Se o governo não resolver greve dos caminhoneiros, haverá intervenção militar #boato

Boato – General do Exército diz que se o governo não resolver impasse dos caminhoneiros até a semana que vem, Forças Armadas vão realizar uma intervenção militar. Orientação é para que caminhoneiros digam “queremos intervenção militar”.

Em meio à greve dos caminhoneiros, o que não tem faltado é fake news. E muitas dessas notícias falsas estão sendo criadas e compartilhadas pelas mesmas pessoas que pedem a intervenção militar no Brasil. E agora chegou o momento de falar de uma das utilizadas por eles.

Tem circulado na internet, por meio de diversos áudios, vídeos e textos, uma tese que aponta que o Exército teria dado um prazo para o governo resolver o impasse com os caminhoneiros: se até a semana que vem (em alguns casos segunda-feira. Em outros terça-feira) os protestos não forem encerrados, haverá uma intervenção militar no Brasil.

Com isso, os intervencionistas estavam pedindo para os caminhoneiros reivindicar o Exército no poder. A lógica seria essa: os caminhoneiros resistem, o prazo do governo se encerra e chegaríamos à intervenção militar. Leia um texto e um conteúdo de áudio que circulam online:

EXÉRCITO EMITE NOTA AO TEMER GENERAL BRAGA NETTO E A PARALISAÇÃO PELO PAÍS: Coronel Saldanha! Comandante Braga Netto falou com o presidente Temer hoje e deu uma semana para ele resolver os protestos com os caminhoneiros. Senão haverá intervenção militar na próxima semana tá? Intervenção militar e todos já estão preparados aqui.

GENERAL ACABA DE PUBLICAR E CONFIRMAR AO VIVO, QUE A ULTIMA CHANCE DO GOVERNO E ATÉ SEGUNDA FEIRA. OS FORÇAS ARMADAS JÁ ESTÃO PREPATADA PARA TOMAR CONTA DO BRASIL. Vamos segurar, só faltam 3 dias, pela primeira vez estamos unidos é temos o apoio de toda população Brasileira. REPASSEM PARA TODOS OS GRUPOS , ASSIM ESTAMOS APOIANDO NOSSOS GUERREIROS DA ESTRADA.

Se o governo não resolver greve dos caminhoneiros, haverá intervenção militar?

Como falamos antes, essas e outras versões da história estão circulando muito na internet (uma das versões teve mais de 75 mil compartilhamentos em um dia) e o pedido para que os caminhoneiros peçam “queremos intervenção militar” pode ser visto em alguns protestos. Mas será mesmo que o Exército deu um ultimato no governo? A resposta é não. Vamos aos fatos.

A temática e as fontes da informação já nos deixam assustados. Essas histórias são, invariavelmente, criadas por um grupo que, além de pedir intervenção militar, sempre solta boatos de que ela está iminente (já desmentimos ameaças de intervenção uma meia dúzia de vezes). Só nos últimos dois meses, é a terceira vez que a gente desmente essa história. Como pode ser visto aqui e aqui, era alarme falso nas outras vezes.

Para além disso, os dois conteúdos que estão sendo analisados seguem aquele roteiro básico dos boatos online: vagos, alarmistas, com erros de português, pedido de compartilhamento e sem citar fontes. Isso nos faz desconfiar mais ainda de que seja um boato.

As desconfianças se confirmam ao buscarmos sobre qualquer informação em relação a esse ultimato do Exército. Nenhum general do Exército “publicou e confirmou ao vivo” sobre essa história e o comandante Braga Netto (responsável pela intervenção na segurança do Rio de Janeiro) não se pronunciou a respeito do assunto. Também não encontramos nenhuma nota do Exército falando sobre intervenção no Brasil. 

O que estamos vendo em termos de movimento é justamente o contrário. No Rio de Janeiro, as tropas federais (que estão sob o comando de Braga Netto) estão escoltando caminhões-tanque para que não sofram ataques durante as manifestações. O alto comando do Exército também tem demonstrado apoio a Temer em outros locais e, inclusive, pediu um decreto para que as ações sejam realizadas.

Resumindo: a história que aponta que o Exército deu um ultimato ao governo e disse que vai ter intervenção militar no Brasil é falsa. Além de o Exército ter demonstrado apoio (pelo menos por enquanto) ao governo, a história surgiu nos mesmos grupos que vivem falando em “intervenção militar na semana que vem”.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99177-9164.

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet