no bairro Lourdes, em Belo Horizonte (MG).

A confusão ocorreu quando um homem questionou Kalil sobre o uso de jatos em viagens a trabalho, em especial, sobre o uso de voos fretados de Belo Horizonte (MG) para Brasília (DF). Após ser hostilizado, Kalil convidou o homem para conversar fora do restaurante. Pedido veementemente negado pelo homem, que chamou o prefeito de “covarde”.

O homem que aparece hostilizando o prefeito Alexandre Kalil, naquela oportunidade, era pré-candidato a deputado estadual pelo partido Novo. Bernardo Bartolomeu (mais conhecido como Bartô) acabou se elegendo deputado estadual nas eleições de 2018.

Em resumo: a história que diz que o prefeito de Belo Horizonte (MG), Alexandre Kalil, teria decretado lockdown na cidade e ido almoçar em Nova Lima (MG) é falsa! O vídeo usado para embasar toda a história, na realidade, é antigo. As imagens foram registradas em julho de 2018, bem antes da pandemia. Ou seja, a história não passa de balela e não tem nada a ver com furar quarentena. Até a próxima!

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99177-9164. 

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp http://bit.ly/2Faip9f
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)