Gibi da Turma da Mônica contra as drogas foi pedido por Bolsonaro #boato

Boato – A pedido de Bolsonaro, o Conselho Nacional Antidrogas e Maurício de Sousa lançaram um gibi da Turma da Mônica contra as drogas em 2019.

Nestes primeiros dias de governo Bolsonaro, o que não tem faltado é notícia falsa sobre coisas “antigas” que são atribuídas ao presidente da República (como, por exemplo, essa que aponta que o Exército está asfaltando a Transamazônica “a mando de Bolsonaro”).

A última que circula online aponta que, a pedido de Bolsonaro, a Turma da Mônica resolveu lançar um gibi antidrogas. Junto com imagens da publicação, circula a informação de que tudo foi uma “parceria” entre o governo e Maurício de Sousa. Leia a mensagem que circula online:

QUERIDOS PAPAIS Bolsonaro pediu e o Governo Federal, através do Presidente do Conselho Nacional antidrogas elaborou um gibizinho para ensinar as crianças a se protegerem das drogas e ajudarem a identificar os colegas que estejam envolvidos a fim de ajudá-los.

Em parceria com Maurício de Sousa, que teve o maior prazer em atender ao presidente Bolsonaro, foi elaborado este gibi com a “Turma da Mônica”. Recomendo que imprimam e leiam com seus filhos, antes de dormir, e conversem com eles. Segue…

Gibi da Turma da Mônica contra as drogas foi pedido por Bolsonaro?

Muita gente começou a se empolgar com a história e já saiu dando os créditos para Bolsonaro pelo gibi. Mas será mesmo que a publicação que aponta a Turma da Mônica lançou, com Bolsonaro, um gibi antidrogas é real? A resposta é não. Vamos aos fatos.

Quando nos deparamos com a mensagem, já ficamos desconfiados. Analisando de forma mais lógica, os menos de dois meses de governo não é pouco tempo para Bolsonaro “se reunir com o governo”, “o governo falar com Maurício de Sousa” e o gibi ser feito?

Resolvemos procurar mais detalhes a respeito do assunto. Como era de se desconfiar, nada encontramos. Com uma rápida busca pela imagem, descobrimos o mais plausível: a publicação existe, mas é antiga. Ao buscar por detalhes, achamos registros de 2000 sobre a história.

Não achamos a data exata da publicação, mas é possível ter uma pista. Ao final, há a assinatura de Alberto Mendes Cardoso. Ele ocupou o cargo entre 1995 e 1999. Walter Fanganiello Maierovitch assina como Secretário Nacional Antidrogas. De acordo com essa matéria da Folha, ele ocupou o cargo entre 1999 e 2000.

Resumindo: a história que aponta que Bolsonaro pediu para Maurício de Sousa lançar um gibi antidrogas é falsa. A publicação que circula online não é atual e não há nada que corrobore que o atual presidente tenha algo a ver com o assunto.

PS: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema para o Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, no Facebook e WhatsApp no telefone (61) 991779164

Compartilhe este artigo:

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)